Começar a usar o Batch

Mantenha tudo organizado com as coleções Salve e categorize o conteúdo com base nas suas preferências.

Nesta página, descrevemos como começar a usar o Batch no Google Cloud.

Visão geral

O Batch é um serviço totalmente gerenciado que permite programar, enfileirar e executar cargas de trabalho de processamento em lote em instâncias de máquina virtual (VM) do Compute Engine. O Batch provisiona recursos e gerencia a capacidade em seu nome, permitindo que suas cargas de trabalho em lote sejam executadas em escala.

Com o Batch, não é preciso configurar e gerenciar programadores de jobs de terceiros, provisionar e desprovisionar recursos ou solicitar recursos em uma zona por vez. Para executar um job, especifique parâmetros para os recursos necessários para a carga de trabalho. Em seguida, o Batch recebe recursos e fila o job para fila para execução. O Batch fornece integração nativa com outros serviços do Google Cloud para ajudar na programação, execução, armazenamento e análise de jobs em lote. Assim, é possível se concentrar em enviar um job e consumir os resultados.

O lote consiste nos seguintes componentes:

  • Job: um programa programado que executa um conjunto de tarefas até a conclusão sem nenhuma interação do usuário, normalmente para cargas de trabalho computacionais. Por exemplo, um job pode ser um único script de shell ou um cálculo complexo e de várias partes.

    Um job é executado por meio de uma ou mais ações específicas chamadas tarefas. Cada job em lote consiste em uma matriz de uma ou mais tarefas que executam os mesmos executáveis, que são os scripts executáveis e contêineres do job. As tarefas de um job podem ser executadas em paralelo ou sequencialmente nos recursos do job.

  • Tarefas: ações programáticas definidas como parte de um job e executadas quando ele é executado. Cada tarefa faz parte do grupo de tarefas de um job. Os executáveis do job são executados por cada tarefa nele.

  • Recursos: a infraestrutura necessária para executar um job. Cada job em lote é executado em um grupo gerenciado de instâncias regional (MIG, na sigla em inglês) de VMs do Compute Engine com base nos requisitos e no local especificados do job. Se especificado, um job também pode usar outros recursos de computação, como GPUs, ou recursos extras de armazenamento de leitura/gravação, como SSDs locais ou um bucket do Cloud Storage. Alguns dos fatores que determinam o número de VMs provisionadas para um job incluem os recursos de computação necessários para cada tarefa e o paralelismo do job: se você quer que as tarefas sejam executadas sequencialmente em uma VM ou simultaneamente em várias VMs.

Em resumo, o Batch permite criar e executar jobs que provisionam e utilizam automaticamente os recursos necessários para executar as tarefas.

Preços

Não há custo adicional para usar o Batch. Você paga apenas pelo custo dos recursos necessários para executar seus jobs.

Restrições

O lote tem as seguintes restrições:

Pré-requisitos

Para começar a usar o Batch, atenda aos seguintes pré-requisitos:

  1. Se o projeto não tiver usado o Batch antes, ative o Batch no projeto.
  2. Configure o Batch para cada novo usuário.

Ativar lote para um projeto

Para começar a usar o Batch com um projeto, faça o seguinte:

  1. No console do Google Cloud, na página do seletor de projetos, selecione ou crie um projeto do Google Cloud.

    Acessar o seletor de projetos

  2. Verifique se o faturamento está ativado para seu projeto na nuvem. Saiba como verificar se o faturamento está ativado em um projeto.

  3. Verifique se o lote está ativado para seu projeto:

    1. Ative as APIs para lotes usando o console do Google Cloud ou a Google Cloud CLI.

      Console

      Ative as APIs Batch, Compute Engine, and Cloud Logging.

      Ative as APIs

      gcloud

      Ative as APIs Batch, Compute Engine, and Cloud Logging:

      gcloud services enable batch.googleapis.comcompute.googleapis.comlogging.googleapis.com

    2. Para garantir que a conta de serviço de cada job tenha as permissões necessárias para permitir que o agente de serviço do Batch crie e acesse recursos para jobs, peça ao administrador para conceder os seguintes papéis do IAM a todas as contas de serviço que seu projeto usa para jobs em lote.

      A conta de serviço que cada job usa por padrão é a conta de serviço padrão do Compute Engine, mas também é possível personalizar a conta de serviço que um job usa.

      • Relator do agente em lote (roles/batch.agentReporter) no projeto
      • Para permitir que jobs acessem um bucket do Cloud Storage: administrador do Storage (roles/storage.admin) no bucket
      • Para permitir que os jobs gerem registros no Cloud Logging: gravador de registros (roles/logging.logWriter) no projeto

      Para mais informações sobre como conceder papéis a contas de serviço, consulte Como restringir contas de serviço e Gerenciar o acesso a contas de serviço.

Configurar o lote para um novo usuário

Para começar a usar o Batch como usuário, faça o seguinte:

  1. Para receber as permissões necessárias para usar o Batch, peça ao administrador para conceder a você os papéis do IAM necessários no projeto. Consulte a documentação de cada tarefa para ver as permissões necessárias.

    Por exemplo, se você quiser começar a usar o Batch criando um job básico, solicite papéis para as seguintes tarefas:

    • Para criar jobs:
    • Para listar e descrever jobs: Editor de jobs em lote (roles/batch.jobsEditor) ou Leitor de jobs em lote (roles/batch.jobsViewer) no projeto
    • Para ver registros de jobs: visualizador de registros (roles/logging.viewer) no projeto
    • Para excluir jobs: Editor de job em lote (roles/batch.jobsEditor) no projeto

    Para mais informações sobre como conceder papéis, consulte Gerenciar acesso.

  2. Se você quiser usar os exemplos de linha de comando para o Batch, configure o Google Cloud CLI da seguinte maneira: Para mais informações, consulte Autenticar em lote.

    1. Instale a Google Cloud CLI e inicialize-a executando o seguinte comando:

      gcloud init

    2. Recomendado: defina um projeto padrão usando o comando gcloud config set project:

      gcloud config set project PROJECT_ID
      

      em que PROJECT_ID é o ID do projeto.

  3. Se você quiser usar os exemplos de API do Batch, consulte Autenticar em lote.

Receba ajuda

Você pode falar sobre o Batch na comunidade nos Fóruns do Cloud.

Se você tiver problemas com o lote, consulte a documentação de solução de problemas.

Para receber suporte ou enviar feedback sobre o Batch, use os recursos abaixo:

  • Para problemas de faturamento com o Google Cloud, entre em contato com o suporte de faturamento.

  • Se você tiver um pacote de suporte pago, entre em contato diretamente com o suporte do Google Cloud em caso de problemas com o Batch.

    O Google Cloud oferece pacotes de suporte diferentes para atender a diferentes necessidades, como cobertura 24 horas, suporte por telefone e acesso a um gerente de suporte técnico. Para mais informações, consulte Suporte do Google Cloud.

  • Para enviar feedback ou solicitações de recursos no Batch ou relatar problemas no Batch sem um pacote de suporte pago, clique no botão Send feedback (enviar feedback), que pode ser encontrado no início e no fim de cada página da documentação do Batch. Em seguida, selecione uma destas opções:

    • Para feedback relacionado à documentação em lote, selecione "Feedback sobre a documentação".
    • Para todos os outros feedbacks sobre o Batch, selecione "Feedback do produto".

A seguir