Ir para

O que é o Kubernetes?

Com a ampla adoção de contêineres entre as organizações, o Kubernetes, o software de gerenciamento centrado em contêiner, se tornou o padrão de fato para implantar e operar aplicativos em contêiner. O Google Cloud é o lar do Kubernetes, originalmente desenvolvido no Google e lançado como código aberto em 2014. O Kubernetes foi criado com base nos 15 anos de execução de cargas de trabalho em contêineres do Google e nas contribuições valiosas da comunidade do código aberto. Inspirado no sistema de gerenciamento de clusters interno do Google, o Borg, o Kubernetes facilita todas as tarefas associadas à implantação e ao gerenciamento do seu aplicativo. Ao oferecer orquestração automatizada de contêineres, o Kubernetes melhora sua confiabilidade e reduz o tempo e os recursos atribuídos às operações diárias.

Saiba mais sobre o GKE, o Kubernetes gerenciado do Google Cloud.

Kubernetes definido

O Kubernetes (às vezes abreviado como K8s com o 8 representando o número de letras entre o “K” e o “s”) é um sistema de código aberto para implantar, escalonar e gerenciar aplicativos em contêineres em qualquer lugar.

O Kubernetes automatiza tarefas operacionais de gerenciamento de contêineres e inclui comandos integrados para implantação de aplicativos, implementação de alterações nos seus aplicativos, escalonamento de seus aplicativos para mais e para menos para atender às necessidades de mudança, monitoramento de seus aplicativos e muito mais, facilitando o gerenciamento de aplicativos.

Quais são os benefícios do Kubernetes?

Operações automatizadas

O Kubernetes tem comandos integrados para lidar com grande parte do trabalho pesado que envolve o gerenciamento de aplicativos, permitindo automatizar as operações diárias. Você pode ter certeza de que os aplicativos estão sempre sendo executados da maneira desejada.

Abstração de infraestrutura

Quando você instala o Kubernetes, ele lida com a computação, a rede e o armazenamento em nome das suas cargas de trabalho. Isso permite que os desenvolvedores se concentrem nos aplicativos e não se preocupem com o ambiente subjacente.

Monitoramento da integridade do serviço

O Kubernetes executa verificações de integridade continuamente nos seus serviços, reiniciando os contêineres que falharam ou pararam e só disponibiliza os serviços aos usuários quando confirma que eles estão em execução.

Kubernetes vs. Docker

Muitas vezes interpretados como uma escolha entre um ou outro, o Kubernetes e o Docker são tecnologias diferentes, mas complementares para executar aplicativos em contêineres. 

O Docker permite que você coloque tudo o que você precisa para executar seu aplicativo em uma caixa que pode ser armazenada e aberta quando e onde for necessário. Depois de começar a encaixotar seus aplicativos, você precisa encontrar uma maneira de gerenciá-los; e é isso que o Kubernetes faz.

Kubernetes é uma palavra grega que significa  ‘"capitão" em inglês. Assim como o capitão é responsável pela jornada segura do navio nos mares, o Kubernetes é responsável por transportar e entregar essas caixas com segurança para os locais onde possam ser usadas.

  • O Kubernetes pode ser usado com ou sem o Docker
  • O Docker não é uma alternativa ao Kubernetes, portanto, não é uma questão de “Kubernetes vs. Docker”. Trata-se de usar o Kubernetes com o Docker para armazenar seus aplicativos em contêineres e executá-los em escala
  • A diferença entre o Docker e o Kubernetes está relacionada ao papel que cada um desempenha no armazenamento em contêiner e na execução de seus aplicativos
  • O Docker é um padrão aberto do setor para empacotar e distribuir aplicativos em contêineres
  • O Kubernetes usa o Docker para implantar, gerenciar e escalonar aplicativos em contêineres

Qual é a função do Kubernetes?

O Kubernetes é usado para criar aplicativos fáceis de gerenciar e implantar em qualquer lugar. Quando disponível como um serviço gerenciado, o Kubernetes oferece uma variedade de soluções para atender às suas necessidades. Veja a seguir alguns casos de uso comuns:

Como aumentar a velocidade de desenvolvimento

O Kubernetes ajuda você a criar apps baseados em microsserviços nativos da nuvem. Ele também suporta a conteinerização de apps existentes, tornando-se assim a base da modernização de aplicativos e permitindo que você desenvolva aplicativos mais rapidamente.

Como implantar aplicativos em qualquer lugar

O Kubernetes foi desenvolvido para ser usado em qualquer lugar, permitindo que você execute seus aplicativos em implantações no local e em nuvens públicas; bem como em implantações híbridas entre os dois. Assim, você pode executar seus aplicativos onde precisar.

Como executar serviços eficientes

O Kubernetes pode ajustar automaticamente o tamanho de um cluster necessário para executar um serviço. Isso permite a você escalonar automaticamente seus aplicativos, para mais e para menos, com base na demanda e executá-los com eficiência.

Criado pelos mesmos desenvolvedores que criaram o Kubernetes, o Google Kubernetes Engine (GKE) é um serviço Kubernetes baseado na nuvem fácil de usar que é usado para executar aplicativos em contêineres. O GKE pode ajudar a implementar uma estratégia de Kubernetes bem-sucedida para seus aplicativos na nuvem. Com o Anthos, o Google oferece uma experiência consistente do Kubernetes para seus aplicativos no local e em várias nuvens. Use o Anthos como um meio confiável, eficaz e seguro de executar clusters do Kubernetes em qualquer lugar.