Google Analytics 360 e Google BigQuery para marketing digital preditivo

O Google Analytics 360, a ferramenta de análise completa de tráfego em site, foi integrada ao BigQuery. Isso significa que é possível ter registros do Google Analytics de alta resolução importados automaticamente várias vezes por dia para o projeto do BigQuery. Esses dados podem ser totalmente utilizados para o marketing digital preditivo, com um insight melhor das atividades dos clientes.

Você pode estar se perguntando: "Eu já tenho o Google Analytics 360. Por que preciso do BigQuery?" O BigQuery oferece um serviço totalmente gerenciado, rápido e escalável para análise de Big Data. Com o BigQuery, você pode ter um insight adicional do cliente, combinando várias fontes de dados e realizando análises estatísticas avançadas, operando nos dados do Google Analytics sem amostra, o que permite uma análise de nível de hit e ainda retorna os resultados em segundos.

Plataforma totalmente gerenciada, escalável e personalizável para marketing digital preditivo

Imagine um mundo onde você possa otimizar as atividades de marketing digital, como decisões de marketing de produtos, anúncios digitais e envio de mala direta, e criá-las com base em insights mais profundos sobre seus clientes. Você poderia encontrar o cliente que visitou recentemente seu site, tem uma certa quantidade de gastos históricos com sua solução de comércio eletrônico ou em suas lojas físicas e mostrou comportamento semelhante aos clientes de alto lucro anteriores. Você pode se concentrar em clientes com ROI alto para realizar uma estratégia de marketing digital efetiva do tipo "mais com menos".

Isso pode parecer difícil de ser colocado em prática, mas, na realidade, muitas empresas já têm dados suficientes nos registros do Google Analytics, bancos de dados corporativos ou sistemas de CRM para realizar essa aspiração. A única peça que falta é uma maneira de vincular e correlacionar essas fontes de dados de maneira escalável, oportuna e econômica para extrair a inteligência para o marketing digital otimizado.

Agora, o Google fornece a peça que faltava: o Google Analytics 360 e a integração com o Google BigQuery. Ao importar automaticamente os registros sem amostra do Google Analytics 360 para o Google BigQuery, você pode facilmente gravar consultas SQL para correlacionar a atividade do visitante do site com outros dados comerciais valiosos, como registros de ponto de venda, histórico de compras on-line e login do usuário. Usando esse insight combinado dos clientes, você pode gerar dados de remarketing de anúncios personalizados para o Google AdWords e a DoubleClick.

Integração do Google Analytics 360 e BigQuery

Benefícios do Google Analytics 360 e integração com o Google BigQuery

Os registros detalhados e sem amostra do Google Analytics são importados automaticamente para o BigQuery

A integração permite importar várias vezes por dia automaticamente os registros sem amostra, no nível de hit do Google Analytics 360 para o Google BigQuery, o mecanismo de consulta totalmente gerenciado com a velocidade e na escala do Google. Esse recurso permite rastrear facilmente todas as atividades de milhões de usuários e executar análises ad hoc em profundidade em segundos, sem se preocupar com a escalabilidade e disponibilidade da plataforma de gerenciamento de dados.

Correlação de registros do Google Analytics com bancos de dados corporativos/CRMs no Google BigQuery para criar a lista de clientes do futuro

O poder do BigQuery está na capacidade de importar, juntar e correlacionar cada uma das filas de registros maciços de atividade de usuários de diferentes fontes entre si para extrair inteligência valiosa deles. Além dos registros do Google Analytics, o BigQuery se integra com outros serviços do Google Cloud Platform, como o Cloud Dataflow, e é compatível com ferramentas de terceiros para importar uma grande variedade de dados empresariais de bancos de dados corporativos e sistemas de CRM existentes. Ao vincular os dados de registro do Google Analytics com os formulários de registro, carrinhos de compras, formulários de consulta ou qualquer interação do cliente do seu site, é possível correlacionar facilmente essas transações com o comportamento do site do cliente para responder a perguntas como "quem são os clientes que têm um determinado histórico de gastos no passado e não visitam nosso site há algum tempo?", e "qual foi o gasto médio do cliente por mídia de origem (anúncios da rede de pesquisa, anúncios sociais, e-mail, pesquisa orgânica etc.) na última campanha de marketing?" Esses insights podem aumentar significativamente o ROI do marketing digital.

Aceleração da análise de dados científicos do marketing digital preditivo

As ferramentas padrão para cientistas de dados, como o Google Data Studio, R, Tableau e o ecossistema Hadoop, são as "melhores amigas" do BigQuery. Elas podem ser totalmente integradas entre si para análise sofisticada de dados que vai além das simples correlações e junções de tabela. Um exemplo disso é uma técnica conhecida como Extensão de audiência, usada no marketing digital para encontrar clientes potenciais que tenham uma certa semelhança quantitativa com os clientes de alto lucro existentes em termos de comportamento local e vários atributos do cliente. O BigQuery pode agregar e filtrar rapidamente conjuntos de dados maciços para análises de regressão detalhadas com o R. Em suma, a combinação do Analytics + BigQuery + R fornece uma excelente plataforma para que os cientistas de dados realizem uma nova abordagem de marketing digital preditivo.

Primeiros passos com o Google Analytics 360 + BigQuery

Nesta seção, você aprenderá sobre o processo geral para aproveitar ao máximo a integração do Google Analytics 360 com o BigQuery. Quando você sentir que tem uma boa compreensão do fluxo geral, poderá testar o tutorial que acompanhará você por todas as etapas usando um cenário de exemplo. Em um nível superior, você executará as três etapas a seguir:

Três etapas para começar

Configurar o Google Analytics 360

Para configurar sua conta do Google Analytics 360 com integração automática com o BigQuery, siga as instruções abaixo. Esse processo pode levar alguns dias, dependendo dos serviços em que você já está inscrito. Talvez seja necessário pedir ajuda a alguém com acesso administrativo ao seu site.

  • Inscreva-se no Google Analytics 360: envie o formulário de inscrição. Nosso representante de vendas acompanhará você no processo. Depois de concluído, o representante de vendas enviará uma notificação de que sua inscrição no Google Analytics 360 foi feita com sucesso.
  • Configure seu site para usar o Google Analytics: se você ainda não estiver usando o Analytics no seu site, ative-o.
  • Crie um novo projeto e abra a ferramenta de navegador do BigQuery: abra o console do Google Cloud Platform e pressione [Criar projeto]. Abra o projeto, clique no menu [Big Data] - [BigQuery] para iniciar a ferramenta de navegador do BigQuery e anote o código do projeto.
  • Entre em contato com o Gerente de Conta do Google Analytics 360 para enviar uma solicitação de exportação do BigQuery com o código do projeto: o gerente da sua conta cuidará da solicitação de exportação do BigQuery e dará a você um crédito mensal de USD 500 para o uso do BigQuery para esse projeto
  • Pronto. Os registros do Google Analytics serão importados para seu projeto várias vezes por dia, com as tabelas do BigQuery denominadas ga_sessions_YYYYMMDD

O Google Analytics fornece informações detalhadas sobre os visitantes do seu site, incluindo qual página foi visitada, o navegador usado e quanto tempo permaneceram em cada página. Você pode executar relatórios e aprender muito sobre seus visitantes simplesmente usando o relatório disponibilizado. No entanto, se combinar esses dados com outras informações armazenadas nos próprios banco de dados internos, pode conseguir muito mais informações, como a demografia do cliente e as compras feitas anteriormente.

Vincular o ID do cliente no CRM e no Google Analytics

Para atingir esse objetivo, você precisa ter alguma maneira de vincular o visitante do site a uma entrada específica em seu banco de dados interno. O Google Analytics fornece um identificador único para cada visitante, chamado ID do cliente. Ele pode ser usado para unir dois bancos de dados. É importante observar que você nunca deve salvar informações de identificação pessoal (PII, na sigla em inglês) no Google Analytics.

Analisar os dados

Depois de se inscrever na integração do Google Analytics 360 + BigQuery, você verá automaticamente que os registros do Analytics estão disponíveis no BigQuery. No entanto, será necessário importar suas fontes de dados internas para o BigQuery usando uma das várias opções para carregar seus dados com rapidez e facilidade.

Uma vez que os dados são carregados no BigQuery, você poderá limpá-los com base nos seus requisitos específicos. Em particular, é importante escolher quais variáveis relevantes você incluirá na sua análise e quais deverão ser excluídos. O BigQuery inclui muitas funções poderosas que podem ser suficientes para você criar uma lista de remarketing. No entanto, se quiser realizar análises estatísticas mais avançadas, como regressões, você poderá usar ferramentas de terceiros que se integrem diretamente no BigQuery.

Criar um público

Por último, quando tiver concluído sua análise detalhada e gerado uma lista de visitantes priorizados da Web com os quais gostaria de entrar em contato, você poderá importar essa lista de IDs do cliente no Google Analytics e criar um público para sua nova Campanha de remarketing. Na captura de tela acima, você pode ver um exemplo de como criar um público que incluirá apenas visitantes que tenham uma probabilidade de conversão de 75% ou mais com base em sua análise estatística. Para descobrir como fazer o mesmo, siga o tutorial detalhado sobre como criar uma lista de remarketing com análises preditivas.

Links e informações adicionais

Tutorial

Princípios básicos sobre produtos

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…