Cotas e limites

O Serviço de transferência de dados do BigQuery limita a taxa máxima de solicitações de entrada e aplica cotas apropriadas por projeto. As políticas específicas variam de acordo com a disponibilidade de recursos, o perfil do usuário, o histórico de uso do serviço e outros fatores, e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Descrevemos nas listas a seguir os limites atuais de taxas e cotas do sistema.

Jobs de carregamento

Os jobs de carregamento criados por transferências estão incluídos nas cotas em jobs de carregamento do BigQuery. É importante pensar em quantas transferências ativar em cada projeto para evitar que ocorram erros quotaExceeded nos jobs de carregamento.

É possível usar a seguinte equação para estimar de quantos jobs de carregamento as transferências precisam:

Number of daily jobs = Number of transfers x Number of tables x Schedule frequency x Refresh window

Em que:

  • Number of transfers é o número de configurações de transferência que você quer ativar no projeto;
  • Number of tables é a quantidade de tabelas criadas por cada tipo específico de transferência; O número de tabelas varia de acordo com o tipo de transferência:

    • As transferências do Campaign Manager criam aproximadamente 25 tabelas.
    • As transferências do Google Ads criam aproximadamente 60 tabelas.
    • As transferências do Google Ad Manager criam aproximadamente 40 tabelas.
    • As transferências do Google Play criam aproximadamente 25 tabelas.
    • As transferências do Search Ads 360 criam aproximadamente 50 tabelas.
    • As transferências do YouTube criam aproximadamente 50 tabelas.
  • Schedule frequency descreve com que frequência a transferência é executada. Há programações de execução de transferência para cada tipo de transferência:

  • Refresh window é o número de dias a serem incluídos na transferência de dados. Se você inserir 1, não haverá preenchimento diário.