Versão 1.12

Como configurar o ambiente

Nesta página, explicamos como configurar o ambiente para se preparar para a instalação do Anthos Service Mesh.

Para instalações no Google Kubernetes Engine, siga os guias de instalação usando o Cloud Shell, uma interface de linha de comando no navegador para os recursos do Google Cloud ou no computador com Linux ou macOS:

Usar o Cloud Shell

O Cloud Shell provisiona uma máquina virtual (VM) g1-small do Compute Engine que executa um sistema operacional Linux baseado em Debian. Veja abaixo as vantagens de usar o Cloud Shell:

  • O Cloud Shell inclui as ferramentas de linha de comando gcloud, kubectl e kpt necessárias.

  • O diretório $HOME do Cloud Shell tem 5 GB de espaço de armazenamento permanente.

  • É possível escolher os editores de texto:

    • Editor de código, que você acessa clicando em na parte superior da janela do Cloud Shell.

    • Emacs, Vim ou Nano, que você acessa na linha de comando do Cloud Shell.

Para usar o Cloud Shell:

  1. Acesse o Console do Cloud.
  2. Selecione seu projeto do Cloud.
  3. Clique no botão Ativar o Cloud Shell na parte superior da janela do Console do Cloud.

    Console do Google Cloud Platform

    Uma sessão do Cloud Shell é aberta dentro de um novo frame na parte inferior do Console do Cloud, e exibe um prompt de linha de comando.

    Sessão do Cloud Shell

  4. Atualize os componentes:

    gcloud components update
    

    O comando responde com uma saída semelhante a esta:

    ERROR: (gcloud.components.update)
    You cannot perform this action because the Cloud SDK component manager
    is disabled for this installation. You can run the following command
    to achieve the same result for this installation:
    
    sudo apt-get update && sudo apt-get --only-upgrade install ...
  5. Copie o comando longo e cole-o para atualizar os componentes.

  6. Verifique a versão do kpt. Verifique se você está executando uma versão antes da 1.x do kpt:

    kpt version
    

    A saída será semelhante a:

    0.39.2

    Se você tiver a versão 1.x ou posterior do kpt, faça o download da versão necessária:

    curl -L https://github.com/GoogleContainerTools/kpt/releases/download/v0.39.2/kpt_linux_amd64 > kpt_0_39_2
    chmod +x kpt_0_39_2
    alias kpt="$(readlink -f kpt_0_39_2)"
    

Usar o Linux

Na máquina local, instale e inicialize o SDK do Cloud (a ferramenta de linha de comando gcloud).

Se você já tem o SDK do Cloud instalado:

  1. Faça a autenticação com o SDK do Cloud:

    gcloud auth login
    
  2. Atualize os componentes:

    gcloud components update
    
  3. Instale kubectl:

    gcloud components install kubectl
    
  4. Instale a versão necessária de kpt:

    curl -L https://github.com/GoogleContainerTools/kpt/releases/download/v0.39.2/kpt_linux_amd64 > kpt_0_39_2
    chmod +x kpt_0_39_2
    alias kpt="$(readlink -f kpt_0_39_2)"
    
  5. Verifique se o Git está no seu caminho para que kpt possa encontrá-lo.

Usar o MacOS

Na máquina local, instale e inicialize o SDK do Cloud (a ferramenta de linha de comando gcloud).

Se você já tem o SDK do Cloud instalado:

  1. Faça a autenticação com o SDK do Cloud:

    gcloud auth login
    
  2. Atualize os componentes:

    gcloud components update
    
  3. Instale kubectl:

    gcloud components install kubectl
    
  4. Instale a versão necessária de kpt:

    # For non-M1 chip Macs
    curl -L https://github.com/GoogleContainerTools/kpt/releases/download/v0.39.2/kpt_darwin_amd64 > kpt_0_39_2
    
    # For M1 chip Macs
    curl -L https://github.com/GoogleContainerTools/kpt/releases/download/v0.39.2/kpt_darwin_arm64 > kpt_0_39_2
    
    chmod +x kpt_0_39_2
    alias kpt="$(readlink -f kpt_0_39_2)"
    
  5. Verifique se o Git está no seu caminho para que kpt possa encontrá-lo.

A seguir

As próximas etapas dependem do seu caso de uso: