Notas da versão

Esta página documenta as atualizações de produção do Stackdriver Monitoring. Acesse-a periodicamente para ver comunicados de recursos novos ou atualizados, correções de bugs, problemas conhecidos e funcionalidades obsoletas.

17 de abril de 2018

A documentação Como usar políticas de alertas foi atualizada para fornecer mais guias e links para código de amostra a fim de gerenciar políticas de alertas e canais de notificação de maneira programática. A atualização também remove algumas informações obsoletas do nível de serviço.

28 de março de 2018

O Stackdriver já carrega gráficos muito mais rapidamente, especialmente quando o gráfico contém um longo período.

26 de março de 2018

Uma nova opção no menu Painéis, Gráficos públicos, permite ver uma lista de todos os gráficos compartilhados. Também é possível usar essa página para remover o compartilhamento de um gráfico. O indicador de que o gráfico está compartilhado foi removido.

12 de março de 2018

A partir de 30 de junho de 2018, o Stackdriver passará a usar preços baseados no consumo, incluindo cotas revisadas. Para mais informações, consulte Novos preços do Stackdriver.

8 de março de 2018

As APIs AlertPolicy e NotificationChannels já estão na versão Beta. Consulte Políticas de alertas e Canais de notificação para mais informações.

29 de janeiro de 2018

Os relatórios de e-mail do Stackdriver que você pode configurar para sua conta do Stackdriver foram melhorados. Problemas com o conteúdo e com a entrega de relatórios foram corrigidos, e o endereço do remetente dos relatórios foi alterado de monitoring-noreply@stackdriver.google.com para monitoring-noreply@google.com. A seção de utilização, presente apenas se o agente do Monitoring estiver instalado, agora lista os 10 grupos com a maior utilização e uma nova linha de resumo informa a utilização geral da conta do Stackdriver.

17 de janeiro de 2018

O nome do processo do agente do Stackdriver Monitoring no Windows foi atualizado. Ele agora aparece na lista de processos do sistema como StackdriverMonitoring.

8 de janeiro de 2018

O desempenho dos painéis e tabelas do Stackdriver Monitoring foi melhorado. Além disso, uma nova versão do Explorador de métricas está disponível, e a interface de seleção de métricas foi amplamente aprimorada, permitindo a filtragem arbitrária de rótulos e a funcionalidade de agrupamento. Esta interface também é usada para criar gráficos de painel, tornando o processo consistente nas duas tarefas. Consulte Como usar gráficos para mais informações.

14 de dezembro de 2017

Página de eventos de alerta: uma implementação atualizada exigiu algumas mudanças na interface do usuário. A página de eventos de alerta (Alerta > Eventos) não mostra mais um mapa de calor nem contagens de eventos em cada categoria.

8 de novembro de 2017

Os agentes do Stackdriver Monitoring para instâncias de VM do Linux e do Windows agora relatam erros para métricas não reconhecidas. Os erros são gravados no registro do agente na sua instância de VM. Se o agente do Logging também estiver sendo executado na instância de VM, os registros também ficarão disponíveis no Stackdriver Logging. As mensagens de erro são "Combinação de tipo/plug-in collectd incompatível" e "Código de collectd incompatível". Essas métricas foram descartadas anteriormente sem aviso. Consulte a Lista de verificação de solução de problemas para mais informações.

5 de novembro de 2017

A documentação para a Cloud Monitoring API v2 obsoleta foi removida. A API foi desativada em agosto de 2017.

19 de outubro de 2017

Versão Beta: com o agente do Stackdriver Monitoring, agora você pode exportar métricas collectd e statsd como métricas personalizadas do Stackdriver. Para mais informações, consulte Métricas personalizadas do agente e Plug-in do StatsD do agente.

17 de outubro de 2017

Versão Beta: a Uptime Configuration API e as métricas de tempo de atividade já estão disponíveis. Parte integrante da Stackdriver Monitoring API, esta API permite criar e editar verificações de tempo de atividade. O status das suas verificações fica registrado nas métricas de tempo de atividade.

2 de outubro de 2017

As chamadas para createTimeSeries agora falham sem gravar nenhum ponto de dados se a solicitação inclui mais de um ponto na mesma série temporal. Anteriormente, em alguns casos, um ponto de dados seria gravado em cada série temporal e um status de 500 seria retornado pela chamada.

13 de setembro de 2017

Recursos de armazenamentos de objetos: as métricas do Google Cloud Storage e as métricas do Amazon S3 agora estão separadas na IU do Stackdriver nos próprios painéis de serviço. O painel "Armazenamentos de objeto" foi substituído por "Cloud Storage" ou "S3", dependendo do serviço que você está usando.

8 de setembro de 2017

As métricas do balanceador de carga HTTP(S) estão disponíveis na versão Beta para uso no Stackdriver Monitoring. Para detalhes, consulte as métrica loadbalancing do GCP e o recurso monitorado https_lb_rule.

Os painéis personalizados e o monitoramento de alertas do Cloud Interconnect estão disponíveis na versão Beta. Para detalhes, consulte as métricas interconnect do GCP e os recursos monitorados interconnect e interconnect_attachment.

As métricas da API para as APIs do Google e as Cloud Endpoint APIs estão disponíveis na versão Beta. Para detalhes, consulte as métricas serviceruntime do GCP e o recurso monitorado consumed_api.

23 de agosto de 2017

Filtragem do painel de controle: os painéis personalizados e as páginas de lista de recursos agora aceitam filtragem em grupos. Cada página que aceita filtragem agora tem uma barra de filtro abaixo do cabeçalho em que você especifica o grupo.

10 de julho de 2017

Mapas de calor para métricas de distribuição: mapas de calor estão disponíveis nos gráficos do painel. Selecione uma métrica de distribuição dos grupos de métricas personalizados ou do Logging e especifique o mapa de calor.

O IAM para o Stackdriver Monitoring agora está completo e em disponibilidade geral. Os novos papéis do IAM incluem Editor de monitoramento e Administrador de monitoramento, e há compatibilidade total com papéis personalizados. Para mais informações, consulte Controle de acesso do Stackdriver Monitoring.

Permissões de agente em instâncias de VM: o agente não precisa mais do papel do IAM de editor de projetos. Ele só precisa do papel de Gravador da métrica de monitoramento (roles/monitoring.metricWriter). Para mais informações, consulte Controle de acesso do Stackdriver Monitoring.

As métricas de processo do Windows agora incluem todos os processos acessíveis ao agente do Stackdriver Monitoring. Consulte Métricas do processo do agente.

O Windows Server 2016 é compatível com o agente do Stackdriver Monitoring atual.

Gráficos empilhados: a ordem dos streams de dados em gráficos empilhados foi revertida, de modo que o primeiro stream está no topo e o último está na parte inferior. Essa ordem é consistente com a legenda do gráfico e com o cartão de visita.

5 de junho de 2017

As verificações de tempo de atividade têm uma nova visão geral e painéis de detalhes. Consulte Verificações de tempo de atividade.

Compatibilidade com a região de Cingapura: o Stackdriver agora é compatível com a região de Cingapura, asia-southeast1.

Abril e maio de 2017

Encerramento da API v2beta2: as APIs obsoletas v2beta1 e v2beta2 serão desativadas em agosto de 2017.

Novos tipos de métricas e recursos: há novos tipos de recursos e métricas do Cloud Platform, inclusive para Cloud Bigtable, Cloud Dataflow, Cloud DNS, Cloud Internet of Things, Cloud Pub/Sub, Cloud Spanner e Stackdriver Logging. O sistema Microsoft Windows e as métricas de aplicativos (iis, mssql, pagefile) estão disponíveis como métricas do agente e podem ser usados para gráficos e alertas.

31 de março de 2017

Time shifting (Beta): Você já pode comparar os dados das métricas atuais com dados de um dia, uma semana ou quatro semanas atrás. Veja Comparar ao último nas Opções avançadas de criação de gráficos de linhas.

Legendas mais rápidas para os gráficos: agora, os gráficos que envolvem métricas personalizadas e baseadas em registros têm legendas mais rápidas, que incluem os nomes das instâncias com o nome da métrica, se disponível. É possível identificar as instâncias rapidamente e classificar as métricas por nome.

Interface do usuário mais rápida: o tempo de carregamento da página inicial foi reduzido em toda a interface do usuário.

Cloud ML: agora as métricas do Cloud Machine Learning Engine estão disponíveis para painéis e alertas.

Cloud Spanner: as métricas do Cloud Spanner estão disponíveis para painéis e alertas.

Cloud Dataflow: agora o Cloud Dataflow é integrado ao Stackdriver Monitoring. Para mais detalhes, consulte o blog sobre Big Data e aprendizado de máquina.

Agente do Monitoring: embora o plug-in statsd seja distribuído com o agente do Monitoring, ainda não há instruções de uso desse plug-in com o Stackdriver Monitoring.

6 de fevereiro de 2017

Proprietário do processo: durante o envio de métricas do processo, agora o agente do Stackdriver Monitoring retorna um UID em formato de string se o nome do proprietário do processo não é definido. Antes, o agente não enviava informações sobre o proprietário do processo. A entrada era considerada inválida pela Monitoring API e descartada. Disponível no stackdriver-agent/5.5.2-359. Consulte Determinar a versão do agente.

Entradas perdidas do agente do Monitoring: dados inválidos do agente do Monitoring podiam levar o Stackdriver Monitoring a perder entradas válidas agrupadas na mesma solicitação. Agora, apenas as entradas inválidas são perdidas. Não é necessário atualizar o agente para ter essa correção.

Seleção de regiões para verificação de tempo de atividade: agora, o Stackdriver Monitoring tem a opção de seleção das regiões geográficas que verificam seu serviço.

18 de janeiro de 2017

Novas regiões da AWS: agora, o Stackdriver Monitoring é compatível com as regiões do Canadá (ca-central-1) e Londres (eu-west-2) da AWS.

12 de dezembro de 2016

Códigos de contas em URLs: o código da conta do Stackdriver foi adicionado aos URLs do Stackdriver Monitoring. Agora, é possível abrir várias guias para contas diferentes e compartilhar links com mais facilidade. Os URLs sem um código de conta usam a conta do Stackdriver acessada pela última vez.

8 de dezembro de 2016

Páginas de incidentes (beta): consulte Alertas > Incidentes. Agora, cada incidente aberto tem uma página de detalhes que coleta um gráfico desse incidente, links dos recursos afetados e comentários feitos sobre ele.

Explorador de métricas (beta): consulte Recursos > Explorador de métricas. Selecione um tipo de recurso monitorado e uma métrica. É possível agregar dados nas instâncias.

21 de novembro de 2016

Séries temporais: a taxa máxima recomendada para gravação de pontos de dados em uma série temporal foi alterada de 1/segundo para 1/minuto. Consulte Gravar dados de métricas.

Nova região da AWS: agora, o Stackdriver Monitoring é compatível com a região da AWS us-east-2.

Opções de gráficos: agora, é possível exibir dados como gráficos de área e barras empilhadas usando a opção Empilhado em Tipos de gráfico. Os gráficos de barras empilhadas são alinhados automaticamente aos limites de horas. Os gráficos de área funcionam melhor com métricas recebidas em intervalos de um minuto.

Instantâneos dos gráficos: é possível fazer o download de imagens de gráficos no formato PNG. Selecione Fazer o download da imagem no menu Mais. No momento, a legenda do gráfico não é renderizada.

Suporte a grupos em métricas: durante a representação gráfica de métricas personalizadas e baseadas em registros, um novo filtro Grupo é exibido em Opções avançadas. O efeito do filtro só é mostrado depois que você salva o gráfico.

20 de outubro de 2016

Disponibilidade geral: o Stackdriver Monitoring já está disponível para clientes do Google Cloud Platform em geral. Os recursos individuais que estão na versão alfa ou beta são identificados na documentação.

Preços: agora, o Stackdriver está disponível nos níveis de serviço Básico e Premium. Todas as contas novas e existentes do Stackdriver entrarão em um período de avaliação gratuita de 30 dias do nível Premium. No final do período de avaliação, você poderá perder algumas funcionalidades presentes durante a versão beta, a menos que faça o upgrade para o nível Premium. Para conhecer os detalhes, consulte Preços.

API v3: agora, a Stackdriver Monitoring API v3 está disponível para o público em geral.

Agente do Monitoring: uma nova versão do agente do Stackdriver Monitoring, v5.5.2-349, já está disponível. Entre as melhorias estão uma atualização do collectd 5.5.2, compatibilidade com o MongoDB 3.0, métricas de integridade do agente e um pacote com os plug-ins statsd, tail e network. Para mais informações, consulte Como instalar o agente do Monitoring.

Métricas personalizadas: os descritores das métricas personalizadas são criados conforme necessário quando você grava dados de séries temporais. Consulte Criação automática de métricas personalizadas.

Gráficos: é possível usar escalas logarítmicas nos gráficos e aplicar zoom nos eixos X e Y com a função de clicar e arrastar.

Criação de alertas: introduzimos uma interface de usuário nova e mais simplificada para criar e editar políticas de alertas.

Novas métricas:agora, há novas métricas disponíveis no Cloud Router, BigQuery e TaskQueues (envio de métricas). Consulte a Lista de métricas.

11 de setembro de 2016

Agora, a Google Monitoring API (v3)é chamada de Stackdriver Monitoring API (v3). Essa alteração não afeta os códigos.

A Monitoring v2 API tornou-se obsoleta. Ela ainda é nomeada como Google Cloud Monitoring API em APIs e serviços.

26 de julho de 2016

Algumas páginas da documentação mudaram de lugar no índice, mas os URLs ainda são ou mesmo ou têm redirecionamentos. Agora, todas as páginas relacionadas ao agente fazem parte da seção de procedimentos Como usar o agente do Monitoring. A antiga página "Como usar métricas" foi reorganizada em várias páginas em Como usar métricas personalizadas.

9 de junho de 2016

A documentação de métricas (personalizadas ou não) foi reorganizada e ampliada para a Stackdriver Monitoring API v3. Consulte Métricas, Como usar métricas e Lista de métricas.

Agora, a documentação de referência da Stackdriver Monitoring API v3 inclui amostras de códigos de cada método. Para ver um exemplo, consulte metricDescriptors.list. Os códigos de amostra continuarão disponíveis no GitHub.

6 de junho de 2016

Agora, a Lista de métricas ficou mais abrangente e traz todas as métricas disponíveis no Stackdriver Monitoring, inclusive aquelas coletadas pelo agente de monitoramento e as da Amazon Web Services.

27 de abril de 2016

A documentação foi reorganizada. A página de destino da documentação e as entradas de navegação do lado esquerdo mudaram. Se necessário, os URLs de páginas individuais da documentação serão redirecionados.

O Guia de início rápido foi simplificado. Agora, ele inclui a configuração de uma instância de máquina virtual e a instalação dos agentes de monitoramento e de geração de registros.

23 de março de 2016

Agora o Google Cloud Monitoring é chamado de Stackdriver Monitoring e faz parte do grupo de produtos do Google Stackdriver.

Agora, é possível monitorar contas da Amazon Web Services (AWS) junto com projetos do Google Cloud Platform (GCP). Leia sobre as contas do Stackdriver e instale o novo agente de monitoramento. Problema conhecido:

Durante a instalação do agente de monitoramento em uma instância de VM do Amazon EC2 com Microsoft Windows, ignore a mensagem de erro a seguir se você a receber apenas depois da inicialização do serviço: "StackdriverAgent is running on an AWS instance but project ID is not set" (StackdriverAgent está em execução em uma instância da AWS, mas o código do projeto não foi definido).

17 de março de 2016

A Monitoring API v3 já está disponível. Incentivamos os usuários a fazer upgrade da Cloud Monitoring API v2. Consulte as Novidades na API v3 e confira as novas amostras de códigos no GitHub.

29 de setembro de 2015

Agora, os gráficos têm uma opção Ver registros no menu de configurações.

7 de janeiro de 2015

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…

Stackdriver Monitoring
Precisa de ajuda? Acesse nossa página de suporte.