Preços

Nesta página, você verá informações sobre os preços do Cloud Run (totalmente gerenciado) e do Cloud Run for Anthos no Google Cloud.

Com relação à implantação de imagens de contêiner do Container Registry, conforme documentado nos preços de rede do Cloud Storage, você não será cobrado se implantar em uma região localizada no mesmo continente que a imagem do contêiner. Por exemplo, implantações para um serviço do Cloud Run (totalmente gerenciado) em us-central1 ou us-east1 de us.gcr.io ou gcr.io são gratuitas.

Preços do Cloud Run (totalmente gerenciado)

O Cloud Run (totalmente gerenciado) cobra apenas os recursos que você usa, arredondados para os 100 milissegundos mais próximos. Cada um desses recursos tem uma cota gratuita. Sua conta total do Cloud Run (totalmente gerenciado) será a soma dos recursos na tabela de preços.

Ao definir uma simultaneidade maior que uma solicitação por vez, várias solicitações podem compartilhar a CPU e a memória alocadas.

Calculadora de preços

Use a calculadora de preços do Google Cloud Platform para estimar o custo do uso do Cloud Run (totalmente gerenciado).

Tabelas de preços

As tabelas de preços a seguir usam a unidade GiB-segundo. Um GiB-segundo significa, por exemplo, executar uma instância de 1 gibibyte por 1 segundo, ou executar uma instância de 256 mebibytes por 4 segundos. O mesmo vale para a unidade vCPU-segundo.

Nível CPU Memória Solicitações Rede
Grátis Primeiros 180.000 vCPU-segundos por mês Primeiros 360.000 GiB-segundos por mês 2 milhões de solicitações por mês 1 GiB de saída por mês dentro da América do Norte
1 US$ 0,00002400 / vCPU-segundo além da cota gratuita
(US$ 0,00000250 em caso de inatividade*)
US$ 0,00000250 / GiB-segundo além da cota gratuita
(US$ 0,00000250 em caso de inatividade*)
US$ 0,40/milhão de solicitações além da cota gratuita Preços do nível Premium da rede do Google Cloud além da cota gratuita.
2 US$ 0,00003360 / vCPU-segundo além da cota gratuita
(US$ 0,00000350 em caso de inatividade*)
US$ 0,00000350 / GiB-segundo além da cota gratuita
(US$ 0,00000350 em caso de inatividade*)
US$ 0,40/milhão de solicitações além da cota gratuita Preços do nível Premium da rede do Google Cloud além da cota gratuita.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

* Inatividade se refere às instâncias mantidas em funcionamento com o mínimo de instâncias.

Sujeitas aos preços do nível 1

  • asia-east1 (Taiwan)
  • asia-northeast1 (Tóquio)
  • asia-northeast2 (Osaka)
  • europe-north1 (Finlândia)
  • europe-west1 (Bélgica)
  • europe-west4 (Países Baixos)
  • us-central1 (Iowa)
  • us-east1 (Carolina do Sul)
  • us-east4 (Norte da Virgínia)
  • us-west1 (Oregon)

Sujeitas aos preços do nível 2

  • asia-east2 (Hong Kong)
  • asia-northeast3 (Seul, Coreia do Sul)
  • asia-southeast1 (Singapura)
  • asia-southeast2 (Jacarta)
  • asia-south1 (Mumbai, Índia)
  • australia-southeast1 (Sydney)
  • europe-west2 (Londres, Reino Unido)
  • europe-west3 (Frankfurt, Alemanha)
  • europe-west6 (Zurique, Suíça)
  • northamerica-northeast1 (Montreal)
  • southamerica-east1 (São Paulo, Brasil)

A cota gratuita é agregada a todos os projetos por meio da conta de faturamento e é redefinida todo mês. Você é cobrado apenas pelo uso após a cota gratuita. O nível gratuito é aplicado como um desconto com base nos gastos usando os preços do nível 1.

Tempo faturável

Para uma determinada instância de contêiner, o tempo faturável ocorre quando:

  • a instância do contêiner está sendo iniciada;
  • pelo menos uma solicitação está sendo processada pela instância do contêiner.

Você receberá cobranças apenas pela CPU e memória alocadas enquanto uma solicitação estiver ativa em uma instância de contêiner. Nessa situação, será feito o arredondamento para os 100 milissegundos mais próximos, a menos que você defina um número mínimo de instâncias de contêiner.

Se uma instância de contêiner receber muitas solicitações ao mesmo tempo, o tempo de cobrança começará com o início da primeira solicitação e terminará no final da última, conforme mostrado no diagrama a seguir:

Tempo faturável

O tempo faturável agregado de todas as instâncias de contêiner do Cloud Run (totalmente gerenciado) é exibido como uma métrica do Cloud Monitoring. Consulte a métrica container/billable_instance_time para mais detalhes.

Preços do Eventarc (visualização)

Os seguintes componentes do Eventarc podem ser faturados:

  • Núcleo de eventos
  • Camada de transporte do Pub/Sub

    Arquitetura do Eventarc

Os eventos das origens do Google Cloud que usam os registros de auditoria do Cloud também utilizam o núcleo de eventos e o Pub/Sub como a camada de transporte. Os eventos de origens personalizadas usam apenas o Pub/Sub como a camada de transporte.

A cobrança total do Eventarc é a combinação dos custos do núcleo de eventos e do Pub/Sub.

Os eventos que usam registros de auditoria geram cobranças do Cloud Logging, e os serviços receptores de eventos no Cloud Run (totalmente gerenciado) geram cobranças do Cloud Run (totalmente gerenciado).

Preços do núcleo de eventos

Os eventos das origens do Google Cloud são cobrados a US$ 0/milhão de eventos publicados.

Preços da camada de transporte

O uso da camada de transporte do Pub/Sub é cobrado de acordo com as taxas padrão do Pub/Sub.

Exemplos de faturamento

Nos exemplos a seguir, os eventos que usam os registros de auditoria do Cloud normalmente têm 2 KiB.

Exemplo de origem de eventos do Google Cloud

Cenário: um serviço do Cloud Run (totalmente gerenciado) que recebe um evento de 2 KiB por segundo durante um mês (2.592.000 eventos) a uma taxa de 2 KBps e de uma origem do Google Cloud, como o Cloud Storage, que usa os registros de auditoria do Cloud.

Uso do núcleo de eventos: US$ 0/milhão de eventos publicados para 2.592.000 eventos. Nessa situação, a cobrança é de US$ 0.

Uso da camada de transporte do Pub/Sub: no exemplo, o tópico do Pub/Sub tem um assinante que consome todos os eventos gerados.

O Pub/Sub tem uma taxa de transmissão total de 4 KBps (2 KBps de entrada e 2 KBps de saída). Depois de 30 dias, isso equivale a 0,0095 TiB de dados. Os primeiros 10 GB fazem parte do nível gratuito. O volume restante de dados faturáveis é 0 TiB, e a cobrança é de US$ 0.

Cobrança total: US$ 0

Exemplo de origem de eventos personalizada

Cenário: um serviço do Cloud Run (totalmente gerenciado) que recebe um evento de 1.024 KiB a cada segundo durante um mês (2.592.000 eventos), a uma taxa de 1 MBps, de uma origem personalizada.

Uso do núcleo de eventos: não aplicável.

Uso da camada de transporte do Pub/Sub: no exemplo, um tópico do Pub/Sub tem uma assinatura, e o assinante consome todos os eventos gerados.

O Pub/Sub tem uma taxa de transmissão de 2 MBps (1 MBps de entrada e 1 MBps de saída). Depois de 30 dias, isso resultará em 4,894 TiB de dados. Os primeiros 10 GB fazem parte do nível gratuito, e o restante do volume de dados faturáveis é 4,884 TiB. Quando a taxa de US$ 40 por TiB é aplicada sobre esse valor, isso gera uma cobrança faturável de US$ 195,36.

Cobrança total: US$ 195,36

Preços do Cloud Run for Anthos no Google Cloud

O Cloud Run for Anthos no Google Cloud é um complemento para o Google Kubernetes Engine. As cargas de trabalho em execução em um cluster estão incluídas nos preços do Google Kubernetes Engine.

A versão em disponibilidade geral (GA) do Cloud Run for Anthos no Google Cloud é um recurso da plataforma Anthos. O uso do Cloud Run for Anthos no Google Cloud está incluído na assinatura do Anthos. Entre em contato com seu representante de vendas para assinar o Anthos.

Preços do Events for Cloud Run for Anthos (Beta)

O Events for Cloud Run for Anthos é um complemento do Google Cloud. As cargas de trabalho em execução em um cluster estão incluídas nos preços do Google Kubernetes Engine. O Events for Cloud Run for Anthos utiliza outros serviços do Google Cloud que geram custos faturáveis.

Serviço Uso
Google Kubernetes Engine Pods de contêineres para componentes de criação de eventos. Os recursos de computação usados neles geram custos faturáveis.
Pub/Sub O Pub/Sub é usado para transportar eventos. A geração de tópicos do Pub/Sub gera custos faturáveis.
Cloud Logging O Cloud Logging é usado para criar registros de auditoria e serviços. Isso gera custos faturáveis.
Cloud Trace O Cloud Trace é usado para rastrear a entrega de eventos da origem ao destinatário. Períodos de processamento do Cloud Trace geram custos faturáveis.

Período de teste gratuito do Cloud Run for Anthos no Google Cloud

O Google está oferecendo um período de teste em que o produto continuará gratuito para clientes atuais e novos. Esse benefício vai até 31 de março de 2021. As cobranças inerentes ao uso da infraestrutura do GKE, Pub/Sub, Cloud Trace e Cloud Logging ainda se aplicam.