Como programar alertas para verificações de tempo de atividade

Nesta página, mostramos como monitorar uma verificação de tempo de atividade:

Para criar, atualizar e excluir suas verificações de tempo de atividade, consulte Como gerenciar as verificações de tempo de atividade. Para ver detalhes sobre as políticas de alertas, consulte Introdução a alertas. Para visualizar preços e limites nas verificações de tempo de atividade, consulte Preços e limites.

Como criar uma política de alertas

Se você não tiver uma verificação de tempo de atividade, crie uma antes de criar uma política de alertas. Para mais informações, consulte Como criar verificações de tempo de atividade.

Para criar uma política de alertas para uma verificação de tempo de atividade existente, faça o seguinte:

  1. No Console do Cloud, selecione Monitoring:

    Acessar Monitoring

  2. Clique em Uptime checks.

  3. Localize a verificação de tempo de atividade que você quer editar, clique em Mais e selecione Adicionar política de alerta.

    Também é possível criar uma política de alertas na visualização de detalhes de uma verificação de tempo de atividade. Nesse caso, clique em Adicionar política de alertas no painel Detalhes do tempo de atividade.

  4. A condição de uma política de alertas é exibida. A captura de tela a seguir mostra o painel Condição de uma verificação de tempo de atividade chamada "Minha verificação de tempo de atividade" antes de qualquer alteração:

    Crie uma caixa de diálogo de condições de alerta.

    O painel Condição inclui os painéis Destino e Configuração. Eles são preenchidos automaticamente. Para concluir a configuração Condição, faça o seguinte:

    1. Clique na guia Verificação de disponibilidade, se não estiver selecionada.
    2. Digite um título para a Condição.

    3. Clique em Salvar.

  5. A caixa de diálogo Criar nova política de alertas é exibida:

    Criar uma nova caixa de diálogo

    • Digite um nome para a política.
    • Para receber notificações de quando ocorrer uma violação da política de alertas, clique em Adicionar canal de notificação. Na caixa de diálogo Adicionar canal de notificação, selecione o canal de notificação de sua preferência, insira as informações específicas do canal e clique em Adicionar.
    • (Opcional) Insira uma mensagem no painel Documentação que deve ser incluída na notificação.
  6. Clique em Salvar.

    Depois que a política de alertas for salva, a janela Detalhes da política será exibida.

Como editar uma política de alertas

Para editar uma política de alertas, siga estas etapas:

  1. No Console do Cloud, selecione Monitoring:

    Acessar Monitoring

  2. Clique em Alertas.

  3. Localize a política de alertas que queira editar e siga um destes procedimentos:

    • Clique em Mais e selecione Editar.
    • Veja os detalhes da política de alertas e clique em Editar.
  4. Altere os valores dos campos conforme necessário. Não é possível modificar todos os campos. Se os valores de cabeçalho personalizados de uma verificação estiverem ocultos, não será possível exibi-los.

  5. Clique em Salvar.

Como excluir uma política de alertas

Para excluir uma política de alertas, siga estas etapas:

  1. No Console do Cloud, selecione Monitoring:

    Acessar Monitoring

  2. Clique em Alertas.

  3. Localize a política de alertas que queira editar e siga um destes procedimentos:

    • Clique em Mais e selecione Excluir.
    • Visualize os detalhes da política de alertas e clique em Excluir.

Como criar um gráfico de tempo de atividade aprovado

É possível usar a métrica uptime_check/check_passed do Cloud Monitoring como base para um gráfico que exibe o status de uma verificação de tempo de atividade. Por exemplo, suponha que você tenha uma verificação de tempo de atividade configurada para verificar locais a cada minuto e queira ver o número de verificações aprovadas para cada local em um intervalo de 10 minutos.

Para visualizar as métricas de um recurso monitorado usando o Metrics Explorer, faça o seguinte:

  1. No Console do Google Cloud, acesse o Monitoring ou use o botão:
    Acessar o Monitoring.
  2. No painel de navegação do Monitoring, clique em Metrics Explorer.
  3. Verifique se Métricas é a guia selecionada.
  4. Clique na caixa Encontrar tipo de recurso e métrica e, em seguida, insira ou selecione o nome do recurso e da métrica no menu. Use as seguintes informações para preencher os campos da caixa de texto:
    1. Insira check_passed. Depois disso, a métrica Check passed é exibida.
    2. Se Recurso não for preenchido automaticamente, selecione o tipo de recurso que tem a verificação de tempo de atividade que você quer monitorar.
    O nome totalmente qualificado desse recurso monitorado é monitoring.googleapis.com/uptime_check/check_passed.
  5. Use os menus Filtrar, Agrupar por e Agregação para modificar como os dados são exibidos. Para esse gráfico de latência de tempo de atividade, use as seguintes configurações:
    1. Deixe o campo Aggregator com o valor padrão none.
    2. Clique em Mostrar opções avançadas e faça o seguinte:
      • No campo Aligner, selecione count true.
      • No campo Período de alinhamento, selecione 10 m.
    Para mais informações, consulte Como selecionar métricas: outras configurações.
Como a verificação de tempo de atividade está configurada para execução a cada minuto, espera-se que cada local responda aproximadamente 10 vezes em um período de alinhamento de 10 minutos.

Como criar um gráfico de latência de tempo de atividade

É possível usar a métrica uptime_check/request_latency do Monitoring como base para os gráficos de latência da verificação de tempo de atividade. Suas escolhas para os campos do agregador permitem criar gráficos diferentes. Defina esses campos para exibir a latência máxima ou total, por exemplo.

Para visualizar as métricas de um recurso monitorado usando o Metrics Explorer, faça o seguinte:

  1. No Console do Google Cloud, acesse o Monitoring ou use o botão:
    Acessar o Monitoring.
  2. No painel de navegação do Monitoring, clique em Metrics Explorer.
  3. Verifique se Métricas é a guia selecionada.
  4. Clique na caixa Encontrar tipo de recurso e métrica e, em seguida, insira ou selecione o nome do recurso e da métrica no menu. Use as seguintes informações para preencher os campos da caixa de texto:
    1. Insira uptime_check/request_latency. Depois disso, a métrica Check passed é exibida.
    2. Se Recurso não for preenchido automaticamente, selecione o tipo de recurso que tem a verificação de tempo de atividade que você quer monitorar.
    O nome totalmente qualificado desse recurso monitorado é monitoring.googleapis.com/uptime_check/request_latency.
  5. Use os menus Filtrar, Agrupar por e Agregação para modificar como os dados são exibidos. Para esse gráfico de tempo de atividade, use as seguintes configurações:
    1. Deixe o campo Aggregator com o valor padrão none.
    2. Clique em Mostrar opções avançadas e faça o seguinte:
      • No campo Aligner, selecione mean.
      • No campo Período de alinhamento, selecione 10 m.
    Para mais informações, consulte Como selecionar métricas: outras configurações.