Todos os preços de rede

Esta página descreve os preços dos produtos de rede.

Nuvem privada virtual

Os preços a seguir se aplicam durante e depois do período de Nível gratuito do Google Cloud. Durante esse período, esses valores são cobrados com base no total de crédito do Nível gratuito.

Informações de preços gerais de rede

Tráfego de entrada
Tráfego que chega a um recurso do Google Cloud, como uma VM. Se você enviar o tráfego entre duas VMs, ele será contado como tráfego de saída quando sair de uma VM e contado como tráfego de entrada quando chegar na outra VM.
Tráfego de saída
Tráfego que sai de um recurso do Google Cloud hospedado em um data center do Google, como uma VM. A cobrança do tráfego de saída depende de uma série de variáveis: se o tráfego usa um endereço IP interno ou externo, se ele cruza os limites de zona ou região, se ele sai ou permanece dentro do Google Cloud e a distância que ele percorre antes de sair do Google Cloud. Quando duas VMs ou dois recursos de nuvem internos para o Google Cloud se comunicam, existem dois caminhos de tráfego, um em cada direção. O tráfego em cada direção é designado como saída na origem e entrada no destino, e cada direção tem um preço fixado.
Nível Premium
O Nível Premium dos Níveis de serviço de rede usa o backbone premium do Google para transportar tráfego de e para seus usuários externos. A Internet geralmente é usada apenas entre o usuário e o ponto de entrada mais próximo da rede do Google.
Nível Standard
O Nível Standard dos Níveis de serviço de rede usa a Internet para transportar tráfego entre seus serviços e usuários. Embora usar a Internet pública forneça um serviço de qualidade inferior, é mais econômico do que o Nível Premium.

Preços de entrada

Tipo de tráfego Preço
Entrada

Sem cobrança para o tráfego de entrada. No entanto, poderá ter um custo para o recurso que processar o tráfego de entrada. Os serviços que processam o tráfego de entrada são os seguintes:

As respostas às solicitações contam como saída e são cobradas.

Preços de saída VM-VM no Google Cloud

Esta seção abrange o tráfego que sai de uma VM do Google Cloud e vai para outra VM do Google Cloud. O custo é atribuído ao projeto da VM que está enviando o tráfego. Este preço afeta VMs do Compute Engine, nós do Google Kubernetes Engine (GKE) e VMs que executam o ambiente flexível do App Engine.

Os preços a seguir se aplicam durante e depois do período de Nível gratuito do Google Cloud. Durante esse período, esses valores são cobrados com base no total de crédito do Nível gratuito.

Tipo de tráfego Preço
Saída para a mesma zona do Google Cloud ao usar os endereços IP internos dos recursos1 Sem custo
Saída para uma zona do Google Cloud diferente dentro da mesma região do Google Cloud ao usar os endereços IP internos1 (por GB) US$ 0,01
Saída de VM para VM quando ambas as VMs estão namesma região do Google Cloud, seja qual for a zona, ao usar os endereços IP externos (por GB) US$ 0,01
Saída de VM para VM quando ambas as VMs estão em regiões diferentes da mesma rede usando endereços IP internos ou externos Consulte o restante desta tabela.
Saída de uma região do Google Cloud nos EUA ou no Canadá para outra região do Google Cloud nos EUA ou no Canadá (por GB) US$ 0,01
Saída entre regiões do Google Cloud na Europa (por GB) US$ 0,02
Saída entre regiões do Google Cloud na Ásia (por GB) US$ 0,05
Saída entre regiões do Google Cloud na América do Sul (por GB) US$ 0,08
Saída entre regiões do Google Cloud na Oceania (por GB) US$ 0,08
Saída para uma região do Google Cloud em outro continente, exceto Oceania (por GB) US$ 0,08
Saída da Indonésia ou da Oceania2 para qualquer outra região do Google Cloud (por GB) US$ 0,15
Saída de qualquer outra região do Google Cloud para a Indonésia ou Oceania2 (por GB) US$ 0,15

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

1Os preços são aplicados independentemente da rede ou da sub-rede. O preço pelo tráfego dentro de uma zona usando endereços IP internos é o mesmo, ainda que o tráfego seja para uma sub-rede ou rede diferente. O preço do tráfego entre zonas na mesma região será o mesmo, sem importar onde as duas instâncias se encontrem: na mesma sub-rede, em sub-redes diferentes ou em redes diferentes. O preço é o mesmo, independentemente de a instância estar em uma rede VPC ou em uma rede legada.
2 Oceania inclui Austrália, Nova Zelândia e ilhas do Oceano Pacífico, como Papua Nova Guiné e Fiji. Esta região exclui o Havaí.

Serviço VM para o Google

Esta seção abrange o tráfego que sai de uma VM do Google Cloud e vai para um serviço do Google. O custo é atribuído ao projeto da VM que está enviando o tráfego. Este preço afeta VMs do Compute Engine, nós do Google Kubernetes Engine e VMs que executam o ambiente flexível do App Engine.

Os preços a seguir se aplicam durante e depois do período de Nível gratuito do Google Cloud. Durante esse período, esses valores são cobrados com base no total de crédito do Nível gratuito.

Tipo de tráfego Preço
Saída para produtos específicos do Google fora da nuvem, como YouTube, Maps, Doubleclick e Drive, seja de uma VM no Google Cloud com um endereço IP externo ou interno. Sem custo
Saída para um serviço do Google Cloud diferente na mesma região usando um endereço IP externo ou interno, exceto para Memorystore for Redis, Filestore, GKE e Cloud SQL Sem custo
A saída para Memorystore for Redis, Filestore, Cloud SQL e Google Kubernetes Engine na mesma região tem o mesmo preço que o tráfego entre VMs. Preços de saída VM-VM no Google Cloud
Saída para um serviço do Google Cloud em uma região diferente. Preços de saída VM-VM no Google Cloud
Para preços de rede do Cloud Spanner, consulte Preços do Cloud Spanner.
Para preços de rede do Cloud Storage, consulte Preços do Cloud Storage.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Taxas de saída da Internet

Preços do nível Premium

O nível Premium é o nível padrão para todo o tráfego de saída do Google Cloud. Para usar o nível Standard, é necessário especificá-lo explicitamente.

Os preços a seguir se aplicam durante e depois do período de Nível gratuito do Google Cloud. Durante esse período, esses valores são cobrados com base no total de crédito do Nível gratuito.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Preços do nível Standard

O preço de saída é por GiB enviado. Ele é calculado com base na geolocalização de origem do tráfego. O preço de entrada ainda é gratuito. Os limites de uso do programa Sempre gratuito não se aplicam ao nível Standard.

Os preços para o nível Standard entraram em vigor na versão Beta e continuam ativos.

Entre em contato com a equipe de vendas para conhecer os preços para mais de 500 TB.

Preços de endereços IP internos

Não há custos para endereços IP internos estáticos ou temporários.

Preços de endereço IP externo

As cobranças de endereços IP externos estáticos e temporários são feitas de acordo com a tabela a seguir.

Se você reservar um endereço IP externo estático e não atribuí-lo a um recurso, como uma instância de VM ou uma regra de encaminhamento, receberá uma cobrança com uma taxa maior que a dos endereços IP externos estáticos e temporários que estiverem em uso.

Você não é cobrado pelos endereços IP externos estáticos atribuídos a regras de encaminhamento.

Não são geradas cobranças pelos intervalos de endereços IPv6 externos atribuídos a sub-redes ou por endereços IPv6 externos atribuídos a instâncias de VM. Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Em uso ou desuso

O Google Cloud considera que um endereço IP externo está em uso quando ele está associado a uma instância de VM em execução ou interrompida. Se a instância for excluída, ou o endereço IP não estiver associado à instância, o Google Cloud considerará que o endereço IP estático não está em uso.

No caso do endereço IP temporário, o Google Cloud considera que ele está em uso apenas quando a instância de VM associada está em execução. Quando a instância é interrompida ou excluída, o Google Cloud libera o endereço IP temporário e não o considera mais em uso.

Para verificar se um endereço IP externo estático está em uso, faça uma solicitação gcloud compute addresses list. Com esse comando, você retorna uma lista de endereços IP externos estáticos e seus respectivos status:

gcloud compute addresses list

NAME          REGION  ADDRESS        STATUS
address-1             130.211.8.68   IN_USE
address-2             35.186.217.84  RESERVED

Neste exemplo, o IPv4 address-1 está em uso e o IPv4 address-2 está reservado, mas não está sendo usado. Ambos os endereços são cobrados de acordo com a tabela de preços de endereços IP externos neste documento.

Regras de firewall

Regras de firewall da VPC

As regras de firewall da VPC são gratuitas.

Regras e políticas de firewall hierárquicas

Cada política de firewall hierárquica recebe um preço com base no número de VMs e no total de atributos em todas as regras de firewall contidas na política.

Um "atributo" de regra é um intervalo de IP, uma porta, um protocolo ou uma conta de serviço. Para mais detalhes sobre atributos, consulte Atributos de regras de firewall hierárquicas em uma política de firewall hierárquica na página Cotas.

Número de atributos em todas as regras em uma política Preço (USD) por mês
500 atributos ou menos na política (padrão) US$ 1 por VM coberta pela política
501 ou mais atributos na política (grande) US$ 1,50 por VM coberta pela política

Exemplos:

Uma política com 200 atributos que cobre 200 VMs custa US$ 200/mês. 1 * 200 = 200

Uma política com 600 atributos que cobre 200 VMs custa US$ 300/mês. 1,50 * 200 = 300

Uma política que não tem VMs é gratuita.

Private Service Connect

Estes são os custos do Private Service Connect:
Item Preço por hora (USD) 1 Preço por GB processado,
saída e entrada (USD)
Endpoint do Private Service Connect (regra de encaminhamento) usado para acessar APIs do Google US$ 0,01 Sem cobrança de dados
Endpoint do Private Service Connect para acessar APIs do Google com controles de serviço HTTP(S) para consumidores Veja a observação 2 Veja a observação 2
Endpoint do Private Service Connect (regra de encaminhamento) usado por um consumidor de serviço para acessar serviços em outra rede VPC US$ 0,01 US$ 0,01
Anexo de serviço do Private Service Connect usado por um fornecedor de serviços para fornecer acesso aos serviços Sem cobrança por hora US$ 0,01
1A cobrança por hora começa quando o endpoint é criado.
2O Private Service Connect com os controles de serviço HTTP(S) do consumidor usa um balanceador de carga HTTP(S) interno para acessar as APIs do Google. Os preços do balanceador de carga HTTP(S) interno se aplicam:
  • Preços para visualização: todos os preços do balanceador de carga HTTP(S) interno se aplicam, exceto sem cobrança de Dados processados por um balanceador de carga para grupos de endpoints de rede (NEGs) do Private Service Connect. Há uma cobrança por dados processados pelo balanceador de carga para outros back-ends.
  • Preços da disponibilidade geral: todos os preços do balanceador de carga HTTP(S) interno se aplicam, incluindo cobranças de dados processados pelo balanceador de carga para grupos de endpoints da rede do Private Service Connect (NEGs).

Acesso VPC sem servidor

O acesso VPC sem servidor tem os preços a seguir.
Recurso Preço
Conector de acesso VPC sem servidor Cobrado pelo número de instâncias no conector. Consultar os preços do tipo de instância:
Saída de rede do ambiente sem servidor para o destino Cobrado de acordo com as taxas de rede do Compute Engine.
Para visualizar os custos de acesso VPC sem servidor no Console do Cloud, filtre seus relatórios de faturamento pela chave de rótulo serverless-vpc-access.

Telemetria de rede

Os registros de rede geram cobranças. Você será cobrado pelos seguintes produtos:

  • Registros de fluxo de VPC
  • Registro de regras de firewall
  • Registros do Cloud NAT
Geração de registros Preço (USD)
Até 10 TB por mês 0,50/GB
10 a 30 TB por mês US$ 0,25/GB
30 a 50 TB por mês 0,10/GB
mais de 50 TB por mês US$ 0,05/GB

Os registros são enviados para o Cloud Logging. Eles podem ser exportados para o Pub/Sub, o Cloud Storage ou o BigQuery. Além das cobranças da geração de registros, também são aplicáveis as cobranças do Pub/Sub, do Cloud Storage e do BigQuery. Para mais informações sobre como exportar registros, consulte Visão geral da exportação de registros.

Se você armazenar seus registros no Cloud Logging, a geração desses registros não será cobrada, e somente as cobranças do Logging serão aplicadas.

Se você enviar e depois excluir seus registros do Cloud Logging, serão aplicadas as cobranças de geração de registros.

Espelhamento de pacotes

Você é cobrado com base na quantidade de dados processados pelo espelhamento de pacotes. As regras de encaminhamento do espelhamento de pacotes não são cobradas. Atualmente, não há cobrança adicional por VM para usar esse recurso. A tabela abaixo apresenta os custos relacionados aos dados processados pelo espelhamento de pacotes.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

O tráfego de saída de um balanceador de carga é cobrado com as taxas de saída normais. Além dessas taxas, não há custo adicional de saída do balanceador de carga.

Cloud Load Balancing

Regras de encaminhamento e balanceamento de carga

Os preços a seguir se aplicam a todos os tipos de balanceamento de carga diferentes do balanceamento de carga HTTP(S) interno. Para o balanceamento de carga de HTTP(S), consulte a seção Balanceamento de carga HTTP(S) interno.

Para mais informações sobre as regras de encaminhamento do Private Service Connect, consulte a seção desse produto.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

O tráfego de saída de um balanceador de carga é cobrado com as taxas de saída normais. Além dessas taxas, não há custo adicional de saída do balanceador de carga.

Preços do balanceamento de carga HTTP(S) com NEGs sem servidor

Se você estiver usando back-ends de NEG sem servidor para um balanceador de carga HTTP(S) externo, as cobranças de balanceamento de carga HTTP(S) existentes serão aplicadas além das cobranças de computação sem servidor para Cloud Run, Cloud Functions ou back-ends do App Engine. Se o Google Cloud Armor ou Cloud CDN forem usados, suas respectivas cobranças também se aplicarão.

No entanto, você não será cobrado por saída sem servidor e saída de Internet. Apenas as taxas de saída de Internet se aplicam. As cobranças de dados de saída do Cloud Functions, de tráfego de rede de saída do App Engine e de saída do Cloud Run não se aplicam a solicitações transmitidas de um balanceador de carga HTTP(S) (usando NEGs sem servidor) para um serviço do Cloud Functions, App Engine ou Cloud Run (totalmente gerenciado).

Exemplos de preços de regras de encaminhamento

O Google Cloud cobra pelas regras de encaminhamento criadas para o balanceamento de carga ou outros usos, como o espelhamento de pacotes.

Os exemplos a seguir usam preços em US$:

É possível criar até cinco regras de encaminhamento pelo preço de US$ 0,025/hora. Por exemplo, se você criar uma regra de encaminhamento, será cobrado US$ 0,025/hora. Se você tiver três regras de encaminhamento, ainda será cobrado US$ 0,025/hora. No entanto, se você criar 10 regras de encaminhamento, a cobrança será assim:

  • Cinco regras de encaminhamento = US$ 0,025/hora
  • Cada regra de encaminhamento adicional = US$ 0,01/hora

US$ 0,025/hora por cinco regras + (cinco regras adicionais * US$ 0,01/hora) = US$ 0,075/hora

Para a maioria dos casos de uso do balanceamento de carga, somente uma regra de encaminhamento é necessária por balanceador de carga.

No Google Cloud, a cobrança pelas regras de encaminhamento globais e regras de encaminhamento regionais é feita separadamente e por projeto. Por exemplo, se você usar uma regra de encaminhamento global e outra regional em dois projetos separados (ou seja, quatro no total), a cobrança será de US$ 0,10/hora (4 x US$ 0,025/hora).

Como estimar cobranças de balanceamento de carga

Para estimar as cobranças do balanceamento de carga, siga as etapas:

  1. Acesse a calculadora de preços.
  2. Na guia Cloud Load Balancing.
  3. No menu suspenso, selecione a região.
  4. Insira o número aproximado de regras de encaminhamento.
  5. Digite a quantidade mensal estimada de tráfego de rede processado.

Exemplo:

  • Iowa
  • Regras de encaminhamento: 10
  • Entrada de rede: 2.048 GB
  • Custo total estimado: USD 71,13 por 1 mês

Esse exemplo não inclui o custo de saída do envio de respostas dos back-ends.

Balanceamento de carga HTTP(S) interno

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

O balanceamento de carga HTTP(S) interno usa um grupo de instâncias de proxy gerenciadas que são alocadas de forma dinâmica para sua rede para lidar com o volume de tráfego. A cobrança por instância de proxy é determinada com base no número de instâncias de proxy necessárias para processar seu tráfego durante um período específico.

Taxa de instância de proxy

O balanceamento de carga HTTP(S) interno é um balanceador de carga baseado em proxy. O balanceador de carga faz o escalonamento automático do número de proxies disponíveis para processar seu tráfego com base nas suas necessidades de tráfego. A taxa de instância de proxy é baseada no número de instâncias de proxy necessárias para atender às suas necessidades de tráfego. Cada proxy adicional gera uma taxa por hora adicional de acordo com os preços indicados na tabela anterior.

O número de proxies é calculado com base na capacidade medida necessária para lidar com seu tráfego em um período de 10 minutos. Durante esse tempo, analisamos o maior valor de:

  • número de proxies necessários para atender às necessidades de largura de banda do seu tráfego. Cada instância de proxy pode processar até 18 MB por segundo. Monitoramos a largura de banda total necessária e dividimos esse total pela largura de banda que uma instância de proxy pode suportar.
  • O número de proxies necessários para processar conexões e solicitações. Contamos o total de cada um dos seguintes recursos e dividimos cada valor pelo que uma instância de proxy pode processar:
    • 600 (HTTP) ou 150 (HTTPS) conexões novas por segundo
    • 3.000 conexões ativas
    • 1.400 solicitações por segundo*

*Uma instância de proxy pode processar 1.400 solicitações por segundo se o Cloud Logging estiver desativado. Se você ativa o Cloud Logging, sua instância de proxy pode processar menos solicitações por segundo. Por exemplo: Gerar registros de 100% das solicitações diminui a capacidade de processamento de solicitações do proxy para 700 solicitações por segundo. Você pode configurar o Cloud Logging para analisar uma porcentagem menor de tráfego. Isso permite que você atenda às suas necessidades de observabilidade enquanto controla seu custo.

Exemplo de cálculo

Em um período de 10 minutos, 180 MB por segundo de dados são transmitidos pelo balanceador de carga. 180 MB per second / 18 MB per second per proxy instance = 10 proxy instances

Durante o mesmo período, 300 novas conexões HTTPS são estabelecidas por segundo, 3.000 conexões estão ativas e 2.800 solicitações são enviadas por segundo:

300 new HTTPS connections per second / 150 new HTTPS connections per second per proxy instance = 2 proxy instances 3,000 active connections / 3,000 active connections per proxy instance = 1 proxy instance 2,800 requests per second / 1,400 requests per second per proxy instance = 2 proxy instances

Isso se resume a 5 instâncias de proxy. Esta quantidade é inferior às 10 instâncias de proxy necessárias para atender à largura de banda. Assim, a taxa de instância de proxy para este período de 10 minutos seria calculada da seguinte maneira:

10 proxy instances * $0.025 per proxy instance per hour * (10 minutes / (60 minutes per hour)) = $0.0417

O faturamento é calculado com base na capacidade medida necessária para atender às suas necessidades de tráfego, não no número de instâncias de proxy que estão estabelecendo conexões com seus back-ends. Assim, você pode ser cobrado por um número diferente de instâncias de proxy do que você vê em sua infraestrutura.

Taxa mínima de instância de proxy

Para garantir o desempenho e a confiabilidade ideais, cada balanceador de carga é alocado em pelo menos três instâncias de proxy na região do Google Cloud onde o balanceador de carga é implantado. Essas instâncias de proxy são alocadas mesmo que o balanceador de carga não processe tráfego. Depois que uma regra de encaminhamento (com esquema de balanceamento de carga INTERNAL_MANAGED) é implantada em seu projeto, você começa a acumular taxas de instância de proxy. Regras de encaminhamento adicionais geram taxas de instância de proxy adicionais conforme descrito anteriormente (em outras palavras, três instâncias de proxy adicionais por regra de encaminhamento).

As três instâncias de proxy que são alocadas ao seu balanceador de carga resultam em uma taxa mínima por hora de instância de proxy. Por exemplo, para a us-central1 região do Google Cloud, a taxa mínima é calculada da seguinte maneira:

3 proxy instances * $0.025 per proxy per hour = $0.075 per hour

Conforme descrito anteriormente, essas instâncias de proxy podem cada uma processar uma certa quantidade de tráfego. Assim que seu tráfego precisar ultrapassar a capacidade dessas três instâncias de proxy, você irá gerar custos para as instâncias de proxy necessárias para processar qualquer tráfego adicional.

Taxa de processamento de dados

A taxa de processamento de dados é calculada medindo o volume total de dados para solicitações e respostas processadas por seu balanceador de carga durante o ciclo de faturamento. Esta taxa varia de acordo com o uso, e não há taxa mínima para processamento de dados.

Cabeçalhos de solicitação personalizados e cobranças do Google Cloud Armor

Se um serviço de back-end tiver uma política do Google Cloud Armor associada a ele, é possível usar o recurso de cabeçalhos de solicitação personalizados com esse serviço sem nenhuma taxa adicional.

Se um serviço de back-end que usa o recurso de cabeçalhos de solicitação personalizados não tiver uma política do Google Cloud Armor associada a ele, haverá cobrança de US$ 0,75 a cada 1.000.000 solicitações HTTP(S) por mês por conta. Você receberá cobranças apenas pelas primeiras 666.666.667 solicitações por mês por conta.

Encaminhamento de protocolos

A taxa cobrada pelo encaminhamento de protocolos é a mesma do serviço de balanceamento de carga. Regras de encaminhamento e dados de entrada processados por uma instância alvo são cobrados.

Certificados SSL

Não há cobrança para certificados SSL autogerenciados e gerenciados pelo Google.

Google Cloud Armor

Este documento explica os detalhes de preços do Google Cloud Armor e Google Cloud Armor Managed Protection. Esses preços estão ativos.

Nível Standard Nível Plus
Modelo de faturamento Pagamento por utilização Inscrição
Preço da assinatura N/A US$ 3.000/mês (inclui até 100 recursos protegidos)
Recursos protegidos N/A US$ 30/recurso protegido por mês depois dos 100 primeiros
  • Solicitações HTTP do WAF
  • Políticas de segurança do WAF
  • Regras do WAF
  • US$ 0,75 por milhão de solicitações
  • US$ 5 por política ao mês
  • US$ 1,00 por regra ao mês
Tudo incluso.
Taxa de processamento de dados Nenhum Sim, veja a próxima seção
Compromisso com tempo mínimo Nenhum Um ano
Gerenciamento de bots do Google Cloud Armor (VISUALIZAÇÃO) Sem custo extra Sem custo extra

Os recursos protegidos incluem todos os serviços de back-end dos tipos de balanceador de carga a seguir de cada projeto inscrito:

  • Um balanceador de carga HTTP(S) externo
  • Um balanceador de carga de proxy SSL
  • Um balanceador de carga do proxy TCP

Taxa de processamento de dados

A taxa de processamento de dados do Managed Protection Plus calcula os dados de saída para a Internet de todos os recursos protegidos para cada projeto inscrito na plataforma. A taxa de processamento de dados é cobrada na conta de faturamento, agregando o uso em todos os recursos protegidos em todos os projetos inscritos no Managed Protection Plus.

Os preços são calculados com base nos GBs de saída para Internet diretamente ou por meio do peering de operadora, além de outras taxas de saída de rede. Por exemplo, para cargas de trabalho com um balanceador de carga do Google Cloud compatível, a taxa de processamento de dados avalia os bits enviados para a Internet por meio dos endpoints do balanceador de carga registrado, mas não a inter-região ou inter-zona de tráfego associadas pela carga de trabalho subjacente. A cobrança é de US$ 0,05 por GB enviado pelos primeiros 100 TB e US$ 0,04 por GB pelos próximos 400 TB. Se o conteúdo exibido estiver usando o Cloud CDN e for considerado armazenável em cache, a taxa de processamento de dados do Cloud CDN será aplicada a ele. A tabela a seguir contém todos os preços.

TBs de saída Cloud Load Balancing, Internet e Cloud Interconnect Cloud CDN Cloud DNS
0 a 100 US$ 0,05 US$ 0,025 Incluso
101 a 500 US$ 0,04 US$ 0,020 Incluso
501-1000 US$ 0,03 US$ 0,015 Incluso
1001 ou mais Entre em contato com a equipe de conta US$ 0,010 Incluso

Se um serviço de back-end estiver associado a uma política de segurança do Google Cloud Armor, será possível usar o recurso de cabeçalhos personalizados com ele sem nenhum custo adicional.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Google Cloud Platform.

Cloud IDS

Neste documento, mostramos os detalhes sobre os preços do Cloud Scheduler. Esse preço é ativado quando o Cloud IDS está disponível para todos os usuários. Durante a visualização, o Cloud IDS é oferecido sem taxas de uso.

Tipo de uso Preço
Por hora por endpoint US$ 1,50
Por GB processado US$ 0,07

Cloud CDN

Este documento detalha os preços do Cloud CDN.

Os preços nesta página estão listados em dólares americanos (USD). Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Estrutura de preços

Caso O que você paga Observações
Conteúdo que pode ser armazenado em cache, ocorrência em cache Pesquisa no cache +
saída de cache
  • Quando o Cloud CDN exibe seu conteúdo, você é cobrado por largura de banda e por solicitações HTTP/HTTPS.
  • Os métodos HTTP GET e HEAD geram pesquisas no cache. O mesmo não ocorre com outros métodos, como POST e PUT.
  • Isso também se aplica a ocorrências de cache do Cloud CDN para o conteúdo de origens personalizadas que pode ser armazenado em cache.
Conteúdo que pode ser armazenado em cache, ausência no cache Pesquisa no cache +
saída de cache +
preenchimento de cache +
cobranças aplicáveis a processamento de dados do Cloud Load Balancing ou a operações do Cloud Storage
  • As cobranças de preenchimento e saída de cache se aplicam a conteúdo que pode ser armazenado em cache.
  • Em casos de ausência no cache, as cobranças são aplicáveis a processamento de dados do Cloud Load Balancing ou a operações do Cloud Storage.
  • Essas cobranças substituem as cobranças de saída de rede aplicáveis à disponibilização diretamente do Compute Engine ou do Cloud Storage.
  • Para preenchimentos do cache do Cloud CDN por back-ends externos, as solicitações para o back-end externo são cobradas de acordo com as taxas de saída da Internet. Os preenchimentos de cache continuam a se beneficiar da rede de backbone global do Google entre o perímetro e a origem do Cloud CDN.
Conteúdo que não pode ser armazenado em cache Taxas padrão de saída do Compute Engine +
Cloud Storage
  • Para conteúdo que não pode ser armazenado em cache, são aplicadas as taxas padrão de saída da Internet do Compute Enginee do Cloud Storage.
  • Para back-ends externos, a cobrança também é feita pelos bytes de solicitação enviados aos back-ends externos do balanceador de carga com as taxas padrão de saída de Internet do Compute Engine.

Visão geral

A saída e o preenchimento de cache são calculados em gigabytes (GB).

Item Preço
Saída de cache US$ 0,02 – US$ 0,20 por GB
Preenchimento de cache De US$ 0,01 a US$ 0,04 por GB
Solicitações de pesquisa de cache HTTP/HTTPS US$ 0,0075 por 10.000 solicitações
Solicitações enviadas do Cloud CDN para back-ends externos Taxas de saída de Internet do Compute Engine
Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Calculadora de preços

É possível usar a calculadora de preços do Google Cloud para estimar o custo de utilização do Cloud CDN.

Acessar a calculadora de preços

Descontos com base em compromisso

Se você planeja exibir um grande volume de conteúdo do Cloud CDN (mais de 1 PB por mês), entre em contato com a equipe de vendas do Google Cloud para conversar sobre descontos com base em compromisso.

Saída de cache

As cobranças de saída de cache representam as respostas armazenadas dessa forma disponibilizadas por meio do Cloud CDN. Elas variam de acordo com o destino e com o uso mensal. Essa informação é calculada por projeto e por destino. Destino é uma área geográfica determinada pelo endereço IP do cliente.

Destino Preço (por GB) por uso mensal
  Primeiros 10 TB Próximos 140 TB Próximos 850 TB Acima de 1.000 TB
Ásia-Pacífico
(inclui Hong Kong)
US$ 0,09 US$ 0,06 US$ 0,05 US$ 0,04
China1 US$ 0,20 US$ 0,17 US$ 0,16 US$ 0,145
Europa US$ 0,08 US$ 0,055 US$ 0,03 US$ 0,02
América do Norte
(inclui o Havaí)
US$ 0,08 US$ 0,055 US$ 0,03 US$ 0,02
Oceania2 US$ 0,11 US$ 0,09 US$ 0,08 US$ 0,065
América do Sul US$ 0,09 US$ 0,06 US$ 0,05 US$ 0,04
Todos os demais destinos US$ 0,09 US$ 0,06 US$ 0,05 US$ 0,04
Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.
1 O tráfego destinado à China continental é disponibilizado a partir dos locais do Google fora da China continental. O desempenho e a confiabilidade podem ser mais baixos do que os do tráfego veiculado de locais dentro do país.
1 Oceania inclui Austrália, Nova Zelândia e ilhas do Oceano Pacífico, como Papua Nova Guiné e Fiji. Esta região exclui o Havaí.

Preenchimento de cache

As cobranças mensais de preenchimento de cache representam os dados necessários para preencher os caches do Cloud CDN. Para cargas de trabalho normais, em que você exibe conteúdo popular, o preenchimento de cache geralmente é menor que 10% do total de GBs de saída. As cobranças variam com base na origem e no destino. A origem é a região do serviço de back-end ou, no caso de origens personalizadas, a área geográfica correspondente ao endereço IP de origem.

Preenchimento de cache Preço (por GB)
Na América do Norte ou Europa
(inclui o Havaí)
US$ 0,01
Nas seguintes regiões: Ásia-Pacífico, América do Sul, África, Oriente Médio e Oceania
(inclui Hong Kong)
US$ 0,02
Preenchimento de cache inter-regional
(por exemplo: entre Ásia-Pacífico e América do Norte)
US$ 0,04
Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Observações sobre os preços

  • O uso da rede é calculado em gigabytes (GB) binários, sendo que 1 GB equivale a 230 bytes. Essa unidade de medida também é conhecida como gibibyte (GiB). Da mesma forma, 1 TB equivale a 240bytes, ou seja, 1.024 GBs.
  • As cobranças são acumuladas diariamente, mas o Cloud CDN emite a cobrança apenas no final do período de faturamento. Veja o uso não cobrado na página de faturamento do seu projeto no Console do Google Cloud.
  • Os bytes medidos para saída ou preenchimento de cache incluem cabeçalhos de resposta HTTP (após a compactação, se necessária) e o corpo da resposta, bem como trailers.

Exemplo de preço

No exemplo a seguir, você verá um cenário simples que pode se aplicar se você está começando a usar o Cloud CDN.

Suponha que você tenha o seguinte padrão de uso do Cloud CDN em um determinado mês:

Categoria de preços Tipo de uso Valor
Saída de cache Saída de cache na América do Norte 500 GB
Preenchimento de cache Transferência de dados para caches do Cloud CDN 25 GB
Solicitações de pesquisa no cache Métodos HTTP GET e HEAD 5.000.000 operações

Seu faturamento para o mês é calculado da seguinte maneira:

Categoria de preços Cálculo Custo
Saída de cache 500 GB de saída de cache * US$ 0,08 por GB US$ 40,00
Preenchimento de cache 25 GB de preenchimento * US$ 0,01 por GB US$ 0,25
Solicitações de pesquisa no cache

5.000.000 operações (500 GB de respostas de 100 KB, em média)

US$ 0,0075 por 10.000 operações

US$ 0,0075 * 500

US$ 3,75
Total Aproximadamente US$ 44,00

Cloud Interconnect

Veja aqui os preços do Cloud Interconnect em detalhes.

Se você fizer pagamentos em uma moeda que não seja o dólar americano, os preços listados na página SKUs do Cloud Platform serão aplicados na sua moeda.

Interconexão dedicada

O Google cobra por hora para conexões do Interconnect e anexos da VLAN. A cobrança por hora para cada recurso, seja a conexão de interconexão ou o anexo da VLAN, é cobrada no projeto que contém o recurso.

O tráfego de saída das redes de nuvem privada virtual (VPC, na sigla em inglês) que usam conexões do Interconnect tem um preço menor em comparação aos preços gerais de rede do Google Cloud. O preço de saída depende do número de gigabytes (GB) transferidos e do local da sua conexão de interconexão.

O preço com desconto se aplica apenas ao tráfego originado na região em que o anexo da VLAN está localizado. É possível usar anexos da VLAN para acessar serviços localizados em uma região diferente à do anexo da VLAN. Nesse caso, são cobradas as taxas padrão entre regiões pelo tráfego entre a região onde o anexo da VLAN está localizado e a região onde o serviço está localizado.

As cobranças de saída do Cloud Interconnect são acumuladas no projeto proprietário do anexo da VLAN. O projeto que inclui a conexão do Interconnect não é cobrado pela saída. Em específico, os custos de tráfego de saída de um anexo da VLAN em um projeto de serviço de VPC compartilhada, que passa por uma conexão do Interconnect em um projeto de host diferente, são atribuídos ao projeto de serviço.

Tabelas de preços

Preços da interconexão dedicada
Recurso Preço
Conexão do Interconnect US$ 2,328 por hora para cada circuito de 10 Gbps
Conexão do Interconnect US$ 18,05 por hora para cada circuito de 100 Gbps
Um anexo da VLAN de 50, 100, 200, 300, 400 ou 500 Mbps US$ 0,10 por hora para cada anexo da VLAN
Um anexo da VLAN de 1, 2, 5 ou 10 Gbps US$ 0,10 por hora para cada anexo da VLAN
Um anexo da VLAN de 20 Gbps US$ 0,20 por hora para cada anexo da VLAN
Um anexo da VLAN de 50 Gbps US$ 0,50 por hora para cada anexo da VLAN
Tráfego que sai de uma rede VPC por uma conexão do Interconnect
Local da conexão da interconexão Preço
Ásia US$ 0,042 por GB
Europa US$ 0,02 por GB
América do Norte US$ 0,02 por GB
América do Sul US$ 0,08 por GB
Austrália US$ 0,042 por GB
Tráfego de entrada por meio de uma conexão do Interconnect
Tipo de tráfego Preço
Entrada

O Google não cobra pelo tráfego de entrada. No entanto, recursos que processam o tráfego de entrada podem ser cobrados. Para ver uma lista desses recursos, consulte a seção VPC em Todos os preços de rede.

Respostas às solicitações contam como tráfego de saída e são cobradas.

Exemplo de preço

Na tabela a seguir, há um exemplo de padrão de uso de conexões da interconexão dedicada para apenas um mês:

Recursos Uso Custo estimado
Conexão do Interconnect Capacidade de 30 Gbps (3 circuitos de 10 Gbps) 3 circuitos de 10 Gbps x 24 horas a US$ 2,328 por hora x 30 dias = US$ 5.028,48
Conexão do Interconnect redundante Capacidade de 30 Gbps (3 circuitos de 10 Gbps) 3 circuitos de 10 Gbps x 24 horas a US$ 2,328 por hora x 30 dias = US$ 5.028,48
Anexo da VLAN 6 (um por circuito de conexão do Interconnect) 6 anexos de 10 Gbps x 24 horas a US$ 0,10 por hora x 30 dias = US$ 432,00
Saída de tráfego
(saída em uma conexão de interconexão na América do Norte)
20 TB 20.480 GB x US$ 0,02 = US$ 409,60
Custo total US$ 10.898,56

Interconexão por parceiro

O Google cobra por hora dos anexos da VLAN de acordo com a capacidade deles. As cobranças por hora são faturadas no projeto que inclui o anexo da VLAN. Seu provedor também cobrará por serviços, como o uso da rede. Essa cobrança não está incluída nas faturas do Google Cloud. Para ver informações sobre preços, entre em contato com seu provedor de serviços.

O tráfego de saída das suas redes VPC que usa anexos tem um desconto em comparação com os preços gerais de rede do Google Cloud. O preço de saída depende do número de gigabytes (GB) transferidos e do local da sua conexão de interconexão.

O preço com desconto se aplica apenas ao tráfego originado na região em que o anexo da VLAN está localizado. É possível usar anexos da VLAN para acessar serviços localizados em uma região diferente à do anexo da VLAN. Nesse caso, são cobradas as taxas padrão entre regiões pelo tráfego entre a região onde o anexo da VLAN está localizado e a região onde o serviço está localizado.

Tabelas de preços

Preços de interconexão por parceiro
Capacidade do anexo da VLAN do parceiro Preço
50 Mbps US$ 0,05417 por hora para cada anexo da VLAN
100 Mbps US$ 0,0625 por hora para cada anexo da VLAN
200 Mbps US$ 0,08333 por hora para cada anexo da VLAN
300 Mbps US$ 0,1111 por hora para cada anexo da VLAN
400 Mbps US$ 0,1389 por hora para cada anexo da VLAN
500 Mbps US$ 0,1736 por hora para cada anexo da VLAN
1 Gbps US$ 0,2778 por hora para cada anexo da VLAN
2 Gbps US$ 0,5694 por hora para cada anexo da VLAN
5 Gbps US$ 1,25 por hora para cada anexo da VLAN
10 Gbps US$ 2,36 por hora para cada anexo da VLAN
20 Gbps US$ 3,61 por hora para cada anexo da VLAN
50 Gbps US$ 9,02 por hora para cada anexo da VLAN
Tráfego que sai de uma rede VPC por uma conexão do Interconnect
Local da conexão da interconexão Preço
Ásia US$ 0,042 por GB
Europa US$ 0,02 por GB
América do Norte US$ 0,02 por GB
América do Sul US$ 0,08 por GB
Austrália US$ 0,042 por GB
Tráfego de entrada por meio de uma conexão do Interconnect
Tipo de tráfego Preço
Entrada

O Google não cobra pelo tráfego de entrada. No entanto, recursos que processam o tráfego de entrada podem ser cobrados. Para ver uma lista desses recursos, consulte a seção VPC em Todos os preços de rede.

Respostas às solicitações contam como tráfego de saída e são cobradas.

Exemplo de preço

Na tabela a seguir, há um exemplo do padrão de uso de conexões da interconexão por parceiro:

Recursos Uso Custo estimado
Anexo da VLAN 6 anexos de 100 Mbps 6 de US$ 0,0625 x 720 horas = US$ 270,00
Saída de tráfego
(saída em uma conexão de interconexão na América do Norte)
20 TB 20.480 GB x US$ 0,02 = US$ 409,60
Custo total US$ 679,60

Situações de preço

Nesta seção, há diferentes situações de preços sobre como o Google Cloud calcula os preços para o tráfego de saída do Cloud Interconnect. Ou seja, quando uma instância de máquina virtual (VM) ou um produto ou serviço do Google Cloud (que não é de VM) envia tráfego ao seu local por meio de um anexo da VLAN localizado na mesma localização geográfica ou em uma diferente:

Para saber mais sobre os custos de cada situação, incluindo cobranças de saída entre regiões de um continente e entre continentes, consulte Preços gerais de rede.

Uma VM na mesma região que um anexo da VLAN, usando o roteamento dinâmico de VPC regional ou global

Nesse cenário, há duas regiões na América do Norte, us-west1 e us-east1. Essas regiões usam o roteamento dinâmico regional da VPC fornecido pelo Cloud Router. Nesse cenário, não importa o modo de roteamento dinâmico que você usa.

VM no mesmo continente, roteamento regional (clique para ampliar)
  Taxas de saída do Cloud Interconnect para a América do Norte
    Nenhuma cobrança de saída entre regiões.
VM no mesmo continente, roteamento regional (clique para ampliar)
Taxas de saída do Cloud Interconnect para a América do Norte
Nenhuma cobrança de saída entre regiões

Solicite uma conexão do Interconnect em execução no local para San Jose (SJC) e crie dois anexos da VLAN nessa conexão. Um anexo da VLAN vai para a região us-east1, e outro anexo da VLAN vai para a região us-west1.

Se você enviar o tráfego de uma VM de us-east1 ou de us-west1 para seu local pela conexão do Interconnect no SJC, as seguintes taxas serão cobradas:

  • Cobranças de saída do Cloud Interconnect para a América do Norte (que é onde a conexão do Interconnect está localizada).
  • Você não recebe cobranças de saída entre regiões porque as VMs estão usando um anexo da VLAN na mesma região.

Uma VM no mesmo continente, mas em uma região diferente de um anexo da VLAN, usando o roteamento dinâmico de VPC global

Neste cenário, há VMs em duas regiões localizadas na América do Norte, us-west1 e us-east1. Você ativou o roteamento dinâmico global para sua rede de VPC usando o Cloud Router. O roteamento dinâmico global permite que anexos da VLAN em uma região sejam usados por uma ou mais VMs localizadas em outra região.

VM no mesmo continente, roteamento dinâmico global (clique para ampliar),
              Taxas de saída entre regiões para us-east1 a us-west1,
              Taxas de saída do Cloud Interconnect para América do Norte de us-west1 para o local.
VM no mesmo continente, roteamento dinâmico global (clique para ampliar)
Taxas de saída entre regiões de us-east1 para us-west1
Taxas de saída do Cloud Interconnect para América do Norte de us-west1 para local

Solicite uma conexão do Interconnect em execução no local para San Jose (SJC) e crie um anexo da VLAN nessa conexão para us-west1. Depois, envie o tráfego de uma VM em us-east1 para seu local pelo anexo da VLAN localizado em us-west1 As seguintes taxas serão cobradas:

  • Cobranças de saída entre regiões para tráfego de encaminhamento de us-east1 para o anexo de VLAN em us-west1. O anexo da VLAN em us-west1 é considerado a origem do tráfego.
  • Cobranças de saída de tráfego do Cloud Interconnect para a América do Norte para tráfego da região us-west1 para seu local.

Uma VM em um continente diferente de um anexo da VLAN e que usa roteamento dinâmico de VPC global

Essa situação é igual ao exemplo anterior, exceo que a diferença é que uma região, us-west1, está localizada na América do Norte, e a outra, asia-east1, está na Ásia. O envio de tráfego entre regiões em diferentes continentes resulta em taxas de saída mais caras entre regiões.

VM em um continente diferente, roteamento dinâmico global (clique para ampliar),
              Taxas de saída entre regiões intercontinentais para encaminhamento de tráfego de
              asia-east1 para us-west1,
              Taxas de saída do Cloud Interconnect para América do Norte de us-west1 para o local.
VM em um continente diferente, roteamento dinâmico global (clique para ampliar)
Taxas de saída entre regiões intercontinentais para encaminhamento de tráfego de asia-east1 para us-west1
Taxas de saída do Cloud Interconnect para América do Norte de us-west1 para local

A única maneira de enviar tráfego de asia-east1 pelo Cloud Interconnect na América do Norte é ativando o roteamento dinâmico global da VPC. Isso disponibiliza o anexo da VLAN em us-west1 para as VMs em todas as regiões na rede de VPC. As seguintes taxas serão cobradas:

  • Cobranças de saída entre regiões intercontinentais para encaminhamento de tráfego de asia-east1 para us-west1.
  • Cobranças de saída de tráfego do Cloud Interconnect para a América do Norte da região us-west1 para seu local.

Uma VM em um continente diferente de um anexo da VLAN e que usa peering de rede VPC

Essa situação é semelhante ao exemplo anterior, exceto que a diferença é que há duas redes VPC conectadas por peering de rede VPC. O envio de tráfego entre regiões resulta nas mesmas taxas do exemplo anterior, que usa roteamento dinâmico global.

VM em um continente diferente, peering de rede VPC (clique para ampliar),
              Cobranças de saída do Cloud Interconnect para Ásia, de asia-northeast1 às instalações locais,
               Cobranças de saída entre regiões intercontinentais para o encaminhamento de tráfego de
              us-east4 para asia-northeast1
VM em um continente diferente, peering de rede VPC (clique para ampliar)
Cobranças de saída entre regiões intercontinentais para o encaminhamento de tráfego de us-east4 para asia-northeast1
Cobranças de saída do Cloud Interconnect para Ásia, de asia-northeast1 às instalações locais

Você envia o tráfego de us-east4 para sua rede local pelo Cloud Interconnect na Ásia usando peering de rede VPC. As seguintes taxas serão cobradas:

  • Cobranças de saída entre regiões intercontinentais para encaminhamento de tráfego de us-east4 para asia-northeast1.
  • Cobranças de saída do Cloud Interconnect para a região Ásia, para tráfego da região asia-northeast1 às instalações locais

Um produto ou serviço do Google Cloud (que não é uma VM) em um local diferente ao do anexo da VLAN e que usa roteamento dinâmico de VPC global

Além das situações anteriores, as cobranças de saída do Cloud Interconnect se aplicam ao tráfego enviado de um produto ou serviço do Google Cloud que não seja de VM para seu local por um anexo da VLAN. Você paga as cobranças de saída do produto para atingir a região do anexo da VLAN e, em seguida, paga as cobranças de saída do Cloud Interconnect com base no continente onde a conexão do Interconnect está localizada.

Veja no exemplo a seguir as cobranças pelo tráfego de saída de um intervalo do Cloud Storage em uma região diferente em North America em relação à região em que o anexo da VLAN está localizado.

Serviço ou produto que não é VM em duas regiões da América do Norte, roteamento dinâmico global (clique para ampliar), cobranças de saída do Cloud Storage para tráfego encaminhado de um intervalo do Cloud Storage em northamerica-northeast1 para us-west1, Cloud Interconnect taxas de saída para a América do Norte, de us-west1 para local.
Serviço ou produto que não é VM em duas regiões da América do Norte, roteamento dinâmico global (clique para ampliar)
Cobranças de saída do Cloud Storage pelo tráfego encaminhado de um intervalo do Cloud Storage em northamerica-northeast1 para us-west1
Cobranças de saída do Cloud Interconnect para a América do Norte de us-west1 para o local

Nessa situação, há recursos em duas regiões localizadas na América do Norte, us-west1 (Oregon) e northamerica-northeast1 (Montreal). Você ativou o roteamento dinâmico global para sua rede de VPC usando o Cloud Router.

Solicite uma conexão do Interconnect em execução no local para San Jose (SJC) e crie um anexo da VLAN nessa conexão para us-west1. Depois, envie o tráfego do intervalo do Cloud Storage em northamerica-northeast1 para seu local pelo anexo da VLAN localizado em us-west1. As seguintes taxas serão cobradas:

  • Custo de saída do Cloud Storage pelo encaminhamento de tráfego de um intervalo do Cloud Storage em northamerica-northeast1 para um anexo da VLAN em us-west1. Se as duas regiões estivessem dentro de US, não haveria cobrança de saída.
  • Cobranças de saída de tráfego do Cloud Interconnect de North America (região us-west1) para seu local (que é onde sua conexão do Interconnect está localizada).

Se o intervalo do Cloud Storage estiver localizado em um continente diferente do anexo da VLAN, você pagará as taxas de saída intercontinentais do Cloud Storage para alcançar o anexo da VLAN em us-west1.

Para ver uma lista completa de situações de preços do Cloud Storage, acesse esta página.

Cloud Router

O Cloud Router é fornecido gratuitamente. Os custos gerais de rede se aplicam ao tráfego do plano de controle (BGP). No entanto, esses custos são irrisórios na maioria dos casos.

Para mais informações sobre custos de rede, consulte Preços gerais de rede na documentação da nuvem privada virtual (VPC).

Cloud VPN

Em alto nível, as cobranças do Cloud VPN consistem em:

  • uma cobrança por hora para cada gateway do Cloud VPN Essa cobrança é determinada em parte pelo número de túneis anexados ao gateway, bem como pela localização do gateway;
  • uma cobrança mensal para o tráfego IPsec;
  • uma cobrança por hora para qualquer endereço IP externo atribuído a um gateway de VPN, mas não usada por um túnel.

Para mais informações sobre o Cloud VPN, consulte a visão geral do Cloud VPN.

Tabela de preços

Para ver os preços, selecione o local do gateway do Cloud VPN. Salvo indicação em contrário, todos os detalhes se aplicam à VPN clássica e à VPN de alta disponibilidade.

O Google não cobra pelas regras de encaminhamento que enviam tráfego para o gateway da VPN.

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Cenários de preço

Para entender melhor os preços do Cloud VPN, consulte os exemplos a seguir.

Gateway us-central1 para data center

Suponha que você tenha um gateway de VPN em us-central1. Esse gateway usa dois túneis para se conectar a um data center local em Iowa.

Todos os meses, você envia dois terabytes de dados (TB) por um túnel da rede de nuvem privada virtual (VPC, na sigla em inglês) para o data center. Ao mesmo tempo, você envia 2 TB na direção inversa, do data center à rede VPC.

Além disso, o gateway usa um endereço IP externo reservado.

A tabela a seguir mostra as cobranças que seriam feitas em um mês de 30 dias com essa configuração.

Gateway Tráfego de saída Tráfego de entrada Endereço IP Total
Gateway us-central1 (US$ 0,050) x 2 túneis x 720 horas = US$ 72,00 2 TB (ou 2,048 GB) x US$ 0,11 = US$ 225,28 Sem cobrança para o tráfego de entrada. Nenhuma cobrança para um endereço IP externo reservado usado por um túnel. US$ 297,28

Gateway asia-northeast1 para o data center e outra rede VPC

Suponha que o projeto tenha uma rede VPC chamada Rede A, que inclui um gateway VPN em asia-northeast1. Esse gateway usa dois túneis para se conectar a um data center local em Tóquio. Além disso, esse gateway usa dois túneis para se conectar à Rede B, outra rede VPC do projeto. O gateway da Rede B está localizado em europe-west6.

O uso mensal de dados é este:

  • Os usuários na Rede A fazem o download de 10 TB de dados do Cloud Storage e o enviam para o data center em Tóquio.
  • As redes A e B enviam umas às outras cerca de 20 TB de dados.

Os gateways asia-northeast1 e europe-west6 usam endereços IP externos reservados.

Além disso, você tem um terceiro gateway de VPN em southamerica-east1. Você criou esse gateway há meses e atribuiu a ele um endereço IP externo reservado. No entanto, você nunca configurou um túnel para esse gateway.

A tabela a seguir mostra as cobranças que seriam geradas por essa configuração durante um mês de 30 dias.

Gateway Tráfego de saída Tráfego de entrada Endereço IP Total
Gateway asia-northeast1 (US$ 0,075), com quatro túneis x 720 horas = US$ 216,00 Tráfego para o data center:
10 TB (ou 10,240 GB) x US$ 0,14 = US$ 1.433,60
Sem cobrança para o tráfego de entrada. Nenhuma cobrança para um endereço IP externo reservado usado por um túnel. US$ 3.288,00
Tráfego para a rede B:
20 TB (ou 20,480 GB) x US$ 0,08 = US$ 1.638,40
Sem cobrança para o tráfego de entrada.
Gateway europe-west6 (US$ 0,065) x 2 túneis x 720 horas = US$ 93,60 Tráfego para a Rede A:
20 TB (ou 20,480 GB) x US$ 0,08 = US$ 1.638,40
Sem cobrança para o tráfego de entrada. Nenhuma cobrança para um endereço IP externo reservado usado por um túnel. US$ 1.732,00
Gateway southamerica-east1 (US$ 0,075) x 0 túneis x 720 horas = sem cobrança Sem tráfego de saída. Sem tráfego de entrada. Um endereço IP externo não utilizado em southamerica-east1 (US$ 0,015) x 720 horas = US$ 10,80 US$ 10,80
Total geral US$ 5.030,80

Network Connectivity Center

Este documento descreve os preços do Network Connectivity Center.

Para mais informações sobre a central de conectividade de rede, consulte a Visão geral da central de conectividade de rede.

Preços atuais

As seções a seguir descrevem os preços que entrarão em vigor quando o Network Connectivity Center estiver com disponibilidade geral.

Hubs e spokes

A tabela a seguir descreve as cobranças de hubs e spokes. Spoke hours refere-se ao número de horas em um mês em que um spoke está ativo.

Recurso Preço por mês
Hub Sem custo
Horário de funcionamento US$ 0,075 por hora

Transferência de dados

Transferência de dados se refere ao tráfego entre regiões que usa a rede do Google para conectar redes que não são do Google Cloud.

O tráfego da transferência de dados é diferente do tráfego de entrada e saída, que flui para ou fora da rede do Google. Em contrapartida, a transferência de dados faz as duas coisas: flui para e sai da rede do Google, porque tem origem e termina fora da rede do Google.

As cobranças pela transferência de dados são baseadas em gigabytes (GB) de tráfego por mês.

Preços depois da disponibilidade geral

Além dos preços descritos em Preços atuais, as versões futuras do Network Connectivity Center incluirão uma cobrança da rede de dados avançada.

Rede de dados avançada

Rede de dados avançada (ADN) refere-se à taxa de processamento cobrada para todo o tráfego enviado de um spoke por meio de um hub.

A cobrança da ADN é de US$ 0,02 por gigabyte (GB) por mês.

Essa taxa não está disponível no momento.

Exemplo de preço

Neste exemplo, uma empresa conecta dois spokes ao hub do Network Connectivity Center. Um spoke representa um escritório em Los Angeles (us-west2). Outro representa um escritório em Mumbai (asia-south1).

Todos os meses, o escritório dos EUA transfere 5 TB de dados para o escritório da Asia, e o escritório da Asia transfere 5 TB para o escritório dos EUA.

A tabela a seguir descreve como esse cliente será cobrado por um mês de 30 dias.

Recursos Uso Fórmula Custo mensal estimado

Taxas por spoke por hora

2 spokes 2 x 24 horas x 30 dias a US$ 0,075 US$ 108.00

Taxas de transferência de dados

5 TB de dados transferidos
(Los Angeles -> Mumbai)

5 TB de dados transferidos
(Mumbai -> Los Angeles)

Total: 10 TB entre um par de sites exclusivo.

1 TB (1 * 1.024 GB = 1.024 GB) a US$ 0,12 /GB

9 TB (9 * 1.024 GB = 9.216 GB) a US$ 0,11 /GB

US$ 122,88

US$ 1.013,76

Rede de dados avançada

10 TB de dados

10 TB (1 * 1.024 GB = 10.240 GB) a US$ 0,02 /GB

US$ 204,80

Isento no momento

Custo total

US$ 1.244,64

Preços de outros recursos do Google Cloud

Os preços nesta página não incluem cobranças por outros recursos e produtos do Google Cloud que você possa estar usando com o Network Connectivity Center. Exemplo:

  • Se você usar os spokes do dispositivo Router, pagará pelos recursos subjacentes do Compute Engine.
  • Se você usar os spokes de anexo da VLAN, pagará pelos recursos do Cloud Interconnect subjacentes.
  • Se você usar os spokes da VPN, pagará pelos recursos subjacentes do Cloud VPN.

Dispositivo roteador

O preço do tipo de roteador faz parte dos valores do Network Connectivity Center. Para mais informações, consulte Preços do Network Connectivity Center.

Para mais informações sobre custos de rede, consulte Preços gerais de rede na documentação da nuvem privada virtual.

Cloud NAT

Os preços do Cloud NAT são baseados nos usos a seguir:

  • Um preço por hora para o gateway do NAT baseado no número de instâncias de VM que estão usando o gateway. A taxa por hora é limitada a até 32 instâncias de VM. A taxa máxima por hora é aplicada a gateways que exibem mais instâncias que o número máximo.

    O Google Cloud conta as instâncias de VM que recebem uma atribuição do NAT usando o gateway. Para mais informações, consulte Casos em que o método NAT não é realizado no tráfego.

  • Um custo por GB para entrada e saída de dados que é processado pelo gateway. O preço de processamento de dados é o mesmo em todas as regiões. Também se aplicam os custos de saída para enviar tráfego da VM para fora da rede.

Número de instâncias de VM atribuídas Preço por hora Preço por GB processado, saída e entrada
Até 32 instâncias de VM US$ 0,0014 * o número de instâncias de VM que estão usando o gateway US$ 0,045
Mais de 32 instâncias de VM US$ 0,044 US$ 0,045

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Confira a seguir o custo total para executar um gateway do NAT e o tráfego por meio dele:

total cost for running the gateway = hourly cost for the NAT gateway
+ cost per GB of data that is processed by the gateway
+ egress costs for any traffic leaving the network

Exemplo de preço

A tabela a seguir mostra o custo mensal estimado para um único gateway do NAT que exibe um número variável de instâncias de VM. Em ambos os casos, o gateway é executado por 720 horas em um ciclo de faturamento.

Uso Faturamento estimado

14 Instâncias de VM

O gateway processa 100 GB de tráfego (saída e entrada)

(US$ 0,0014 * 14 instâncias * 720 horas) +

(100 GB de tráfego processado * US$ 0,045) = US$ 18,61

36 instâncias de VM

O gateway processa 200 GB de tráfego (saída e entrada)

(US$ 0,044 * 720 horas) +

(200 GB de tráfego processado * US$ 0,045) = US$ 40,68

Preços do Logging

O preço da geração de registros do NAT é descrito em Preços de telemetria de rede.

Os valores padrão para o Cloud Logging, BigQuery ou Cloud Pub/Sub são válidos.

Cloud DNS

Nos preços do Cloud DNS, a cobrança é feita por zona e por mês (independentemente de você usar ou não sua zona), e você também paga pelas consultas às suas zonas.

Se você não for pagar em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Tabela de preços

Os preços a seguir se aplicam a todos os tipos de zona: pública, particular e de encaminhamento. Todos eles são agregados para fins de definição de preços. Por exemplo, se você tiver 10 zonas públicas, 10 zonas privadas e 10 zonas de encaminhamento, os preços serão baseados nessas 30 zonas. Todas as consultas são agregadas também, independentemente do tipo de zona.

É possível usar rótulos para identificar zonas de determinadas maneiras. Você também pode usá-los para ver detalhes referentes a cada um deles em seu faturamento.

Preços de consultas

Número de consultas Preço
0 a 1 bilhão US$ 0,40 por milhão de consultas por mês.
Mais de um bilhão US$ 0,20 por milhão de consultas por mês.
Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Preços das zonas gerenciadas

Zonas gerenciadas* Preço
0-25 US$ 0,20 por zona gerenciada por mês.
26 a 10.000 US$ 0,10 por zona gerenciada por mês para cada uma que for adicionada após as primeiras 25.
Mais de 10.000 US$ 0,03 por zona gerenciada por mês para cada zona extra depois das primeiras 10.000.
Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

* O preço das zonas gerenciadas é calculado com base no número de zonas que existem em determinado momento e rateado de acordo com a porcentagem do mês em que elas existem. Esse rateio é medido por hora. Zonas que existem por uma fração de hora são contadas como existentes pela hora inteira.

Para preços de saída, consulte a página Todos os preços de rede.

Exemplo de preço

A tabela a seguir mostra exemplos de padrões de uso do Cloud DNS e os possíveis custos deles por mês:

Usos Site padrão Empresarial Provedor de hospedagem virtual na Web
Zonas 5 200 100.000
Custo da zona 5 * US$ 0,20 = US$ 1,00 25 * US$ 0,20 = US$ 5,00
175 * US$ 0,10 = US$ 17,50

25 * US$ 0,20 = US$ 5,00
9,975 * US$ 0,10 = US$ 997,50

90,000 * US$ 0,03 = US$ 2.700,00

Consultas mensais 10.000.000 50.000.000 100.000.000
Custo das consultas 10 * US$ 0,40 = US$ 4,00 50 * US$ 0,40 = US$ 20,00 100 * US$ 0,40 = US$ 40,00
Custo total US$ 5,00/mês US$ 42,50/mês US$ 3.742,50/mês
Se você não for pagar em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Diretório de serviços

Componente faturado Preço (USD)
Namespace, serviço ou endpoint do Diretório de serviços US$ 0,10 por namespace, serviço ou endpoint por mês
Chamadas de API do Diretório de serviços US$ 1,00 por milhão de chamadas de API do Diretório de serviços
Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

Caso você use zonas do Diretório de serviços, será cobrado separadamente pelo Cloud DNS com base nos preços do Cloud DNS.

Cloud Domains

Visão geral de preços

Os domínios são registrados em incrementos de um ano. Ao registrar um domínio, você se compromete a pagar pelo ano inteiro. Os domínios são renovados automaticamente. Se seu domínio for renovado no Cloud Domains, você será cobrado pelos 12 meses seguintes à data de renovação. Se você quiser parar de pagar pelo seu domínio ou se não quiser que o domínio seja renovado automaticamente, exporte ou exclua o domínio.

Preços por terminação de domínio

Os preços variam com base nas terminações de domínio (TLDs) listados na tabela de preços. Por exemplo, se você comprar example.com, example.charity, e example.wiki, o custo anual de cada um desses domínios será diferente porque as terminações de domínio .com, .charity, e .wiki têm custos distintos. O preço anual de cada domínio que você registrar é adicionado para obter o custo total. Consulte o exemplo de preço.

Para informações detalhadas sobre terminações de domínio, clique na terminação de domínio na página de terminações de domínio com suporte do Google Domains.

Modelos de faturamento

O modelo de faturamento do Cloud Domains varia de acordo com o dia em que você registrou seu domínio. Caso seu endereço de faturamento do Cloud esteja no Brasil, consulte a seção Faturamento para detalhes sobre os preços no Brasil.

Faturamento da assinatura (para contas do Cloud Billing fora do Brasil)

O modelo de faturamento da Assinatura cobra o valor anual do domínio no primeiro mês após um registro, renovação ou transferência de domínio. Isso se aplica a todos os domínios registrados, renovados ou transferidos na disponibilidade geral do Cloud Domains.

As cobranças do Cloud Domains aparecem na sua fatura em Cobranças não específicas a um projeto, porque estão vinculadas à conta do Cloud Billing.

O modelo de faturamento de Assinatura não está incluído no Programa de Desconto para Empresas.

Faturamento mensal

Se você tiver registrado seu domínio durante a visualização pública do produto, o método de cobrança será o Mensal.

Os pagamentos são cobrados mensalmente. Você será cobrado 1/12 do custo total todos os meses durante 12 meses após um registro, renovação ou transferência de domínio. Se você exportar ou excluir seu domínio a qualquer momento durante o período de 12 meses, a cobrança ainda será feita pelo pagamento do ano inteiro.

Faturamento de compromisso (para Contas do Cloud Billing no Brasil)

Caso sua conta do Cloud Billing tenha um endereço no Brasil, o modelo de faturamento Compromisso cobrará 1/12 do custo total todos os meses pelos próximos 12 meses até o domínio expirar. Isso se aplica a todos os domínios registrados, renovados ou transferidos na disponibilidade geral do Cloud Domains.

As cobranças do Cloud Domains aparecem na sua fatura em Cobranças não específicas de um projeto, porque estão vinculadas à conta de faturamento.

O modelo de faturamento de Assinatura não está incluído no Programa de Desconto para Empresas.

Se você exportar ou excluir seu registro durante o período de 12 meses a partir da data de registro, renovação ou transferência, será cobrada uma taxa de cancelamento. A taxa de cancelamento é igual à parte não cobrada do custo anual do domínio.

Faturamento de domínios recém-registrados

Ao registrar um domínio usando o Cloud Domains, você se compromete a pagar por um ano inteiro de registro. Todos os domínios registrados antes do GA usarão o faturamento mensal até expirarem ou serem renovados automaticamente. Todos os domínios registrados após o produto são de GA e usam o faturamento de assinatura ou compromisso.

Os domínios registrados antes da disponibilidade geral seguem o modelo de faturamento Mensal. No entanto, a partir de 10 de janeiro de 2022, sempre que o domínio for renovado, você terá um modelo de Assinatura.

Faturamento de domínios transferidos

Quando você transfere para um domínio de outro provedor, o faturamento é desta forma:

  • Seu tempo de registro no provedor original será mantido.
  • Ao fim da transferência, o tempo de registro será estendido em um ano.
  • Você receberá uma cobrança referente ao ano estendido imediatamente.
  • Você só receberá mais cobranças depois que o domínio estiver prestes a expirar e precisar ser renovado.
Todos os domínios transferidos usam o faturamento de assinatura ou compromisso.

Exemplo

Os exemplos a seguir explicam como o faturamento funciona para domínios transferidos.

  • Se o domínio tinha um mês restante antes da transferência, a cobrança será feita referente a um ano no momento da transferência. O próximo evento de faturamento após a conclusão da transferência é a próxima renovação do domínio, 13 meses (1 mês + 1 ano) após a transferência.
  • Se o domínio tinha dois anos de tempo de registro restantes antes da transferência, o próximo evento de faturamento será três anos (dois anos + um ano) depois.

Faturamento de renovações

Se os domínios forem renovados antes de 10 de janeiro de 2022, os pagamentos serão cobrados mensalmente. Você é cobrado 1/12 do custo total todos os meses durante 12 meses. Os domínios renovados após 10 de janeiro de 2022 usam o faturamento por assinatura ou compromisso.

Para interromper a renovação automática ou gerenciar a conta de faturamento de um domínio individualmente (fora de um projeto do Google Cloud), você precisa exportar o domínio para o Google Domains ou transferi-lo para um registrador terceirizado. No entanto, depois de registrar um domínio no Cloud Domains, se você optar por exportá-lo para o Google Domains ou um terceiro antes que o período de 12 meses expire, a cobrança ainda será feita pelo domínio pelos 12 meses restantes. A frequência depende do modelo de faturamento do seu recurso.

Você precisa usar o Cloud Domains para gerenciar o faturamento dos domínios registrados no Cloud Domains. Não é possível usar o Google Domains.

Uso gratuito

O Cloud Domains não oferece uso gratuito para o registro de domínios. Para informações sobre cotas, consulte a página Cotas.

Tabela de preços

Terminação de domínio ou TLD Preço anual por unidade (USD)
.academy 30
.accountant 30
.actor 40
.agency 20
.airforce 30
.apartments 60
.app 14
.army 30
.art 14
.associates 30
.attorney 40
.auction 30
.band 20
.bargains 30
.best 20
.bid 30
.bike 30
.bingo 50
.biz 15
.black 60
.blog 30
.blue 20
.boats 40
.boutique 30
.builders 30
.business 12
.buzz 40
.cab 30
.cafe 40
.camera 40
.camp 40
.capital 50
.cards 30
.care 30
.careers 50
.cash 30
.catering 30
.cc 20
.center 20
.charity 30
.chat 40
.cheap 30
.church 40
.city 20
.claims 60
.cleaning 40
.clinic 50
.clothing 30
.cloud 20
.club 13
.co 30
.co.in 11
.co.nz 19
.co.uk 12
.coach 60
.codes 50
.coffee 30
.com 12
.com.mx 20
.community 30
.company 14
.computer 30
.condos 50
.construction 30
.consulting 30
.contractors 30
.cool 30
.coupons 60
.cricket 30
.cruises 50
.dance 20
.date 30
.dating 50
.deals 40
.degree 40
.delivery 60
.democrat 30
.dental 50
.dentist 40
.design 40
.dev 12
.diamonds 50
.digital 40
.direct 40
.directory 20
.discount 30
.dog 40
.domains 30
.download 30
.earth 20
.education 20
.email 20
.engineer 30
.engineering 50
.enterprises 30
.equipment 20
.estate 30
.events 30
.exchange 30
.expert 50
.exposed 20
.express 30
.fail 30
.faith 30
.family 20
.fan 40
.fans 12
.farm 30
.finance 60
.financial 50
.fish 30
.fitness 30
.flights 50
.florist 30
.football 30
.forsale 30
.foundation 30
.fr 10
.fun 20
.fund 50
.furniture 50
.futbol 13
.fyi 20
.gallery 20
.games 20
.gifts 40
.gives 30
.glass 40
.gmbh 30
.golf 60
.graphics 20
.gratis 20
.gripe 30
.group 20
.guide 40
.guru 28
.haus 28
.healthcare 60
.hockey 60
.holdings 50
.holiday 50
.homes 40
.hospital 50
.house 30
.how 30
.icu 12
.immo 40
.immobilien 30
.in 12
.industries 30
.info 12
.ink 28
.institute 20
.insure 60
.international 20
.io 60
.irish 14
.jetzt 20
.jewelry 60
.jp 40
.kaufen 30
.kitchen 40
.land 30
.lawyer 40
.lease 50
.legal 60
.life 40
.lighting 20
.limited 30
.limo 50
.live 20
.llc 30
.loan 30
.love 30
.ltd 20
.luxury 40
.maison 50
.management 20
.market 40
.marketing 30
.mba 40
.me 20
.media 30
.memorial 60
.men 30
.mobi 20
.moda 30
.money 40
.mortgage 40
.mx 40
.navy 30
.net 12
.network 20
.news 30
.ninja 19
.one 12
.online 30
.ooo 30
.org 12
.page 10
.partners 50
.parts 30
.party 30
.photography 20
.photos 20
.pictures 11
.pizza 60
.place 15
.plumbing 40
.plus 40
.press 60
.pro 20
.productions 30
.promo 20
.properties 30
.pub 30
.pw 9
.racing 30
.recipes 50
.red 20
.rehab 30
.reisen 20
.rentals 30
.repair 30
.report 20
.republican 30
.rest 40
.restaurant 60
.review 30
.reviews 20
.rip 20
.rocks 13
.run 20
.sale 30
.salon 50
.sarl 40
.school 40
.schule 20
.science 30
.services 30
.shoes 40
.shopping 30
.show 40
.singles 30
.site 20
.ski 50
.soccer 20
.social 30
.software 40
.solar 40
.solutions 20
.soy 20
.space 20
.store 50
.stream 30
.studio 20
.style 40
.supplies 20
.supply 20
.support 20
.surgery 50
.systems 20
.tax 50
.taxi 60
.team 40
.tech 40
.technology 20
.tennis 60
.theater 60
.tienda 50
.tips 20
.today 20
.tools 30
.tours 60
.town 30
.toys 40
.trade 30
.training 30
.tube 30
.uk 12
.university 50
.uno 20
.vacations 30
.vegas 60
.ventures 50
.vet 30
.viajes 50
.video 20
.villas 50
.vin 60
.vision 30
.voyage 50
.watch 30
.webcam 30
.website 20
.wiki 28
.win 30
.wine 60
.works 30
.world 40
.wtf 30
.xyz 12
.zone 30

Se você não paga em dólar americano, valem os preços na sua moeda local listados na página SKUs do Cloud Platform.

SKUs de faturamento

Para pesquisar SKUs adequadas para o modelo de faturamento aplicável ao seu registro, transferência ou renovação, use os links a seguir.

Exemplo de preço

Os exemplos a seguir usam preços em US$.

Exemplo 1

Faturamento de assinatura: você compra um domínio .com de US$ 12. Na próxima fatura mensal, você receberá uma cobrança de US$ 12. A próxima cobrança será feita um ano depois, quando o domínio for renovado por US$ 12.

Faturamento de compromisso: você compra um domínio .com de US$ 12. Na sua próxima fatura mensal, você receberá uma cobrança de US$ 1,00, valor que continuará sendo cobrado por cada ciclo de faturamento mensal até que o domínio expire. Se você decidir excluir o domínio após receber uma cobrança por 5 meses (total de US$ 5,00), pagará uma taxa de cancelamento de US$ 7,00 para totalizar o faturamento em US$ 12,00.

Faturamento mensal: você compra um domínio .com de US$ 12,00. Na sua próxima fatura mensal, você receberá uma cobrança de US$ 1,00, valor que continuará sendo cobrado por cada ciclo de faturamento mensal até que o domínio expire. Não é possível excluir o domínio antes da expiração, garantindo que o total faturado seja de US $12.

Exemplo 2

Suponha que você tenha registrado três domínios: example.charity, example.wiki e example.info.

O custo é:

.charity = US$ 30/ano

.wiki = US$ 28/ano

.info = US$ 12/ano

Custo da assinatura = US$ 30 + US$ 28 + US$ 12 = US$ 70/ano

Faturamento Mensal ou de Compromisso = 1/12 do preço anual = US$ 70/12 = US$ 5,83/mês

A seguir

Solicite uma cotação personalizada

Com os preços de pagamento por utilização do Google Cloud, você paga apenas pelos serviços que usa. Fale com nossa equipe de vendas e receba uma cotação personalizada para sua organização.
Entre em contato com a equipe de vendas