Mantenha tudo organizado com as coleções Salve e categorize o conteúdo com base nas suas preferências.

Comparação de versões do Cloud Functions

O Cloud Functions oferece duas versões do produto: o Cloud Functions (1a geração), a versão original e o Cloud Functions (2a geração), uma nova versão criada no Cloud Run e Eventarc para fornecer um conjunto de recursos aprimorados. Nesta página, descrevemos os novos recursos introduzidos no Cloud Functions (2a geração) e fornece uma comparação entre as duas versões do produto.

Recomendamos que você escolha o Cloud Functions (2ª geração) para novas funções sempre que possível. No entanto, planejamos continuar a oferecer suporte ao Cloud Functions (1ª geração).

Novidades do Cloud Functions (2a geração)

O Cloud Functions (segunda geração) é a oferta de funções como serviço de última geração do Google Cloud. Criado no Cloud Run e no Eventarc, o Cloud Functions (2a geração) oferece infraestrutura aprimorada e cobertura de eventos mais ampla para o Cloud Functions, incluindo:

  • Tempos de processamento de solicitação mais longos: execute cargas de trabalho de solicitações mais longas, como o processamento de grandes fluxos de dados do Cloud Storage ou do BigQuery.
  • Tamanhos de instância maiores: execute cargas de trabalho maiores na memória, com uso intenso de computação e paralelas.
  • Melhor simultaneidade: gerencie várias solicitações simultâneas com uma única instância de função para minimizar inicializações a frio e melhorar a latência.
  • Gerenciamento de tráfego: divida o tráfego entre diferentes revisões de função ou reverta uma função para uma versão anterior.
  • Integração do Eventarc: suporte nativo para acionadores do Eventarc, trazendo todas as mais de 90 origens de eventos compatíveis com o Eventarc para o Cloud Functions.
  • Suporte mais amplo ao CloudEvents: suporte ao CloudEvents padrão do setor em todos os ambientes de execução da linguagem, proporcionando uma experiência consistente ao desenvolvedor.

Consulte a tabela de comparação para mais detalhes.

Como o Cloud Functions (2a geração) é criado no Cloud Run, o Cloud Functions (2a geração) compartilha cotas e limites de recursos com o Cloud Run. Para mais informações, consulte Cotas.

Tabela de comparação

Seleção de Cloud Functions (1a geração) Cloud Functions (segunda geração)
Registro de imagens Container Registry ou Artifact Registry Apenas o Artifact Registry
Tempo limite da solicitação Até 9 minutos
  • Até 60 minutos para funções acionadas por HTTP
  • Até 9 minutos para funções acionadas por eventos
Tamanho da instância Até 8 GB de RAM com 2 vCPUs Até 16 GiB de RAM com 4 vCPUs
Simultaneidade 1 solicitação simultânea por instância de função Até 1.000 solicitações simultâneas por instância de função.
Divisão de tráfego Sem suporte Compatível
Tipos de evento Suporte direto para eventos de sete fontes Suporte para qualquer tipo de evento compatível com o Eventarc, incluindo mais de 90 origens de eventos pelos Registros de auditoria do Cloud
Eventos do Cloud Compatível apenas com ambientes de execução Ruby, .NET e PHP Compatível com todos os ambientes de execução da linguagem

Preços

Para informações detalhadas sobre preços, consulte Preços do Cloud Functions.

Se você usa o Cloud Functions (2a geração), você pode ver os custos associados apenas ao Cloud Functions (2a geração) da seguinte maneira:

  1. Acesse a página de relatórios do Cloud Billing no console do Google Cloud.
  2. Se solicitado, selecione a conta de faturamento associada ao seu projeto do Google Cloud.
  3. No painel Filtros, em Rótulos, adicione um filtro de rótulo com a chave goog-managed-by e o valor cloudfunctions.

Em breve no Cloud Functions (2ª geração)

  • Capacidade de implantar funções do Cloud Source Repositories.
  • Suporte para eventos nativos do Cloud Firestore (gatilhos de alteração no nível de linha) na 2ª geração e no Eventarc.
  • Suporte ao uso de letras maiúsculas em nomes de funções.
  • Capacidade de migrar funções do Cloud Functions (1ª geração) para (2ª geração) para que os clientes possam aproveitar os novos recursos e funções.
  • Cloudfunctions.net URLs.

    Atualmente, os URLs de função no Cloud Functions (2ª geração) usam um formato não determinístico, o que significa que não é possível prever o URL de função antes da implantação (mas o URL permanece estável após a implantação). Em uma versão futura, os URLs de função de 2ª geração vão ser atualizados para serem estáveis e determinísticos.

Próximas etapas