Como programar jobs do serviço de transferência de dados locais

Neste artigo, discutimos como agendar jobs do serviço de transferência de dados locais, as frequências compatíveis para executar jobs e como agendar um job, conforme alguns exemplos de agendamento.

Visão geral

É possível agendar os jobs do serviço de transferência de dados locais para que sejam executados em qualquer frequência, até a cada hora. O serviço de transferência de dados locais executa uma transferência incremental na frequência especificada, copia os dados para o Cloud Storage e registra os resultados da transferência no Console do Google Cloud sem intervenção humana.

É possível criar ou editar uma programação:

O serviço de transferência de dados locais é compatível com os seguintes períodos de intervalo:

  • Horas
  • Dias
  • Semanas

É possível iniciar a primeira transferência agora ou futuramente.

Exemplos de programação

A tabela a seguir apresenta vários cenários de agendamento e como configurá-los no editor de agendamento:

Cenário Como configurar a programação
Copiar dados todas as noites à meia-noite, para sempre
  • Executar todo dia
  • A partir de
  • Data/hora de início: à noite, à meia-noite
  • Data de término: nenhuma
Copiar dados a cada hora, a partir de agora
  • Executar com frequência personalizada
  • Iniciando agora
  • Data de término: nenhuma
  • Frequência personalizada:
    • Repetir a cada: 1
    • Horas
Copiar os dados todas as terças-feiras às 15h, começando em duas semanas e terminando em 3 de abril de 2030.
  • Executar toda semana
  • A partir de
  • Data/hora de início: terça-feira, às 15h, daqui a duas semanas
  • Data de término: 3 de abril de 2030

Além de agendar jobs em um horário específico, é possível executar novamente um job usando a mesma configuração. Os jobs executados novamente usam a mesma configuração, mas são executados apenas uma vez.