Editor in-line

O Console do Dialogflow tem um editor de código integrado, chamado editor in-line, que pode ser usado para criar o código de fulfillment e implantá-lo no Cloud Functions. O Cloud Functions tem cobranças associadas, mas o serviço está disponível gratuitamente até um número significativo de invocações mensais. Lembre-se de que você ainda precisa se registrar e fornecer uma conta de faturamento válida. Você pode cancelar a qualquer momento.

Quando você ativa inicialmente o editor in-line, o código de fulfillment de Node.js é preenchido com gerenciadores padrão para intents padrão, que são incluídos para todos os agentes. O código também tem instruções comentadas para adicionar gerenciadores para intents definidas pelo desenvolvedor.

O editor in-line destina-se a testes de fulfillment simples e protótipos. Quando estiver pronto para criar um aplicativo de produção, crie um serviço de webhook.

Biblioteca de fulfillment do Dialogflow

O editor in-line usa a biblioteca de fulfillment do Dialogflow por padrão. Essa biblioteca não é mais mantida, mas continua sendo uma solução simples de biblioteca de fulfillment. Essa biblioteca só deve ser usada pelo código do editor in-line.

A biblioteca de fulfillment do Dialogflow não é compatível com o controle de versões. Se você precisar usar o controle de versões, escolha uma das opções a seguir:

Como usar o editor in-line

O guia de início rápido do fulfillment tem instruções passo a passo para usar o editor in-line.

Faça o download do código

Quando estiver pronto para mover o código de fulfillment para outro sistema, use o botão de download no editor in-line.

Chamadas de rede

As chamadas de rede originadas do código do Cloud Functions para destinos fora da rede do Google são cobradas pelo serviço Cloud Functions.

Limitações

Considere as seguintes limitações:

  • O editor in-line só é compatível com Node.js.
  • Se você modificar o código com o Console do Cloud Functions, não será mais possível usar o editor in-line para modificar seu código. A função continuará fornecendo o fulfillment para seu agente, mas as edições futuras precisarão ser feitas no console do Cloud Functions.
  • A função do editor in-line precisa ser nomeada como dialogflowFirebaseFulfillment.
  • Não é possível salvar ou fazer o download do código modificado no editor in-line sem antes implantá-lo.
  • O editor in-line é compatível apenas com dois arquivos:
    • index.js: contém todo o código de fulfillment.
    • package.json: a modificação desse arquivo instalará todas as dependências especificadas na implantação.
  • Consulte a seção Biblioteca de fulfillment do Dialogflow para ver as limitações dessa biblioteca usada pelo editor in-line por padrão.