Alta disponibilidade

Nesta página, descrevemos a alta disponibilidade para instâncias do Cloud Memorystore para Redis no nível padrão. O nível padrão oferece alta disponibilidade por meio da replicação e da capacidade de failover automático. O Cloud Memorystore para Redis não usa o Redis Sentinel para alta disponibilidade.

O que é alta disponibilidade

O Cloud Memorystore for Redis oferece alta disponibilidade ao replicar uma instância mestre para uma réplica. Uma réplica é uma cópia da mestre em estão refletidas as alterações na instância mestre. Observação: a réplica é usada apenas para ativar a alta disponibilidade. Não é possível se conectar à réplica e usá-la como uma réplica de leitura.

Todas as instâncias do Cloud Memorystore para Redis no nível padrão são configuradas automaticamente como um par mestre-réplica. A réplica é disponibilizada como uma cópia em espera e precisa estar em uma zona diferente da zona da mestre. Solicitações de aplicativo são direcionadas à instância mestre. As alterações efetuadas nos dados da instância mestre são copiadas para a réplica com o Protocolo de replicação assíncrona do Redis (em inglês).

O que a alta disponibilidade oferece

Se a instância mestre falhar, o serviço do Cloud Memorystore para Redis acionará um failover. O serviço promove a réplica para a instância mestre e, após a recuperação, configura a mestre que falhou como a réplica da nova mestre.

Para tolerar falhas de zona, a instância mestre e a réplica estão localizadas em diferentes zonas dentro da mesma região. A replicação tolera a perda da instância mestre ou da réplica separadamente. Se a instância mestre e a réplica falharem ao mesmo tempo devido a uma falha simultânea em várias zonas, os dados não poderão ser recuperados.

Quando o failover é acionado

Durante o failover, todas as solicitações para a nova mestre são automaticamente redirecionadas para a réplica, e a instância do Cloud Memorystore para Redis continua a responder para o aplicativo. O failover para a réplica pode ocorrer por vários motivos, como:

  • a zona em que a instância mestre está localizada sofre uma interrupção;
  • a instância mestre do Redis falha;
  • a instância mestre do Redis para de responder.

Como o failover afeta seus aplicativos

Quando uma instância mestre faz o failover para a réplica, as conexões existentes com o Cloud Memorystore para Redis são descartadas. No entanto, ao reconectar, seu aplicativo é redirecionado automaticamente para a nova instância mestre usando a mesma cadeia de conexão ou endereço IP. Você não precisa atualizar seu aplicativo após um failover.

Enquanto o serviço do Cloud Memorystore para Redis promove a réplica para a mestre, sua instância do Cloud Memorystore para Redis fica temporariamente indisponível. Cada nó está localizado em uma única zona, por isso, falhas zonais podem resultar em um tempo de recuperação prolongado. Durante esse tempo, há apenas uma cópia dos dados.

Como visualizar o status da alta disponibilidade

É possível consultar as métricas de alta disponibilidade para sua instância do Redis usando o Stackdriver. Para informações sobre as métricas que o Stackdriver fornece para o Cloud Memorystore para Redis, consulte Como monitorar instâncias do Redis. Para mais informações sobre o uso do Stackdriver com o Google Cloud Platform, consulte a documentação do Stackdriver Monitoring.

Para ver o status da replicação nativa que o Redis fornece, é possível emitir o comando INFO do Redis (em inglês) para a instância do Cloud Memorystore para Redis.

A seguir

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…

Google Cloud Memorystore para Redis