Sobre o Cloud Scheduler

Com o Cloud Scheduler, é possível definir a execução de unidades programadas de trabalho em horários definidos ou em intervalos regulares. Essas unidades são conhecidas como cron jobs. Os casos de uso típicos podem incluir o envio de um relatório por e-mail diariamente, a atualização de dados armazenados em cache a cada 10 minutos ou a atualização de informações resumidas a cada hora.

Cada cron job criado com o Cloud Scheduler é enviado para um destino de acordo com uma programação especificada para que a tarefa seja realizada. O destino precisa ser um dos seguintes tipos:

O Cloud Scheduler foi projetado para fornecer entrega "pelo menos uma vez", ou seja, o job será executado pelo menos uma vez por execução programada. Em raras circunstâncias, é possível que um job seja executado várias vezes em associação a uma única instância da programação. Portanto, o código precisa garantir que não haja efeitos colaterais prejudiciais de execução repetida. Os destinos precisam ser idempotentes.

É possível criar cron jobs usando o Console do Cloud ou a ferramenta de linha de comando gcloud.

Regiões compatíveis por destino

Se o destino for um endpoint HTTP/S ou um tópico do Pub/Sub, o Cloud Scheduler estará disponível em todas as regiões do Google Cloud compatíveis com o Cloud Scheduler.

Se o destino for um aplicativo do App Engine localizado no projeto atual:

  • Um job do Cloud Scheduler destinado ao App Engine só pode ser criado na região do App Engine do projeto.

  • Um projeto do Google Cloud pode conter apenas um aplicativo do App Engine, e a região em que ele está localizado não poderá ser alterada após a criação.

  • O App Engine é regional, ou seja, a infraestrutura que executa seu aplicativo está localizada em uma região específica. Para distribuir computação e jobs em várias regiões, segmente um endpoint HTTP/S ou um tópico do Pub/Sub.

  • Se você não estiver usando o App Engine como destino, não precisará implantar um aplicativo do App Engine e poderá desativar qualquer aplicativo atual do App Engine.