Como criar uma imagem do Windows

Você pode criar imagens personalizadas do Windows Server a partir das instâncias existentes do Windows Server. Use essas imagens para criar instâncias com as mesmas imagens de disco de inicialização que as instâncias existentes.

Essas imagens são úteis para salvar as configurações do sistema operacional em suas instâncias existentes e reutilizar a mesma configuração para criar outras instâncias.

Se você precisa criar uma instância a partir de uma imagem pública ou imagem personalizada, leia Como criar uma nova instância do Windows.

Para fazer backups agendados dos dados de seus discos permanentes, use instantâneos de discos permanentes vez de imagens personalizadas.

Se for necessário importar sistemas Windows Server ou SQL Server, use o Serviço de migração de VM.

Como criar uma imagem do Windows Server

Antes de criar a imagem, execute o GCESysprep na instância a fim de prepará-la para o processo de criação de imagem. Esse processo interrompe a instância. Se não for possível interromper sua instância, ignore o processo GCESysprep e crie a imagem, arriscando a integridade dela.

  1. Faça login na sua instância do Windows e abra o PowerShell ou o prompt de comando como administrador.
  2. Use GCESysprep para preparar seu sistema para a cópia. Esse comando desliga a instância e fecha a conexão da área de trabalho remota.

    GCESysprep
    

Depois de preparar sua instância, crie a imagem.

Console

  1. Acesse a página Criar uma nova imagem no Console do GCP.

    Criar uma nova imagem

  2. Especifique um nome para a imagem.
  3. Escolha um disco de origem com o sistema operacional Windows que você usará para criar uma imagem.
  4. Se o disco de origem estiver conectado a uma instância em execução, clique em Manter a instância em execução para criar a imagem mesmo assim. Essa opção pode comprometer a integridade da imagem. Interrompa a instância antes de criar a imagem, se possível.
  5. Clique em Criar.

gcloud

Utilize o gcloud compute com images create e insira o disco permanente de origem a ser usado na criação de uma imagem. Se quiser, inclua a sinalização --force para criar a imagem, mesmo que ela esteja vinculada a uma instância em execução.

gcloud compute images create example-image --source-disk [DISK_NAME] \
    --source-disk-zone [ZONE] [--force]
  • [DISK_NAME] é o nome do disco que será usado para criar a imagem;
  • [ZONE] é a zona do disco;
  • --force é uma sinalização opcional que cria a imagem, mesmo que o disco esteja conectado a uma instância que ainda esteja em execução. Essa opção pode comprometer a integridade da imagem. Interrompa a instância antes de criar a imagem, se possível.

Ao executar esse comando, o gcloud compute cria uma nova imagem baseada no disco permanente fornecido e a adicionada à sua coleção. Verifique se a imagem foi criada com sucesso executando:

gcloud compute images list

API

Faça uma solicitação POST ao método images().insert, com um URL sourceDisk no corpo.

POST https://www.googleapis.com/compute/v1/projects/[PROJECT_ID]/global/images?[FORCE_OPTION]

{
  "name": "[IMAGE_NAME]",
  "sourceDisk": "zones/[ZONE]/disks/[DISK_NAME]"
}

em que:

  • [PROJECT_ID] é o código do projeto para esta solicitação;
  • [FORCE_OPTION] é uma opção para criar a imagem mesmo que o disco de origem esteja vinculado a uma instância em execução. Especifique forceCreate=true no final da linha POST para definir essa opção. Essa opção pode comprometer a integridade da imagem. Interrompa a instância antes de criar a imagem, se possível;
  • [IMAGE_NAME] é o nome dado à imagem;
  • [ZONE] é a zona do disco a partir do qual a imagem será criada;
  • [DISK_NAME] é o nome do disco de origem.

Para mais informações sobre a adição de imagens, consulte a referência de imagens.

Como atualizar agentes e scripts do Windows

No Compute Engine, às vezes são liberadas novas imagens do Windows com os agentes e scripts mais recentes. Esses itens ajudam as instâncias do Windows com processos de inicialização e encerramento, gerenciamento de contas e gerenciamento de endereços.

Desde a versão de imagem v20160112, o agente do Windows é atualizado automaticamente com as versões upstream. Desative essas atualizações configurando a chave de metadados de instância disable-agent-updates como true. Para instâncias baseadas em versões de imagem anteriores, atualize o agente do Windows manualmente.

Próximas etapas

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…

Documentação do Compute Engine