Como se conectar a uma instância do Redis

É possível acessar instâncias do Redis a partir de instâncias de VM do Compute Engine, de clusters do Google Kubernetes Engine, do Cloud Functions, e do ambiente flexível ou padrão do App Engine.

Antes de poder acessar o Cloud Memorystore com Cloud Functions, você precisa seguir as instruções de configuração na seção Como se conectar a recursos internos em uma rede VPC.

Além disso, antes de acessar o Cloud Memorystore com o ambiente padrão do App Engine, é preciso seguir as instruções de configuração na seção Como se conectar a recursos internos em uma rede VPC.

Como se conectar a uma instância do Redis a partir de uma VM do Compute Engine

É possível se conectar à instância do Redis a partir de qualquer instância de VM do Compute Engine, localizada no mesmo projeto, região e rede da instância do Redis em questão.

  1. Siga as instruções em Guia de início rápido sobre o uso de uma VM Linux para criar uma instância de VM do Compute Engine e conectar-se a ela. Verifique se a instância de VM do Compute Engine foi criada na mesma região da sua instância do Redis. Se você tiver usado uma imagem Debian 8 para criar sua instância de VM como descrito no guia de início rápido, instale o telnet usando o apt-get:

    sudo apt-get install telnet
    
  2. A partir do terminal, use o telnet para acessar o endereço IP da instância do Redis, substituindo o endereço IP e o número da porta da sua instância.

    telnet 10.0.0.27 6379
    Trying 10.0.0.27…
    Connected to 10.0.0.27
    
  3. Na sessão telnet, digite alguns comandos do Redis:

    PING
    +PONG
    SET HELLO WORLD
    +OK
    GET HELLO
    $5
    WORLD
    

Também é possível usar o cliente Redis para emitir comandos para a instância do Redis. Para mais informações sobre como usar o cliente Redis, consulte o Guia de início rápido do Redis.

Como se conectar a uma instância do Redis a partir de um cluster do Google Kubernetes Engine

É possível conectar-se às instâncias do Redis a partir dos clusters do Google Kubernetes Engine que estão na mesma região e utilizam a mesma rede dessas instâncias.

Como se conectar a partir de um pod, executando um shell bash

  1. Acesse a página do GKE no console do GCP.
    GKE
  2. Clique no cluster do GKE em que você gostaria de se conectar. Se você ainda não tiver um, crie-o na mesma zona e região da sua instância do Redis com os aliases de IP ativados. Para instruções sobre como criar um cluster com aliases de IP ativados, consulte a documentação sobre aliases de IP.
  3. Clique no botão Conectar, à direita do nome do cluster e, em seguida, clique no botão Executar no Cloud Shell, na janela que aparece.
  4. Use o comando a seguir para configurar o acesso de linha de comando kubectl:
    gcloud container clusters get-credentials CLUSTER_NAME --zone=CLUSTER_ZONE --project=PROJECT_ID
    • CLUSTER_NAME é o nome do cluster.
    • CLUSTER_ZONE é a zona em que o cluster está. É preciso que seja também a zona em que está a instância do Redis.
    • PROJECT_ID é o projeto em que estão o cluster e as instâncias do Redis.
    Você receberá a mensagem de conclusão: kubeconfig generated for CLUSTER_NAME
  5. Se a versão do seu cluster for 1.8 ou posterior e tiver aliases de IP ativados, pule esta etapa. Se a versão do seu cluster for 1.7 ou inferior, ou se o cluster da versão 1.8 ou superior não tiver aliases de IP ativados, siga estas etapas de solução alternativa, antes de tentar se conectar à sua instância: Para mais informações sobre aliases de IP, incluindo como criar um cluster com essa configuração ativada, consulte a Documentação de aliases de IP.
  6. Use o seguinte comando para se conectar a um shell bash:
    kubectl run -i --tty busybox --image=busybox -- sh
  7. Use o Telnet para a instância do Redis usando o endereço do host e o número da porta:
    telnet HOST-IP PORT
  8. Digite um comando básico do Redis para verificar a conexão:
    PING
    +PONG
  9. Para fechar a conexão telnet, pressione Control+C (ou Command+C no Mac). Para sair do shell bash no seu pod, insira "return". Se você já tiver terminado e não precisar se conectar ao Redis novamente, execute o seguinte comando no diretório do /k8s-custom-iptables/:
    ./uninstall.sh

Como se conectar a uma instância do Redis a partir de um pod do Google Kubernetes Engine

Antes de começar, é preciso ter um cluster do GKE. Se você ainda não tiver um, crie-o na mesma zona e região da sua instância do Redis, com os aliases de IP ativados. Para instruções sobre como criar um cluster com aliases de IP ativados, consulte a documentação sobre aliases de IP.

  1. No canto superior direito do console, clique no botão Ativar o Google Cloud Shell Activate Cloud Shell.
  2. Use o comando a seguir para configurar o acesso de linha de comando kubectl:
    gcloud container clusters get-credentials CLUSTER_NAME --zone CLUSTER_ZONE --project PROJECT_ID
    • CLUSTER_NAME é o nome do cluster.
    • CLUSTER_ZONE é a zona em que o cluster está. É preciso que seja também a zona em que está a instância do Redis.
    • PROJECT_ID é o projeto em que estão o cluster e as instâncias do Redis.
    Você receberá a mensagem de conclusão: kubeconfig generated for CLUSTER_NAME
  3. Se a versão do seu cluster for 1.8 ou posterior e tiver aliases de IP ativados, pule esta etapa. Se a versão do seu cluster for 1.7 ou inferior, ou se o cluster da versão 1.8 ou superior não tiver aliases de IP ativados, siga estas etapas de solução alternativa, antes de tentar se conectar à sua instância: Para mais informações sobre aliases de IP, incluindo como criar um cluster com essa configuração ativada, consulte a Documentação de aliases de IP.
  4. Use o comando a seguir para iniciar um pod Redis executando o redis-cli:
    kubectl run -i --tty redisbox --image=gcr.io/google_containers/redis:v1 -- sh
  5. Execute um comando redis-cli, substituindo HOST-IP pelo endereço IP do host da sua instância do Redis:
    redis-cli -h HOST-IP info
  6. Se preferir, execute o comando Redis benchmark, substituindo novamente HOST-IP pelo endereço IP do host da sua instância do Redis:
    redis-benchmark -c 100 -n 100000 -d 1024 -r 100000 -t PING,SET,GET,INCR,LPUSH,RPUSH,LPOP,RPOP,SADD,SPOP,MSET -h HOST-IP -q
  7. Para sair do pod Redis, insira return. Se você já tiver terminado e não precisar se conectar ao Redis novamente, execute o seguinte comando no diretório do /k8s-custom-iptables/:
    ./uninstall.sh

A seguir

Conecte-se à sua instância do Redis usando um aplicativo de amostra, que é executado em: