Guia de início rápido: implantar no Cloud Run para Anthos no Google Cloud

Nesta página, mostramos como criar um cluster ativado para o Cloud Run para Anthos no Google Cloud e, em seguida, implantar um contêiner de amostra pré-criado no cluster.

Também é possível seguir este guia de início rápido com uma conta de demonstração no Qwiklabs (em inglês).

Antes de começar

  1. Faça login na sua conta do Google.

    Se você ainda não tiver uma, inscreva-se.

  2. No Console do Google Cloud, na página do seletor de projetos, selecione ou crie um projeto do Google Cloud.

    Acessar a página do seletor de projetos

  3. Verifique se o faturamento está ativado para seu projeto na nuvem. Saiba como confirmar se o faturamento está ativado para o projeto.

  4. Instale cURL se quiser enviar uma solicitação para o serviço de amostra implantado.
  5. Configure a linha de comando gcloud, descrita a seguir.

Como configurar a linha de comando gcloud

Para configurar a linha de comando gcloud do Cloud Run para Anthos no Google Cloud:

  1. Instale e inicialize o SDK do Cloud.

  2. Defina a plataforma como gke e defina a configuração de projeto padrão para gcloud como a que você acabou de criar:

    gcloud config set run/platform gke
    gcloud config set project PROJECT-ID

    Substitua PROJECT-ID pelo ID do projeto que você criou.

  3. Defina a zona que você quer para o novo cluster. É possível usar qualquer zona compatível com o GKE, por exemplo:

    gcloud config set compute/zone ZONE

    Substitua ZONE pela sua zona.

  4. Ative as APIs do projeto a seguir, necessárias para criar um cluster, compilar e publicar um contêiner no Google Container Registry:

    gcloud services enable container.googleapis.com containerregistry.googleapis.com cloudbuild.googleapis.com
  5. Atualize os componentes do gcloud instalados:

    gcloud components update

Como criar um cluster do GKE com o Cloud Run ativado

Para criar um cluster e ativá-lo no Cloud Run para Anthos no Google Cloud:

  1. Crie um cluster novo usando o comando:

    gcloud container clusters create CLUSTER_NAME \
      --addons=HttpLoadBalancing,CloudRun \
      --machine-type=n1-standard-2 \
      --enable-stackdriver-kubernetes \
      --zone=ZONE

    Substitua:

    • CLUSTER_NAME pelo nome do seu cluster;
    • ZONE pela zona que você está usando para o cluster, por exemplo, us-central1-a. É possível usar qualquer zona compatível com o GKE.

    Embora essas instruções não permitam escalonamento automático por cluster para redimensionar clusters para demanda, o Cloud Run para Anthos no Google Cloud faz o escalonamento automático das instâncias no cluster.

  2. Aguarde a conclusão da criação do cluster. Durante o processo de criação, você verá mensagens semelhantes a estas:

    Creating cluster my-cluster...done.
    Created [https://container.googleapis.com/v1beta1/ \
    projects/my-project/zones/us-central1-b/clusters/my-cluster].
    

    em que my-project é o próprio ID do projeto. Você acabou de criar um novo cluster do Google Kubernetes Engine chamado my-cluster no projeto my-project.

  3. Defina os padrões do gcloud para usar o novo cluster e o local do cluster para evitar a necessidade de especificá-los ao usar a linha de comando gcloud:

    gcloud config set run/cluster CLUSTER_NAME
    gcloud config set run/cluster_location us-central1-a

    Substitua CLUSTER_NAME pelo nome que você usou para o cluster e, se necessário, substitua us-central1-a pelo local do cluster compatível de sua escolha.

Como implantar um contêiner de amostra

Para implantar um contêiner no cluster que você acabou de criar, realize as etapas a seguir:

  1. Acessar o Cloud Run

  2. Clique em Criar serviço para exibir o formulário Criar serviço.

    imagem

    No formulário, siga estas etapas:

    1. Selecione o Cloud Run para Anthos no Google Cloud como sua plataforma de desenvolvimento.

    2. No menu suspenso de clusters disponíveis, selecione o cluster que você acabou de criar nas etapas anteriores.

    3. Use hello como o nome do serviço. Você pode usar outro nome, mas, se fizer isso, use esse nome depois ao usar o comando cURL para acessar o serviço. Nessas instruções, supõe-se que você use hello.

    4. Selecione Externa em Conectividade para invocar o serviço.

    5. Clique em Próxima para acessar a segunda página do formulário de criação de serviço:

      imagem

      No formulário, siga estas etapas:

      1. Use gcr.io/cloudrun/hello como uma imagem de contêiner.

      2. Clique em Criar para implantar a imagem no Cloud Run e aguarde a conclusão da implantação.

Parabéns! Você acabou de implantar um serviço em um cluster ativado para Cloud Run para Anthos no Google Cloud.

Como acessar seu serviço implantado

Depois de implantar seu serviço, é possível usar o cURL para enviar uma solicitação e verificar se o serviço está funcionando, usando o endereço IP externo do serviço do balanceador de carga criado para o controlador de entrada do Istio:

  1. Acesse a página do Google Kubernetes Engine no Console do Cloud:

    Acessar o Google Kubernetes Engine

  2. Clique em Serviços e entrada no painel de navegação esquerdo para exibir uma lista de serviços.

  3. Se a versão do cluster for 1.15.3-gke.19, 1.14.3-gke.12 ou 1.13.10-gke.8 (ou versões posteriores), role para baixo até o serviço istio-ingress. Para todas as outras versões do cluster, role para baixo até o serviço istio-ingressgateway.

  4. Copie o endereço IP externo mostrado ao lado do Balanceador de carga, SEM A CONFIGURAÇÃO DE PORTA, se houver. Por exemplo, se o IP for XX.XXX.XX.XXX:15020, omita o :15020. Ignore os outros endereços IP listados.

  5. Invoque o cURL, substituindo hello na string Host pelo nome do seu serviço, se você usou um nome de serviço diferente de hello:

    curl -v -H "Host: hello.default.example.com" YOUR-IP

    Substitua YOUR-IP pelo endereço IP que você recebeu na etapa anterior.

Limpar

Como desativar o Cloud Run para Anthos no Google Cloud

Para desativar o Cloud Run para Anthos no Google Cloud no cluster:

  1. Acesse a página do Google Kubernetes Engine no Console do Cloud:

    Acessar o Google Kubernetes Engine

  2. Clique no cluster em que você quer desativar o Cloud Run para Anthos no Google Cloud.

  3. Clique em Editar.

  4. Role para baixo até Recursos do Anthos e, na lista suspensa Cloud Run para Anthos, selecione Desativar.

  5. Clique em Salvar.

A seguir

Para aprender a criar um contêiner com base na origem do código, enviá-lo para o Container Registry e implantá-lo, consulte estes tópicos:

Para uma visão geral da arquitetura do Cloud Run para Anthos no Google Cloud que abrange as alterações da instalação do Cloud Run para Anthos como um complemento do cluster do Google Kubernetes Engine, consulte: