Entidades, propriedades e chaves

Os objetos de dados do Firestore no modo Datastore são conhecidos como entidades. Uma entidade tem uma ou mais propriedades designadas, que podem ter um ou mais valores. Entidades do mesmo tipo não precisam ter as mesmas propriedades, e os valores de uma entidade para uma determinada propriedade não precisam ser todos do mesmo tipo de dados. Se necessário, um aplicativo pode estabelecer e aplicar essas restrições no próprio modelo de dados.

O modo Datastore é compatível com uma grande variedade de tipos de dados como valores de propriedade. Estes são alguns deles:

  • Números inteiros
  • Números de ponto flutuante
  • Strings
  • Datas
  • Dados binários

Cada entidade no modo Datastore tem uma chave que a identifica. A chave tem os seguintes componentes:

  • O namespace da entidade, que possibilita a multilocação
  • O tipo da entidade, que a classifica para fins de consulta
  • Um identificador da entidade individual, que pode ser:
    • uma string de nome da chave;
    • um ID numérico inteiro;
  • um caminho ancestral opcional que localiza a entidade na hierarquia do banco de dados.

Um aplicativo pode buscar uma entidade individual do banco de dados usando a chave da entidade ou recuperar uma ou mais entidades emitindo uma consulta com base nas chaves ou nos valores de propriedade das entidades.

O Firestore no modo Datastore em si não aplica nenhuma restrição sobre a estrutura das entidades, como, por exemplo, se uma determinada propriedade tem um valor de um tipo específico. Essa tarefa é do aplicativo.

Os snippets desta página se baseiam no exemplo de Primeiros passos com o Firestore no modo Datastore.

Como trabalhar com entidades

Os aplicativos podem usar a API Firestore in Datastore mode para criar, recuperar, atualizar e excluir entidades. Se o aplicativo souber a chave completa de uma entidade (ou puder derivá-la da própria chave pai, do tipo e do identificador), ele poderá usá-la para operar diretamente na entidade. O aplicativo também pode conseguir a chave de uma entidade por meio de uma consulta. Para mais informações, consulte o tópico Consultas.

Como criar uma entidade

Para criar uma nova entidade, inicialize-a e defina as propriedades dela:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Entity task = new Entity()
{
    Key = _db.CreateKeyFactory("Task").CreateKey("sampleTask"),
    ["category"] = "Personal",
    ["done"] = false,
    ["priority"] = 4,
    ["description"] = "Learn Cloud Datastore"
};

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

type Task struct {
	Category        string
	Done            bool
	Priority        float64
	Description     string `datastore:",noindex"`
	PercentComplete float64
	Created         time.Time
}
task := &Task{
	Category:        "Personal",
	Done:            false,
	Priority:        4,
	Description:     "Learn Cloud Datastore",
	PercentComplete: 10.0,
	Created:         time.Now(),
}

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Key taskKey = datastore.newKeyFactory()
    .setKind("Task")
    .newKey("sampleTask");
Entity task = Entity.newBuilder(taskKey)
    .set("category", "Personal")
    .set("done", false)
    .set("priority", 4)
    .set("description", "Learn Cloud Datastore")
    .build();

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const task = {
  category: 'Personal',
  done: false,
  priority: 4,
  description: 'Learn Cloud Datastore',
};

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$task = $datastore->entity('Task', [
    'category' => 'Personal',
    'done' => false,
    'priority' => 4,
    'description' => 'Learn Cloud Datastore'
]);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

task = datastore.Entity(client.key('Task'))
task.update({
    'category': 'Personal',
    'done': False,
    'priority': 4,
    'description': 'Learn Cloud Datastore'
})

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task = datastore.entity "Task" do |t|
  t["category"] = "Personal"
  t["done"] = false
  t["priority"] = 4
  t["description"] = "Learn Cloud Datastore"
end

É possível salvar a entidade no banco de dados usando upsert, que substitui uma entidade caso ela já exista no modo Datastore, ou insert, que requer que a chave de entidade não exista.

Veja como usar upsert em uma entidade:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

_db.Upsert(_sampleTask);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

key := datastore.IncompleteKey("Task", nil)
key, err := client.Put(ctx, key, task)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Entity task = Entity.newBuilder(keyFactory.newKey("sampleTask")).build();
datastore.put(task);

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key('Task');
const task = {
  category: 'Personal',
  done: false,
  priority: 4,
  description: 'Learn Cloud Datastore',
};

const entity = {
  key: taskKey,
  data: task,
};

await datastore.upsert(entity);
// Task inserted successfully.

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$key = $datastore->key('Task', 'sampleTask');
$task = $datastore->entity($key, [
    'category' => 'Personal',
    'done' => false,
    'priority' => 4,
    'description' => 'Learn Cloud Datastore'
]);
$datastore->upsert($task);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

complete_key = client.key('Task', 'sample_task')

task = datastore.Entity(key=complete_key)

task.update({
    'category': 'Personal',
    'done': False,
    'priority': 4,
    'description': 'Learn Cloud Datastore'
})

client.put(task)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task = datastore.entity "Task", "sampleTask" do |t|
  t["category"] = "Personal"
  t["done"] = false
  t["priority"] = 4
  t["description"] = "Learn Cloud Datastore"
end
datastore.save task

Veja como usar insert em uma entidade:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Entity task = new Entity()
{
    Key = _keyFactory.CreateIncompleteKey()
};
task.Key = _db.Insert(task);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

taskKey := datastore.NameKey("Task", "sampleTask", nil)
_, err := client.RunInTransaction(ctx, func(tx *datastore.Transaction) error {
	// We first check that there is no entity stored with the given key.
	var empty Task
	if err := tx.Get(taskKey, &empty); err != datastore.ErrNoSuchEntity {
		return err
	}
	// If there was no matching entity, store it now.
	_, err := tx.Put(taskKey, &task)
	return err
})

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Key taskKey = datastore.add(FullEntity.newBuilder(keyFactory.newKey()).build()).getKey();

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key('Task');
const task = {
  category: 'Personal',
  done: false,
  priority: 4,
  description: 'Learn Cloud Datastore',
};

const entity = {
  key: taskKey,
  data: task,
};

datastore.insert(entity).then(() => {
  // Task inserted successfully.
});

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$task = $datastore->entity('Task', [
    'category' => 'Personal',
    'done' => false,
    'priority' => 4,
    'description' => 'Learn Cloud Datastore'
]);
$datastore->insert($task);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

with client.transaction():
    incomplete_key = client.key('Task')

    task = datastore.Entity(key=incomplete_key)

    task.update({
        'category': 'Personal',
        'done': False,
        'priority': 4,
        'description': 'Learn Cloud Datastore'
    })

    client.put(task)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

datastore.transaction do |_tx|
  task = datastore.entity "Task" do |t|
    t["category"] = "Personal"
    t["done"] = false
    t["priority"] = 4
    t["description"] = "Learn Cloud Datastore"
  end
  datastore.save task
end

Recuperar uma entidade

Para recuperar uma entidade do banco de dados, use a respectiva chave como lookup:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Entity task = _db.Lookup(_sampleTask.Key);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

var task Task
taskKey := datastore.NameKey("Task", "sampleTask", nil)
err := client.Get(ctx, taskKey, &task)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Entity task = datastore.get(taskKey);

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key('Task');
const [entity] = await datastore.get(taskKey);
// entity = {
//   category: 'Personal',
//   done: false,
//   priority: 4,
//   description: 'Learn Cloud Datastore',
//   [Symbol(KEY)]:
//    Key {
//      namespace: undefined,
//      id: '...',
//      kind: 'Task',
//      path: [Getter]
//    }
//   }
// };
console.log(entity);

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$key = $datastore->key('Task', 'sampleTask');
$task = $datastore->lookup($key);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

key = client.key('Task', 'sample_task')
task = client.get(key)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key = datastore.key "Task", "sampleTask"
task = datastore.find task_key

Atualizar uma entidade

Para update em uma entidade atual, modifique as propriedades da entidade recuperada anteriormente e armazene-a usando a chave:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

_sampleTask["priority"] = 5;
_db.Update(_sampleTask);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

taskKey := datastore.NameKey("Task", "sampleTask", nil)
tx, err := client.NewTransaction(ctx)
if err != nil {
	log.Fatalf("client.NewTransaction: %v", err)
}
var task Task
if err := tx.Get(taskKey, &task); err != nil {
	log.Fatalf("tx.Get: %v", err)
}
task.Priority = 5
if _, err := tx.Put(taskKey, &task); err != nil {
	log.Fatalf("tx.Put: %v", err)
}
if _, err := tx.Commit(); err != nil {
	log.Fatalf("tx.Commit: %v", err)
}

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Entity task = Entity.newBuilder(datastore.get(taskKey)).set("priority", 5).build();
datastore.update(task);

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key('Task');
const task = {
  category: 'Personal',
  done: false,
  priority: 4,
  description: 'Learn Cloud Datastore',
};

const entity = {
  key: taskKey,
  data: task,
};

await datastore.update(entity);
// Task updated successfully.

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$transaction = $datastore->transaction();
$key = $datastore->key('Task', 'sampleTask');
$task = $transaction->lookup($key);
$task['priority'] = 5;
$transaction->update($task);
$transaction->commit();

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

with client.transaction():
    key = client.key('Task', 'sample_task')
    task = client.get(key)

    task['done'] = True

    client.put(task)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

datastore.transaction do |_tx|
  task = datastore.find "Task", "sampleTask"
  task["priority"] = 5
  datastore.save task
end

Os dados fornecidos substituem a entidade atual. Todo o objeto precisa ser enviado para o banco de dados. Se a entidade não existir, a atualização falhará. Se você quiser atualizar ou criar uma entidade, use upsert como descrito anteriormente. O uso de uma transação permite executar as operações get e update em uma única transação atômica.

Como excluir uma entidade

Dada a chave de uma entidade, é possível usar delete com a entidade:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

_db.Delete(_sampleTask.Key);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

key := datastore.NameKey("Task", "sampletask", nil)
err := client.Delete(ctx, key)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

datastore.delete(taskKey);

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key('Task');
await datastore.delete(taskKey);
// Task deleted successfully.

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$datastore->delete($taskKey);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

key = client.key('Task', 'sample_task')
client.delete(key)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key = datastore.key "Task", "sampleTask"
datastore.delete task_key

Operações em lote

O Firestore no modo Datastore é compatível com versões em lote das operações que o permitem operar em vários objetos em uma única chamada do modo Datastore.

Essas chamadas em lote são mais rápidas do que chamadas separadas para cada entidade, porque geram sobrecarga de apenas uma chamada de serviço. Se vários grupos de entidades estiverem envolvidos, o trabalho para todos os grupos será executado em paralelo no servidor.

Por exemplo, é possível usar upsert em várias entidades:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

var taskList = new[]
{
    new Entity()
    {
        Key = _keyFactory.CreateIncompleteKey(),
        ["category"] = "Personal",
        ["done"] = false,
        ["priority"] = 4,
        ["description"] = "Learn Cloud Datastore"
    },
    new Entity()
    {
        Key = _keyFactory.CreateIncompleteKey(),
        ["category"] = "Personal",
        ["done"] = "false",
        ["priority"] = 5,
        ["description"] = "Integrate Cloud Datastore"
    }
};
var keyList = _db.Upsert(taskList[0], taskList[1]);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

tasks := []*Task{
	{
		Category:    "Personal",
		Done:        false,
		Priority:    4,
		Description: "Learn Cloud Datastore",
	},
	{
		Category:    "Personal",
		Done:        false,
		Priority:    5,
		Description: "Integrate Cloud Datastore",
	},
}
keys := []*datastore.Key{
	datastore.IncompleteKey("Task", nil),
	datastore.IncompleteKey("Task", nil),
}

keys, err := client.PutMulti(ctx, keys, tasks)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

FullEntity<IncompleteKey> task1 = FullEntity.newBuilder(keyFactory.newKey())
    .set("category", "Personal")
    .set("done", false)
    .set("priority", 4)
    .set("description", "Learn Cloud Datastore")
    .build();
FullEntity<IncompleteKey> task2 = Entity.newBuilder(keyFactory.newKey())
    .set("category", "Personal")
    .set("done", false)
    .set("priority", 5)
    .set("description", "Integrate Cloud Datastore")
    .build();
List<Entity> tasks = datastore.add(task1, task2);
Key taskKey1 = tasks.get(0).getKey();
Key taskKey2 = tasks.get(1).getKey();

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey1 = this.datastore.key(['Task', 1]);
const taskKey2 = this.datastore.key(['Task', 2]);

const task1 = {
  category: 'Personal',
  done: false,
  priority: 4,
  description: 'Learn Cloud Datastore',
};

const task2 = {
  category: 'Work',
  done: false,
  priority: 8,
  description: 'Integrate Cloud Datastore',
};

const entities = [
  {
    key: taskKey1,
    data: task1,
  },
  {
    key: taskKey2,
    data: task2,
  },
];

await datastore.upsert(entities);
// Tasks inserted successfully.

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$datastore->upsertBatch($tasks);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

task1 = datastore.Entity(client.key('Task', 1))

task1.update({
    'category': 'Personal',
    'done': False,
    'priority': 4,
    'description': 'Learn Cloud Datastore'
})

task2 = datastore.Entity(client.key('Task', 2))

task2.update({
    'category': 'Work',
    'done': False,
    'priority': 8,
    'description': 'Integrate Cloud Datastore'
})

client.put_multi([task1, task2])

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task1 = datastore.entity "Task" do |t|
  t["category"] = "Personal"
  t["done"] = false
  t["priority"] = 4
  t["description"] = "Learn Cloud Datastore"
end

task2 = datastore.entity "Task" do |t|
  t["category"] = "Personal"
  t["done"] = false
  t["priority"] = 5
  t["description"] = "Integrate Cloud Datastore"
end

tasks = datastore.save task1, task2
task_key1 = tasks[0].key
task_key2 = tasks[1].key

É possível usar lookup em várias entidades:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

var keys = new Key[] { _keyFactory.CreateKey(1), _keyFactory.CreateKey(2) };
var tasks = _db.Lookup(keys[0], keys[1]);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

var taskKeys []*datastore.Key // Populated with incomplete keys.
tasks := make([]*Task, len(taskKeys))
err := client.GetMulti(ctx, taskKeys, &tasks)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Iterator<Entity> tasks = datastore.get(taskKey1, taskKey2);

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey1 = this.datastore.key(['Task', 1]);
const taskKey2 = this.datastore.key(['Task', 2]);

const keys = [taskKey1, taskKey2];

const [tasks] = await datastore.get(keys);
// Tasks retrieved successfully.
console.log(tasks);

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$result = $datastore->lookupBatch($keys);
if (isset($result['found'])) {
    // $result['found'] is an array of entities.
} else {
    // No entities found.
}

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

tasks = client.get_multi(keys)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key1 = datastore.key "Task", "sampleTask1"
task_key2 = datastore.key "Task", "sampleTask2"
tasks = datastore.find_all task_key1, task_key2

Você pode excluir várias entidades:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

var keys = new Key[] { _keyFactory.CreateKey(1), _keyFactory.CreateKey(2) };
_db.Delete(keys);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

err := client.DeleteMulti(ctx, taskKeys)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

datastore.delete(taskKey1, taskKey2);

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey1 = this.datastore.key(['Task', 1]);
const taskKey2 = this.datastore.key(['Task', 2]);

const keys = [taskKey1, taskKey2];

await datastore.delete(keys);
// Tasks deleted successfully.

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$datastore->deleteBatch($keys);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

client.delete_multi(keys)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key1 = datastore.key "Task", "sampleTask1"
task_key2 = datastore.key "Task", "sampleTask2"
datastore.delete task_key1, task_key2

As operações em lote não alteram seus custos de leitura, gravação ou exclusão, que estão documentados em Preços e cotas. Você será cobrado por todas as chaves em uma operação em lote, independentemente de cada chave existir ou não.

O tamanho das entidades envolvidas em uma operação não afeta os custos de leitura, gravação ou exclusão. No entanto, o tamanho das entidades afeta os custos do tamanho do armazenamento.

Tipos e identificadores

Cada entidade é de um determinado tipo, que a categoriza para fins de consulta. Por exemplo, um aplicativo de lista de tarefas pode representar cada tarefa a ser concluída com uma entidade do tipo Task.

Por serem reservados, todos os nomes de tipo que começam com dois sublinhados (__) não podem ser usados.

Como atribuir identificadores

Além de um tipo, cada entidade tem um identificador, que é atribuído quando ela é criada. Como ele é parte da chave da entidade, o identificador é associado permanentemente à entidade e não pode ser alterado. Ele pode ser atribuído de duas formas:

  • Seu aplicativo pode especificar a própria string de nome de chave para a entidade.
  • É possível configurar o Firestore no modo Datastore para atribuir automaticamente um ID numérico inteiro à entidade.

No exemplo a seguir, criamos uma chave do tipo Task usando um nome de chave, "sampleTask", como identificador:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Key key = _db.CreateKeyFactory("Task").CreateKey("sampleTask");

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

taskKey := datastore.NameKey("Task", "sampletask", nil)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Key taskKey = datastore.newKeyFactory().setKind("Task").newKey("sampleTask");

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key(['Task', 'sampleTask']);

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$taskKey = $datastore->key('Task', 'sampleTask');

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

key = client.key('Task', 'sample_task')

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key = datastore.key "Task", "sampleTask"

O modo Datastore também pode atribuir IDs automaticamente. O modo Datastore gera uma sequência aleatória de IDs não utilizados que são distribuídos de maneira quase uniforme. Cada ID pode ter até 16 dígitos decimais.

No exemplo a seguir, criamos uma chave do tipo Task, sem usar um nome de chave. A chave completa da entidade, incluindo o código atribuído automaticamente, será retornada quando uma entidade com a chave incompleta for salva no modo Datastore:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Key incompleteKey = _db.CreateKeyFactory("Task").CreateIncompleteKey();
Key key = _db.AllocateId(incompleteKey);

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

taskKey := datastore.IncompleteKey("Task", nil)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

KeyFactory keyFactory = datastore.newKeyFactory().setKind("Task");
Key taskKey = datastore.allocateId(keyFactory.newKey());

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key('Task');

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$taskKey = $datastore->key('Task');

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

key = client.key('Task')

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key = datastore.key "Task"

Para exibir os IDs de entidade para o usuário e/ou depender da ordem deles, use a alocação manual.

Como atribuir seu próprio código numérico

Em vez de usar strings de nomes de chave ou gerar códigos numéricos automaticamente, os aplicativos avançados às vezes podem atribuir manualmente seus próprios códigos numéricos às entidades criadas por eles. No entanto, não há nada que impeça o modo Datastore de atribuir um dos seus códigos numéricos manuais a outra entidade. A única maneira de evitar esses conflitos é fazer com que seu aplicativo consiga um bloco de códigos com o método allocateIds().

Dessa forma, o gerador de códigos automático do modo Datastore rastreará os códigos que foram alocados com esses métodos e evitará reutilizá-los para outra entidade. Assim, eles poderão ser usados sem conflitos. Não é possível escolher manualmente os valores retornados pelo método allocateIds(). Os valores retornados por allocateIds() são atribuídos pelo modo Datastore.

Caminhos ancestrais

As entidades no modo Datastore formam um espaço hierarquicamente estruturado, semelhante à estrutura de diretórios de um sistema de arquivos. Ao criar uma entidade, é possível designar outra entidade como mãe. A nova entidade é a filha. Observe que, diferentemente do que ocorre em um sistema de arquivos, a entidade mãe não precisa existir de verdade. Uma entidade sem mãe é uma entidade raiz. A associação entre uma entidade e a entidade mãe é permanente e não pode ser alterada depois que a entidade é criada. O modo Datastore nunca atribuirá o mesmo código numérico a duas entidades com a mesma mãe ou a duas entidades raiz (sem mãe).

A mãe de uma entidade, a mãe da mãe (e assim por diante, recursivamente) são ancestrais dela. A filha, a filha da filha etc. são descendentes dela. A sequência de entidades começando com uma entidade raiz e procedendo de mãe para filha, levando a uma determinada entidade, constitui o caminho ancestral dessa entidade. A chave completa que identifica a entidade consiste em uma sequência de pares de identificadores de tipo que especifica o caminho ancestral e termina com os da própria entidade:

[User:alice, TaskList:default, Task:sampleTask]

Para uma entidade raiz, o caminho ancestral está vazio, e a chave consiste unicamente no próprio tipo e identificador da entidade:

[User:alice]

Níveis de mães

Use níveis de pais para organizar seus dados. Por exemplo, se seu aplicativo organizar entidades Task por entidades TaskList, use um nível de mãe:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Key rootKey = _db.CreateKeyFactory("TaskList").CreateKey("default");
Key key = new KeyFactory(rootKey, "Task").CreateKey("sampleTask");

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

parentKey := datastore.NameKey("TaskList", "default", nil)
taskKey := datastore.NameKey("Task", "sampleTask", parentKey)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Key taskKey = datastore.newKeyFactory()
    .addAncestors(PathElement.of("TaskList", "default"))
    .setKind("Task")
    .newKey("sampleTask");

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key([
  'TaskList',
  'default',
  'Task',
  'sampleTask',
]);

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$taskKey = $datastore->key('TaskList', 'default')
    ->pathElement('Task', 'sampleTask');

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

key = client.key('TaskList', 'default', 'Task', 'sample_task')
# Alternatively
parent_key = client.key('TaskList', 'default')
key = client.key('Task', 'sample_task', parent=parent_key)

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key = datastore.key [["TaskList", "default"], ["Task", "sampleTask"]]

Se seu aplicativo organizar, inicialmente, entidades Task por entidades User e, depois, por entidades TaskList, use vários níveis de mães:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Key rootKey = _db.CreateKeyFactory("User").CreateKey("Alice");
Key taskListKey = new KeyFactory(rootKey, "TaskList").CreateKey("default");
Key key = new KeyFactory(taskListKey, "Task").CreateKey("sampleTask");

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

userKey := datastore.NameKey("User", "alice", nil)
parentKey := datastore.NameKey("TaskList", "default", userKey)
taskKey := datastore.NameKey("Task", "sampleTask", parentKey)

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

KeyFactory keyFactory = datastore.newKeyFactory()
    .addAncestors(PathElement.of("User", "Alice"), PathElement.of("TaskList", "default"))
    .setKind("Task");
Key taskKey = keyFactory.newKey("sampleTask");

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const taskKey = datastore.key([
  'User',
  'alice',
  'TaskList',
  'default',
  'Task',
  'sampleTask',
]);

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$taskKey = $datastore->key('User', 'alice')
    ->pathElement('TaskList', 'default')
    ->pathElement('Task', 'sampleTask');

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

key = client.key(
    'User', 'alice',
    'TaskList', 'default',
    'Task', 'sample_task')

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task_key = datastore.key([
                           ["User", "alice"],
                           ["TaskList", "default"],
                           ["Task", "sampleTask"]
                         ])

Conforme mostrado no exemplo acima, ao criar uma entidade com mãe, você especifica o caminho ancestral completo da mãe.

Um aplicativo que mantém perfis de usuário pode exigir apenas um nível de mãe para os dados de perfil de usuário. Por exemplo, use um caminho ancestral User de nível único para entidades Profile:

[User:alice, Profile:public]

Um aplicativo que realiza a programação da sala de conferências pode exigir variados níveis de mãe, como um caminho ancestral Building/Floor de vários níveis para entidades Room:

[Building:C, Floor:1, Room:123]

Grupos de entidades

Um grupo de entidades consiste em uma entidade raiz e todos os seus descendentes. Os aplicativos normalmente utilizam grupos de entidades para organizar dados altamente relacionados. Por exemplo, um aplicativo pode usar um grupo de entidades para armazenar dados sobre um produto ou um perfil de usuário.

Os valores de código atribuídos pelo sistema são garantidamente exclusivos para o grupo de entidades. Se você copiar uma entidade de um grupo de entidades ou namespace para outro e quiser preservar a parte do código da chave, atribua o código primeiro para impedir que o Datastore selecione esse código em uma atribuição futura.

Propriedades e tipos de valores

Os valores de dados associados a uma entidade consistem em uma ou mais propriedades. Cada propriedade tem um nome e um ou mais valores.

Uma propriedade pode ter valores de mais de um tipo, e duas entidades podem ter valores de tipos diferentes para a mesma propriedade. Uma propriedade pode ser indexada ou não indexada. Consultas que ordenam ou filtram uma propriedade p ignoram entidades em que p não está indexada.

Alguns exemplos de propriedades:

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Entity task = new Entity()
{
    Key = _db.CreateKeyFactory("Task").CreateKey("sampleTask"),
    ["category"] = "Personal",
    ["created"] = new DateTime(1999, 01, 01, 0, 0, 0, DateTimeKind.Utc),
    ["done"] = false,
    ["priority"] = 4,
    ["percent_complete"] = 10.0,
    ["description"] = new Value()
    {
        StringValue = "Learn Cloud Datastore",
        ExcludeFromIndexes = true
    },
};

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

type Task struct {
	Category        string
	Done            bool
	Priority        int
	Description     string `datastore:",noindex"`
	PercentComplete float64
	Created         time.Time
}
task := &Task{
	Category:        "Personal",
	Done:            false,
	Priority:        4,
	Description:     "Learn Cloud Datastore",
	PercentComplete: 10.0,
	Created:         time.Now(),
}

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Entity task = Entity.newBuilder(taskKey)
    .set("category", "Personal")
    .set("created", Timestamp.now())
    .set("done", false)
    .set("priority", 4)
    .set("percent_complete", 10.0)
    .set("description",
      StringValue.newBuilder("Learn Cloud Datastore").setExcludeFromIndexes(true).build())
    .build();

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const task = [
  {
    name: 'category',
    value: 'Personal',
  },
  {
    name: 'created',
    value: new Date(),
  },
  {
    name: 'done',
    value: false,
  },
  {
    name: 'priority',
    value: 4,
  },
  {
    name: 'percent_complete',
    value: 10.0,
  },
  {
    name: 'description',
    value: 'Learn Cloud Datastore',
    excludeFromIndexes: true,
  },
];

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$task = $datastore->entity(
    $key,
    [
        'category' => 'Personal',
        'created' => new DateTime(),
        'done' => false,
        'priority' => 4,
        'percent_complete' => 10.0,
        'description' => 'Learn Cloud Datastore'
    ],
    ['excludeFromIndexes' => ['description']]
);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

task = datastore.Entity(
    key,
    exclude_from_indexes=['description'])
task.update({
    'category': 'Personal',
    'description': 'Learn Cloud Datastore',
    'created': datetime.datetime.utcnow(),
    'done': False,
    'priority': 4,
    'percent_complete': 10.5,
})

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task = datastore.entity "Task" do |t|
  t["category"] = "Personal"
  t["created"] = Time.now
  t["done"] = false
  t["priority"] = 4
  t["percent_complete"] = 10.0
  t["description"] = "Learn Cloud Datastore"
  t.exclude_from_indexes! "description", true
end

Uma propriedade com mais de um valor é chamada de propriedade matriz. Este exemplo contém duas propriedades matriz. A primeira chama-se tags, com os valores fun e programming. A segunda chama-se collaborators, com os valores alice e bob.

C#

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para C#.

Entity task = new Entity()
{
    Key = _db.CreateKeyFactory("Task").CreateKey("sampleTask"),
    ["collaborators"] = new ArrayValue() { Values = { "alice", "bob" } },
    ["tags"] = new ArrayValue() { Values = { "fun", "programming" } }
};

Go

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Go.

type Task struct {
	Tags          []string
	Collaborators []string
}
task := &Task{
	Tags:          []string{"fun", "programming"},
	Collaborators: []string{"alice", "bob"},
}

Java

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Java.

Entity task = Entity.newBuilder(taskKey)
    .set("tags", "fun", "programming")
    .set("collaborators", ListValue.of("alice", "bob"))
    .build();

Node.js

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Node.js.

const task = {
  tags: ['fun', 'programming'],
  collaborators: ['alice', 'bob'],
};

PHP

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para PHP.

$task = $datastore->entity(
    $key,
    [
        'tags' => ['fun', 'programming'],
        'collaborators' => ['alice', 'bob']
    ]
);

Python

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Python.

task = datastore.Entity(key)
task.update({
    'tags': [
        'fun',
        'programming'
    ],
    'collaborators': [
        'alice',
        'bob'
    ]
})

Ruby

Para aprender a instalar e usar a biblioteca de cliente para o Cloud Datastore, consulte as bibliotecas de cliente do Cloud Datastore. Para mais informações, consulte a documentação de referência da API do Cloud Datastore para Ruby.

task = datastore.entity "Task", "sampleTask" do |t|
  t["tags"] = ["fun", "programming"]
  t["collaborators"] = ["alice", "bob"]
end

No JSON, é possível atribuir uma propriedade de matriz usando o campo arrayValue, que é do tipo ArrayValue, e definindo o respectivo campo values como uma matriz de valores. Para que uma propriedade seja não indexada, é preciso definir o campo excludeFromIndexes do objeto de valor da propriedade como true.

Em buffers de protocolo, é possível atribuir uma propriedade de matriz usando o campo array_value, que é do tipo ArrayValue, e preenchendo o respectivo campo values com vários objetos Value. Para que uma propriedade seja não indexada, é preciso definir o campo exclude_from_indexes de Value como true.

As propriedades são armazenadas como um mapa string/value que contém os nomes e valores de propriedade da entidade. Os seguintes tipos são aceitos como valores:

Matriz

  • JSON
    • Nome do campo: arrayValue
    • Tipo: um objeto ArrayValue que contém uma matriz de objetos Value do JSON
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: array_value
    • Tipo: uma mensagem ArrayValue que contenha uma ou mais mensagens Value
  • Ordem de classificação: nenhuma
  • Observações: não pode conter outro valor de matriz. A instância do valor não pode definir meaning ou exclude_from_indexes.

Booleano

  • JSON
    • Nome do campo: booleanValue
    • Tipo: true ou false
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: boolean_value
    • Tipo: bool
  • Ordem de classificação: false<true

Blob

  • JSON
    • Nome do campo: blobValue
    • Tipo: string. Precisa ser codificado em base64.
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: blob_value
    • Tipo: bytes
  • Ordem de classificação: ordem de bytes
  • Observações: até 1.500 bytes se a propriedade for indexada e até 1.048.487 bytes (1 MiB - 89 bytes) se não for indexada

Data e hora

  • JSON
    • Nome do campo: timestampValue
    • Tipo: string (no formato RFC 3339, com milissegundos, por exemplo, 2013-05-14T00:01:00.234Z)
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: timestamp_value
    • Tipo: Timestamp
  • Ordem de classificação: cronológica
  • Observações:
    • Quando armazenadas no modo Datastore, são necessárias somente por microssegundos. A precisão é arredondada para baixo.
    • Quando retornados como parte dos resultados de uma consulta de projeção, o modo Datastore converte os valores de carimbos de data/hora em microssegundos com números inteiros.

Entidade incorporada

  • JSON
    • Nome do campo: entityValue
    • Tipo: uma entidade JSON
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: entity_value
    • Tipo: uma mensagem Entity
  • Ordem de classificação: nenhuma
  • Observações: quando indexado, é possível consultar subpropriedades. Se você excluir esse valor de indexação, todas as subpropriedades também serão excluídas da indexação

Número de ponto flutuante

  • JSON
    • Nome do campo: doubleValue
    • Tipo: número
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: double_value
    • Tipo: double
  • Ordem de classificação: numérica
  • Observações: precisão dupla de 64 bits, IEEE 754

Ponto geográfico

  • JSON
    • Nome do campo: geoPointValue
    • Tipo: um par latitude/longitude JSON
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: geo_point_value
    • Tipo: uma mensagem LatLng
  • Ordem de classificação: por latitude e depois longitude

Inteiro

  • JSON
    • Nome do campo: integerValue
    • Tipo: número ou string. Use strings para números inteiros com representação numérica que não possa ser exata.
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: integer_value
    • Tipo: int64
  • Ordem de classificação: numérica

Chave

  • JSON
    • Nome do campo: keyValue
    • Tipo: uma chave JSON do modo Datastore
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: key_value
    • Tipo: uma mensagem Key
  • Ordem de classificação: por elementos de caminho (tipo, identificador, tipo, identificador...)

Nulo

  • JSON
    • Nome do campo: nullValue
    • Tipo: null
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: null_value
    • Tipo: NullValue
  • Ordem de classificação: nenhuma

String de texto

  • JSON
    • Nome do campo: stringValue
    • Tipo: string
  • Buffer de protocolo
    • Nome do campo: string_value
    • Tipo: string
  • Ordem de classificação: ordem de bytes codificados em UTF-8
  • Observações: até 1.500 bytes se a propriedade for indexada e até 1.048.487 bytes (1 MiB - 89 bytes) se não for indexada

Como ordenar tipos de valor

Quando uma consulta inclui uma propriedade com valores de tipos mistos, o modo Datastore usa uma ordem determinística baseada nas representações internas. Veja a ordem na lista a seguir:

  1. Valores nulos
  2. Números de ponto fixo
    • Números inteiros
    • datas e horas
  3. valores booleanos
  4. strings de bytes
  5. strings Unicode
  6. números de ponto flutuante
  7. Pontos geográficos
  8. Chaves do modo Datastore