Versão 1.10

Como ativar e desativar o controlador de serviço canônico

Observação: os serviços canônicos são compatíveis com a versão 1.6.8 do Anthos Service Mesh e versões mais recentes.

Quando você instala ou faz upgrade do Anthos Service Mesh usando o script install_asm, ele implanta o controlador de serviços canônicos no seu cluster. O controlador de serviços canônicos agrupa as cargas de trabalho que pertencem ao mesmo serviço lógico, e ele é necessário para o funcionamento completo do painel de serviços no Console do Cloud. A implantação do controlador cria a implantação do canonical-service-controller-manager no cluster no namespace asm-system. Isso não afeta seus serviços ou cargas de trabalho.

Se você não usou o script install_asm para instalar o Anthos Service Mesh, então talvez não tenha o controlador de serviços canônicos ativado no cluster. Para determinar se o controlador de serviços canônicos está ativado no cluster, use este comando:

kubectl get services -n asm-system

Ativar o controlador de serviço canônico no cluster

Se o controlador de serviço canônico não estiver ativado, será possível ativá-lo com os passos a seguir:

  1. Faça o download do pacote kpt que contém o controlador para o diretório de trabalho atual:

    kpt pkg get https://github.com/GoogleCloudPlatform/anthos-service-mesh-packages.git/asm@release-1.10-asm asm
    
  2. Aplique a configuração do controlador:

        kubectl apply -f asm/canonical-service/controller.yaml
    

Desativar o controlador de serviço canônico no cluster

Se você quiser desativar o controlador de serviço canônico:

  1. Faça o download do pacote kpt que contém o controlador no diretório de trabalho atual:

    kpt pkg get https://github.com/GoogleCloudPlatform/anthos-service-mesh-packages.git/asm@release-1.10-asm asm
    
  2. Exclua o controlador do cluster:

    kubectl delete -f asm/canonical-service/controller.yaml
    

Ativar o controlador de serviço canônico gerenciado (prévia)

Se preferir não instalar o controlador no cluster, ative o controlador de serviço canônico gerenciado, que executa a mesma função para todos os clusters registrados na malha sem a necessidade de instalar ou gerenciar o controlador por conta própria. Para ativar o controlador gerenciado:

  1. No Console do Google Cloud, acesse a página Clusters do Anthos.

    Acessar a página de clusters do Anthos

  2. "Registre" todos os clusters na malha.

  3. No Console do Google Cloud, acesse a página Recursos do Anthos.

    Acessar a página "Recursos" do Anthos

  4. Clique em Ativar ao lado do recurso "Malha de serviço".

Após alguns minutos, o controlador gerenciado é ativado e cria serviços canônicos para os clusters registrados na malha. Para verificar se ele está funcionando, execute kubectl get canonicalservices --all-namespaces e confirme se alguns serviços canônicos foram criados para as cargas de trabalho na malha.

A seguir

Saiba mais sobre: