Visão geral da pesquisa

Com o Cloud Talent Solution, usuários podem pesquisar vagas armazenadas no índice de pesquisa de vagas. A pesquisa de vagas foi projetada para ser personalizada de acordo com as suas necessidades comerciais. Esta página apresenta uma visão geral das funções de pesquisa disponíveis na pesquisa de vagas do CTS.

Como fazer solicitações de pesquisa

Para fazer uma solicitação de pesquisa de vaga, envie uma solicitação POST para o ponto de extremidade jobs:search, passando os dados da pesquisa no corpo.

Campos usados com frequência (opcional)

  • JobQuery: o objeto JobQuery consiste em dois componentes, uma string query e os filtros aplicados a ela. Com esse recurso, os usuários podem pesquisar usando uma string de consulta (como "assistente de comunicação") e um ou mais filtros (local, tempo de deslocamento, remuneração e assim por diante). Veja mais informações e uma lista das opções de filtros disponíveis em Filtros de busca.

  • searchMode: especifica o tipo da pesquisa a aplicar. As opções são:

    • JOB_SEARCH (recomendado): este é o modo de pesquisa padrão, que abrange todos os objetos de vagas. As vagas mais relevantes são apresentadas ao usuário na ordem de relevância da consulta de pesquisa.
    • FEATURED_JOB_SEARCH: pesquisa apenas os objetos de vagas com promotionValue maior que 0. Os resultados são ordenados do promotionValue mais alto para o mais baixo. No caso de empate, a relevância é usada para decidir a posição. Veja mais informações em Vagas em destaque.
  • jobView: define o número de campos retornados para cada vaga correspondente. Pode ser JOB_VIEW_SMALL (padrão), JOB_VIEW_MINIMAL ou JOB_VIEW_FULL. As descrições de cada opção podem ser encontradas na documentação de referência JobView.

  • orderBy: a ordem de classificação das vagas retornadas. Veja os valores permitidos na documentação de referência. O padrão é classificar por relevância, na ordem decrescente (RELEVANCE_DESC).

Campos obrigatórios

O seguinte campo é obrigatório:

  • requestMetadata: contém informações sobre o usuário e a sessão da solicitação de pesquisa.

RequestMetadata

Cada solicitação de pesquisa e histograma precisa incluir um objeto RequestMetadata. Esse objeto contém informações sobre o usuário que iniciou a pesquisa. Isso é importante por dois motivos principais:

  • Consistência do usuário: para melhorar a relevância da pesquisa, o Cloud Talent Solution executa simultaneamente várias versões dos modelos subjacentes. O CTS garante que quem procura uma vaga (identificado por userId, sessionId e domínio) terá uma experiência consistente. Esses campos devem ser ofuscados.

  • Melhorias na pesquisa: os algoritmos de ajuste têm como base as informações fornecidas nos campos RequestMetadata e os dados dos candidatos fornecidos por você. Isso melhora a relevância do resultado da pesquisa.

Usar operadores de pesquisa

Os operadores de pesquisa abaixo podem ser usados sozinhos ou em conjunto.

Operador Descrição
( ) Agrupa uma ou mais palavras-chave.
OR Procura resultados relevantes para as palavras-chave ou os grupos de palavras-chave em ambos os lados do operador. Exemplo: "software OR java" retorna vagas com ou "software" ou "java" nos metadados.
E Procura resultados relevantes para as palavras-chave ou os grupos de palavras-chave em ambos os lados do operador. Exemplo: "(software OR java) AND (marketing)" retorna trabalhos que são ou relevantes para vagas de "software" e "marketing", ou que são relevantes para "java" e "marketing".
NOT Exclui resultados relevantes para a palavra-chave ou grupo de palavras-chave imediatamente após o operador. A palavra-chave ou grupo de palavras-chave devem estar entre parênteses.
- Exclui resultados relevantes para a palavra-chave ou grupo de palavras-chave depois do operador. Exemplo: "software -java" retorna vagas relevantes para "software", mas exclui vagas relevantes para "java".
req ou requisição: Retorna vagas com o ID de requisição especificado. Por exemplo, req: 1234 retorna vagas com o ID de requisição 1234.

Consultas de candidatos

Os termos de pesquisa também podem ser detectados como as entidades de uma vaga. Por exemplo, se um usuário consultar "intern" (estagiário), o Cloud Talent Solution o tratará como o tipo de emprego INTERN e usará esse filtro em vagas com a designação EMPLOYMENT_TYPE - INTERN. Portanto, mesmo um objeto de vaga com "intern" na descrição não seria retornado se o campo EMPLOYMENT_TYPE dessa vaga fosse definido para outra coisa.

Solução de problemas

Cada solicitação de pesquisa gera um requestID de pesquisa exclusivo no sistema de pesquisa de vagas. Esse valor é usado para rastrear os parâmetros da pesquisa e as respostas. Isso é essencial na solução de problemas relacionados a pesquisas específicas ou solicitações CRUD, por isso é necessário um registro adequado. O requestID é retornado no campo ResponseMetadata no corpo da resposta de pesquisa ou no objeto de resposta de chamada CRUD relacionado.

No caso de questões de suporte relacionadas a relevância, consultas de pesquisa, consultas de indexação etc., registre um tíquete com nossa equipe de suporte e inclua os requestIDs relevantes ou as próprias solicitações.

Contagens de resultados

A contagem de resultados é usada para informar o número de resultados da pesquisa ao candidato. Isso nem sempre corresponde aos resultados do histograma ou ao número real de vagas retornadas. A Pesquisa de vagas retorna no máximo 5000 vagas.

Paginação (opcional)

Por padrão, a Pesquisa de vagas retorna 100 resultados em uma única chamada (ou menos, se o número total de resultados for menor que 100). Para visualizar mais de 100 resultados, implemente a paginação. se o número total de resultados exceder o máximo de 5000, todas as páginas após a página que contém o 5000º resultado ficarão em branco. Os campos abaixo controlam a paginação:

  • pageSize: o número de resultados retornados.
  • nextPageToken: token exclusivo retornado com cada página dos resultados da pesquisa para especificar a posição inicial da próxima página de resultados. Este campo ficará vazio se não houver mais resultados.
  • offset: especifica a diferença entre a classificação de relevância da vaga retornada no topo de uma determinada página e 1 (a vaga mais relevante retornada). Como exemplo, um usuário realiza uma pesquisa e pageSize é definido como 10. A primeira página retorna a vaga nº 1 na parte superior. Portanto, o valor de offset para esta página é zero. A próxima página retorna a vaga nº 11 na parte superior. O offset para esta página é 10.

Existem duas maneiras principais de implementar a paginação. Use pageSize e nextPageToken para apontar diretamente para a próxima página de resultados (cada página tem um novo valor de nextPageToken que aponta para a página subsequente). Se você usar esse método, sempre começará no topo dos resultados e as páginas serão abertas na sequência. Como alternativa, use pageSize com offset para especificar diretamente qual resultado numerado será exibido na parte superior de cada página. Use offset em vez de nextPageToken para pular para qualquer ponto do conjunto de resultados.

Recomendamos que você defina o tamanho da página como 20 resultados ou menos para evitar problemas de latência. Recomenda-se emitir uma chamada de pesquisa separada para cada página processada para o candidato. Usar uma única chamada de pesquisa para retornar um número maior de vagas e paginar no lado do cliente impede que o modelo de aprendizado de máquina aprenda com precisão por meio do Jobs Analytics Framework.

Se você usar uma paginação de todos os campos diferente de pageSize na solicitação, nextPageToken e offset precisarão continuar iguais. Caso contrário, a ordem dos jobs retornados nos resultados poderá ser inconsistente.

Verificação ortográfica

A verificação ortográfica é um recurso da solicitação de pesquisa do CTS. Ela considera termos de pesquisa com possíveis erros de digitação, corrige-os e retorna resultados com base na consulta corrigida. Por exemplo, quando a verificação ortográfica está ativada, caso um candidato procure "gerene", em vez de "gerente", o CTS retorna vagas para "gerente". A verificação ortográfica pode ser ativada/desativada configurando o campo disableSpellCheck da solicitação de pesquisa. Se a verificação ortográfica estiver ativada, a consulta corrigida poderá ser encontrada na resposta da pesquisa, no campo spellResult.