Método: cryptoKeyVersions.asymmetricSign

Nome completo: projects.locations.keyRings.cryptoKeys.cryptoKeyVersions.asymmetricSign

Assina os dados usando CryptoKeyVersion com CryptoKey.purpose ASYMMETRIC_SIGN, o que produz uma assinatura que pode ser verificada com a chave pública recuperada de cryptoKeyVersions.getPublicKey.

Solicitação HTTP

POST https://cloudkms.googleapis.com/v1/{name=projects/*/locations/*/keyRings/*/cryptoKeys/*/cryptoKeyVersions/*}:asymmetricSign

O URL usa a sintaxe de transcodificação gRPC.

Parâmetros de caminho

Parâmetros
name

string

Obrigatório. O nome do recurso da CryptoKeyVersion que será usada para assinatura.

A autorização exige a permissão do Google IAM a seguir para o recurso name especificado:

  • cloudkms.cryptoKeyVersions.useToSign

Corpo da solicitação

O corpo da solicitação contém dados com a seguinte estrutura:

Representação JSON

{
  "digest": {
    object(Digest)
  }
}
Campos
digest

objeto ( Digest )

Obrigatório. O resumo dos dados para assinar. O resumo precisa ser produzido com o mesmo algoritmo de resumo especificado pelo algorithm da versão da chave.

Corpo da resposta

Se bem-sucedido, o corpo da resposta conterá os dados com a estrutura a seguir:

Mensagem da resposta para KeyManagementService.AsymmetricSign.

Representação JSON

{
  "signature": string
}
Campos
signature

string (bytes format)

A assinatura criada.

Uma string codificada em base64.

Escopos de autorização

Requer um dos seguintes escopos do OAuth:

  • https://www.googleapis.com/auth/cloudkms
  • https://www.googleapis.com/auth/cloud-platform

Para saber mais, consulte a Visão geral da autenticação.

Resumo

Um Digest contém um resumo da mensagem criptográfica.

Representação JSON

{

  // Union field digest can be only one of the following:
  "sha256": string,
  "sha384": string,
  "sha512": string
  // End of list of possible types for union field digest.
}
Campos
digest do campo de união. Obrigatório. O resumo da mensagem. digest pode ser apenas um dos seguintes:
sha256

string (bytes format)

Um resumo da mensagem produzido com o algoritmo SHA-256.

Uma string codificada em base64.

sha384

string (bytes format)

Um resumo da mensagem produzido com o algoritmo SHA-384.

Uma string codificada em base64.

sha512

string (bytes format)

Um resumo da mensagem produzido com o algoritmo SHA-512.

Uma string codificada em base64.

Faça um teste

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…

Documentação do Cloud KMS