Menu

Conte uma história de dados. Visualize um mundo melhor.

Em colaboração com o Banco Mundial, a Fundação das Nações Unidas e a Parceria Global para Dados de Desenvolvimento Sustentável, o Google Cloud organizou um concurso de narrativa de dados chamado Visualizar 2030.

A Agenda 2030

Do fim da pobreza à preservação da biodiversidade, a Agenda 2030 é composta por 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) que definem um plano de ação para as pessoas, o planeta e a prosperidade. Essas metas buscam transformar significativamente três áreas críticas: o fim da pobreza, ajudar a sociedade e preservar o meio ambiente.

O desafio

Contar uma história baseada em dados que revele como pelo menos dois ODS influenciam uns aos outros, e quais ações podem ser tomadas para atingir essas metas até 2030.

A recompensa

As cinco melhores inscrições qualificáveis recebem:

  • Prêmio em dinheiro de US$ 10.000,00
  • Anúncio durante o
    Fórum econômico Mundial em Davos
  • Publicação pelo Google Cloud

A caixa de ferramentas

Dados

Os participantes precisaram usar dados de pelo menos um dos conjuntos de dados públicos recém-disponíveis do BigQuery fornecidos pela Divisão de Estatísticas da ONU e pelo Banco Mundial.

Visualização

Os participantes usaram o Google Data Studio (um serviço gratuito para análise, visualização e relatórios) para visualizar os dados e criar sua história de dados.

Confetes Troféu

Conheça os vencedores!

Parabéns aos cinco vencedores do concurso Visualizar 2030 que deram vida à sua paixão pelo impacto social e ambiental com visualizações de dados. Saiba mais sobre os vencedores e suas histórias de dados abaixo.


Anisa Holmes

Anisa Holmes

City, University of London

Mulheres no governo para paz, justiça e instituições fortes

"Concentrei-me na relação entre o aumento da participação feminina e a redução da corrupção e instituições mais fortes."

Anisa é uma estudante de mestrado em jornalismo interativo na City, da University of London. Anteriormente, trabalhou como jornalista de dados em Berlim e é formada em economia e design gráfico pela Brown University e pela Rhode Island School of Design. Saiba mais sobre o trabalho da Anisa em anisacoletteholmes.com.
Conduzir a responsabilidade

Anna Jacobson

University of California, Berkeley

Os blocos de construção da igualdade de gênero

"A hipótese para a minha história de dados era que o progresso de um país em direção ao alcance da meta de igualdade de gênero se cruzaria com seu progresso em alcançar outros ODS, especificamente em saúde, educação e emprego."

Anna Jacobson é engenheira de formação, gerente de projetos por experiência e cientista de dados por aspiração. Como estudante no programa de Mestrado em Ciência da Informação e Dados da UC Berkeley, Anna está buscando rigorosamente o estudo das muitas facetas da análise de dados, além de servir como representante dos estudantes tanto para a iniciativa MIDS Social Good quanto para a iniciativa Women in MIDS.
Assuma o controle de seus custos

Evan Snary

McMaster University

Pobreza x ação climática: um relacionamento inverso

"Para cumprir os ODS de Fim da pobreza e Agir pelo clima, é essencial que encontremos uma solução que garanta a estabilidade das emissões em países de rápido crescimento, enquanto encorajamos seu crescimento econômico contínuo."

Evan Snary é um estudante de comércio de 21 anos que atualmente frequenta a McMaster University em Ontário, Canadá. Anteriormente, ele participou da gestão de pequenos negócios e está interessado no mundo mais amplo da ciência de dados. O Google Data Studio contribuiu para um estágio bem-sucedido no qual Evan apresentou dados vitais de maneira significativa.
Insights inteligentes para gastos inteligentes

Kelsey Wang

Stanford University

Desigualdades do hoje e do amanhã

"Em minha história de dados, explico a uma personagem imaginária, Emilia, como a educação é necessária para desenvolver soluções para a pobreza e a mudança climática."

Kelsey estuda matemática e ciências da computação na Stanford University. Ela é co-presidente da Stanford Association for Computing Machinery e também está envolvida com o Code the Change, Stanford Splash e Girls Teaching Girls to Code. Kelsey foi co-fundadora do Teens Exploring Code, uma organização liderada por adolescentes que promove acessibilidade à educação em ciência da computação e diversidade em tecnologia.
Insights inteligentes para gastos inteligentes

Sarah Liou

McMaster University

Terra, água, ar e temperaturas em elevação

"Quando comecei a explorar a relação entre as emissões de gases do efeito estufa e a produção de gado, fiquei surpresa ao descobrir os impactos negativos que a agricultura tem em nossos suprimentos de água doce e também na disponibilidade de terra."

Sarah mora em Toronto, no Canadá, e frequenta a McMaster University, onde trabalha para se tornar bacharel em comércio e se especializar em marketing. Sarah foi apresentada ao Google Data Studio por meio de seu estágio de trabalho, onde suas principais responsabilidades são marketing, análise e vendas. Com seu o amor por animais e paixão pelo meio ambiente, Sarah estava animada para criar uma história visual capaz de gerar consciência sobre essas causas importantes.

Conheça os jurados

Especialistas em narrativa multimídia, análise de dados, desenvolvimento sustentável e jornalismo, os juízes usaram seus conhecimentos, e os critérios de avaliação, para selecionar os cinco vencedores do concurso.

Richard Curtis

Rajesh Mirchandani

Chefe de Comunicações, Fundação das Nações Unidas

Simon Rogers

Claire Melamed

Diretora Executiva, Parceria Global para Dados de Desenvolvimento Sustentável

Rajesh Mirchandani

Haishan Fu

Diretora do Grupo de Dados de Desenvolvimento do Banco Mundial

Haishan Fu

Richard Curtis

Escritor, Diretor, Co-Fundador do Dia do Nariz Vermelho e Advogado de Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU

Cindi Howson

Cindi Howson

VP de pesquisa, Gartner

Fausto Ibarra

Fausto Ibarra

Diretor de gerenciamento de produtos, Google Marketing Platform

Claire Melamed

Simon Rogers

Editor de dados, News Lab na Google

Veja o que faz uma história vencedora

Dados primeiro

Comece com os dados. Aborde eles como um cientista faria: observe, elabore uma hipótese e teste sua hipótese contra os dados. Os dados devem ditar a visualização, e não o contrário.

Arco narrativo

Construa uma estrutura narrativa em torno de suas descobertas. Qual é a exposição? A ação crescente? O climax? E finalmente, proponha uma solução que ajude a alcançar dois ou mais dos ODS até 2030.

Interatividade

Convide o público a se envolver com sua história de dados e fazer as próprias perguntas sobre os dados. Isso adiciona um senso de descoberta aos assuntos e achados inter-relacionados.

Linguagem de design

Mantenha uma aparência única em todo seu trabalho. Dê um propósito à fonte, ao tamanho, ao alinhamento e à cor. Certifique-se de que o design guie seu público ao longo de seu arco narrativo.

Acessibilidade

Garanta acesso a suas ideias projetando sua história de dados com uma audiência global em mente. Para alcançar a Agenda 2030, suas visualizações e sua história precisam ser facilmente entendidas por todos.

Espalhe a palavra e compartilhe sua história com #visualizar2030

Data Solutions for Change

A Visualizar 2030 é uma extensão da iniciativa de soluções de dados para mudança do Google Cloud, na qual organizações sem fins lucrativos e ONGs têm a oportunidade de aplicar big data a desafios do mundo real.

Saiba mais

Perguntas frequentes

O concurso Visualizar 2030 é para estudantes universitários e de pós-graduação com 18 anos ou mais (ou a idade de maioridade legal no seu país de residência permanente).
Para ser considerado para o concurso, você deve ser um aluno ativo e matriculado em uma universidade ou faculdade credenciada. Desde que esteja ativamente matriculado e possa comprovar isso, você poderá participar.
O Data Studio é um serviço gratuito on-line de análise visual e de painéis. Saiba mais sobre o Data Studio revisando a página de visão geral do produto e os documentos de ajuda.
O Visualizar 2030 é um concurso baseado nos EUA, mas estudantes de outros países podem participar, desde que residam em um país no qual o Google Data Studio esteja disponível e atendam à lista completa de critérios de qualificação. As regras oficiais contêm os critérios de qualificação na íntegra.
A inscrição e a história de dados devem estar em inglês. Se inglês não for sua primeira língua, fique à vontade para indicar isso na inscrição. Consideraremos isso ao avaliar sua apresentação.
Cada candidato só pode enviar uma apresentação. Vários envios resultarão na desqualificação automática do candidato.
Selecionaremos cinco vencedores avaliados de forma objetiva e abrangente conforme os critérios de julgamento descritos acima.
Cada vencedor receberá um prêmio em dinheiro de US$ 10.000,00. O Google não será responsável por reivindicar, pagar ou lidar com tributos aplicáveis no seu país de residência permanente. Veja detalhes nas regras oficiais.
Primeiro, procure a resposta da sua pergunta nas regras oficiais. Se não a encontrar, faça login no Grupo do Google e entre em contato com o administrador.