Visão geral do agente do Cloud Monitoring

O agente do Cloud Monitoring é um daemon baseado em collectd que reúne as métricas de sistema e aplicativo das instâncias de máquina virtual e as envia para o Monitoring. Por padrão, o agente do Monitoring coleta métricas de processo, disco, CPU e rede. É possível configurar o agente do Monitoring para monitorar aplicativos de terceiros e receber a lista completa de métricas do agente.

Para instalar o agente do Monitoring, consulte Como instalar o agente do Monitoring.

Motivo

O uso do agente do Monitoring é opcional, mas recomendado. O Monitoring pode acessar algumas métricas de instância sem o agente do Monitoring, inclusive a utilização da CPU, algumas métricas de tráfego do disco, tráfego de rede e informações do tempo de atividade. O Monitoring usa o agente do Monitoring para acessar recursos de sistema adicionais e serviços de aplicativo em instâncias de máquina virtual (VM, na sigla em inglês). Para ter acesso a esses outros recursos, é preciso instalar o agente do Monitoring.

Depois de instalar o agente do Monitoring, é possível monitorar aplicativos de terceiros compatíveis adicionando configurações collectd específicas do aplicativo. Consulte Como monitorar aplicativos de terceiros para ver detalhes.

Para uma lista completa das métricas internas que podem ser acessadas com o agente do Monitoring, consulte Métricas do agente.

Para enviar métricas personalizadas para o Monitoring usando o agente, consulte Como monitorar aplicativos personalizados. Se você tiver acesso ao código-fonte do aplicativo, talvez seja mais prático instrumentá-lo com OpenCensus.

Configurações aceitas

O agente do Monitoring é compatível com os ambientes a seguir.

Instâncias de máquina virtual

É possível instalar o agente do Monitoring nos tipos de instâncias de VM a seguir.

Os tipos de instâncias de VM a seguir usam o suporte especial do Monitoring. Não tente instalar ou configurar manualmente o agente do Monitoring neles:

  • O padrão do App Engine inclui suporte integrado do Monitoring. Os agentes não são necessários.

  • O ambiente flexível do App Engine inclui agentes pré-instalados com configurações especiais.

  • Instâncias de nó do Google Kubernetes Engine. É possível ativar o Kubernetes Engine Monitoring, uma solução integrada de monitoramento e registro, para os clusters de contêineres novos ou atuais.

  • Para instâncias em execução no GKE On-Prem, o agente coleta métricas do sistema, mas não coleta métricas do aplicativo.

Sistemas operacionais

O agente do Monitoring oferece suporte aos seguintes sistemas operacionais em instâncias de VM compatíveis:

Sistemas operacionais Linux

O agente do Monitoring é compatível com os seguintes sistemas operacionais Linux:

Sistema operacional Versão do agente 5.5.2 e inferior Versão do agente 6.0.0 e superior
AMI da Amazon
CentOS 6
CentOS 7
CentOS 8
RHEL 6
RHEL 7:
rhel-7, rhel-7-6-sap-ha, rhel-7-4-sap
RHEL 8: rhel-8
Debian 9 (Stretch)
Debian 10 (Buster)
SLES 12:
sles-12, sles-12-sp1-sap, sles-12-sp2-sap, sles-12-sp3-sap, sles-12-sp4-sap, sles-12-sp5-sap
SLES 15:
sles-15, sles-15-sp1-sap, sles-15-sap
Ubuntu 16.04 (Xenial):
ubuntu-1604-lts, ubuntu-minimal-1604-lts
Ubuntu 18.04 (Bionic):
ubuntu-1804-lts, ubuntu-minimal-1804-lts
Ubuntu 19.10 (Eoan):
ubuntu-1910-lts, ubuntu-minimal-1910-lts

No momento, o agente do Monitoring não é compatível com o SO otimizado para contêineres que é o padrão nos clusters do Google Kubernetes Engine.

Sistemas operacionais Windows:

Todas as versões do agente do Monitoring são compatíveis com os seguintes sistemas operacionais Windows:

  • Windows Server 2019
  • Windows Server Core 2019
  • Windows Server Core, versão 1909
  • Windows Server Core, versão 1903
  • Windows Server Core, versão 1809
  • Windows Server 2016
  • Windows Server Core 2016
  • Windows Server 2012 R2
  • Windows Server Core 2012 R2

No momento, o agente do Monitoring não oferece suporte ao Windows Server Core 2019 para contêineres.

Aplicativos compatíveis

É possível configurar o Monitoring para acompanhar uma variedade de aplicativos de software de código aberto conhecidos. A configuração só é possível para agentes em execução no Linux. Os agentes em execução no Windows podem monitorar aplicativos IIS e MS SQL, mas não são configuráveis para outros aplicativos.

Para mais informações, consulte Como monitorar aplicativos de terceiros.

Requisitos de acesso do agente

Para executar o agente, é preciso ter acesso aos seguintes nomes DNS:

  • Servidor de token OAuth2: www.googleapis.com (URL completo: https://www.googleapis.com/oauth2/v3/token)

  • APIs de monitoramento: monitoring.googleapis.com

Para instalar o agente, é preciso ter acesso aos seguintes nomes DNS:

  • (Linux) Repositório de pacotes do Google Cloud: packages.cloud.google.com

  • Servidor de download do Google para Windows: dl.google.com

Como conseguir o código-fonte do agente do Monitoring

O código-fonte do agente do Monitoring está disponível apenas para o agente hospedado no Linux. O agente do Monitoring hospedado no Windows não é de código aberto.

O agente do Monitoring é instalado por um script descrito nas instruções de instalação. Você não precisa das informações nesta seção, a menos que queira entender o código-fonte ou tenha outras necessidades especiais.

O agente do Monitoring, stackdriver-agent, é baseado no daemon de coleta de estatísticas do sistema collectd original. O código-fonte stackdriver-agent está disponível em Stackdriver/collectd. Os scripts de versão e pacote do agente do Monitoring estão disponíveis em Stackdriver/agent-packaging. Os arquivos de configuração de aplicativos de terceiros estão no Repositório de configurações do GitHub do agente.

O pacote de software para stackdriver-agent contém:

  • o daemon do collectd;
  • As bibliotecas compartilhadas do plug-in, incluindo o plug-in de saída da API do Cloud Monitoring.
  • os arquivos de configuração de nível superior do agente do Monitoring.

Política de suspensão de uso

O agente do Monitoring está sujeito à Política de suspensão de uso de agentes.

A seguir