Você está vendo a documentação do Anthos Service Mesh 1.7. Veja uma mais recente ou selecione outra versão disponível:

Desinstalando

Nesta página, explicamos como desinstalar o Anthos Service Mesh e o Istio de código aberto.

Como desinstalar o Anthos Service Mesh

Execute um dos comandos a seguir para desinstalar os componentes do Anthos Service Mesh que foram instalados com o perfil de configuração do ASM. Esses comandos excluem o namespace istio-system e todas as definições de recursos personalizados (CRDs, na sigla em inglês), incluindo todos os CRDs que você aplicou. Se você criou CRDs, verifique se tem cópias deles.

  1. Remova o plano de controle.

    • Se você instalou o Anthos Service Mesh nos clusters do Anthos no VMware, os clusters do Anthos na AWS, no Amazon Elastic Kubernetes Service ou no Microsoft Azure Kubernetes Service:
    1. Remova o plano de controle:

      istioctl manifest generate --set profile=asm-multicloud | kubectl delete --ignore-not-found=true -f -
      
    2. Exclua o namespace istio-system:

      kubectl delete namespace istio-system
      
    • Se você instalou o Anthos Service Mesh no Google Kubernetes Engine:

      istioctl manifest generate --set profile=asm-gcp | kubectl delete --ignore-not-found=true -f -
      

      Esse comando exclui automaticamente o namespace istio-system.

  2. Desative a injeção automática de arquivo secundário, se ativada:

    kubectl label namespace YOUR_NAMESPACE istio-injection=disabled