Notas da versão

Esta página contém notas da versão mais recentes referentes a recursos e atualizações do serviço Compute Engine. Para notas da versão mais antigas, veja este arquivo.

Versão mais recente da API: v1

Inscreva-se para as notas da versão do Compute Engine. Inscreva-se

15 de novembro de 2018

  • A ativação de serviços do Windows com o acesso privado do Google está com disponibilidade geral. Leia a página Acesso privado do Google para saber mais.

13 de novembro de 2018

  • A desanexação e a reanexação de discos de inicialização de uma instância de VM interrompida já está disponível na versão Beta. Use o gcloud ou um comando da API para desanexar um disco de inicialização com falha, corrigi-lo e reanexá-lo a uma instância de VM diferente. Consulte Como desanexar e reanexar discos de inicialização para ver detalhes.

8 de novembro de 2018

7 de novembro de 2018

24 de outubro de 2018

22 de outubro de 2018

  • A região de Hong Kong asia-east2 já está disponível para todos os projetos e usuários. As zonas na região asia-east2 têm a plataforma de CPU Skylake. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

19 de outubro de 2018

2 de outubro de 2018

  • Agora, o Compute Engine agora usa um modelo de preços com base em recursos que oferece maior economia com descontos por uso prolongado. Todos os tipos de máquinas, exceto os tipos de máquinas com núcleo compartilhado, são faturados pelo uso de vCPU e memória individuais, em vez do faturamento por cada tipo de máquina. Os descontos por uso prolongado são calculados para uso de vCPU e memória em uma região inteira, e não separadamente para cada tipo de máquina em cada zona. Consulte a página Preços do Compute Engine para ver mais detalhes.

  • Proteja os dados no Compute Engine com as chaves de criptografia do Cloud Key Management Service. As chaves de criptografia gerenciadas pelo cliente já estão com disponibilidade geral.

26 de setembro de 2018

  • Agora, as GPUs NVIDIA® Tesla® P4 estão com disponibilidade geral. Para ver mais informações sobre o uso de GPUs no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

  • Para cargas de trabalho com uso intensivo de gráficos, as estações de trabalho virtuais baseadas em NVIDIA® GRID®, que usam GPUs NVIDIA® Tesla® P4 e P100, agora estão com disponibilidade geral. Para ver informações sobre GPUs para aplicativos com muitos gráficos, consulte GPUs para cargas de trabalho com gráficos.

  • As GPUs NVIDIA® Tesla® v100 estão agora disponíveis nas zonas us-central1-b e europe-west4-b. Consulte GPUs no Compute Engine para ver uma lista completa das zonas em que as GPUs estão disponíveis.

  • Agora, as GPUs NVIDIA® Tesla® P4 estão agora disponíveis nas zonas australia-southeast1-a e australia-southeast1-b. Consulte GPUs no Compute Engine para ver uma lista completa das zonas em que as GPUs estão disponíveis.

25 de setembro de 2018

  • As instâncias do Windows Server não precisam mais de um IP público para a ativação de serviços do Windows. Se sua instância do Windows Server usar uma sub-rede habilitada para o Acesso privado do Google, ela poderá concluir a ativação de serviços do Windows pela rede VPC interna. A ativação de serviços do Windows com o acesso privado do Google está disponível na versão Beta. Leia a página Acesso privado do Google para saber mais.

20 de setembro de 2018

12 de setembro de 2018

  • Agora, na versão Beta, é possível conceder acesso a recursos específicos do Compute, como instâncias de VMs, discos e imagens. Esse recurso oferece flexibilidade para aplicar o princípio do menor privilégio, por exemplo, para conceder permissões de colaboradores apenas aos recursos específicos necessários para o trabalho.

6 de setembro de 2018

  • Os nomes de DNS por zona agora estão com disponibilidade geral. Os projetos que ativam a API Compute Engine depois de hoje usarão nomes de DNS por zona por padrão. Projetos e organizações que ativaram a API Compute Engine até hoje continuarão usando nomes DNS globais por padrão. Migrar um projeto para uma organização não alterará o nome DNS padrão do projeto. Eles são exclusivos de cada zona em suas redes VPC internas. Os nomes de DNS por zona melhoram a tolerância a falhas dos seus aplicativos quando fazem referência a instâncias na sua rede VPC interna. Projetos novos e existentes ainda podem usar nomes DNS globais, mas recomendamos a migração. Leia DNS interno para saber mais.

4 de setembro de 2018

  • O método da API simulateMaintenanceEvent está com disponibilidade geral. Leia Como testar suas políticas de disponibilidade para saber como simular um evento de manutenção do Compute Engine e observar como as configurações de disponibilidade da instância afetam o comportamento das suas instâncias.

27 de agosto de 2018

  • Agora, as GPUs NVIDIA® Tesla® V100 estão com disponibilidade geral. Para mais informações sobre o uso de GPUs V100 no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

17 de agosto de 2018

8 de agosto de 2018

  • Os nodes de locatário individual agora estão com disponibilidade geral. Acesse Nodes de locatário individual para saber como usar esses sistemas para isolar suas cargas de trabalho umas das outras e de outros projetos do Compute Engine.

3 de agosto de 2018

  • Para cargas de trabalho com muitos gráficos, como renderização em 3D ou edição de vídeo, é possível criar estações de trabalho virtuais que usam a tecnologia NVIDIA® GRID® usando GPUs NVIDIA® Tesla® P4 e P100. Para ver informações sobre GPUs para aplicativos com muitos gráficos, consulte GPUs para cargas de trabalho com gráficos.
  • É possível usar as políticas da organização para restringir o uso dos seus discos, de imagens personalizadas e de instantâneos, para que eles possam ser usados apenas na sua organização ou em projetos específicos. Isso impede que usuários criem cópias de discos fora da organização. Para saber mais, leia uso restrito de seus discos, imagens e instantâneos compartilhados.

25 de julho de 2018

  • A VM protegida já está disponível na versão Beta. As imagens de VMs protegidas oferecem recursos de segurança como firmware compatível com UEFI, inicialização segura e inicialização medida e segura de vTPM.

23 de julho de 2018

19 de julho de 2018

18 de julho de 2018

17 de julho de 2018

19 de julho de 2018

18 de julho de 2018

17 de julho de 2018

11 de julho de 2018

10 de julho de 2018

  • Adicionada nova região de Los Angeles us-west2. A região us-west2 contém zonas da Skylake que agora estão disponíveis para todos os projetos e usuários. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

  • Se você tentar criar uma nova instância nesta zona para um projeto que existia antes desta data de lançamento, receberá a mensagem de erro a seguir: "Nenhuma sub-rede padrão foi encontrada na região da instância". Esse problema será resolvido dentro de três dias a partir do lançamento. Enquanto isso, a solução alternativa é criar manualmente uma sub-rede e usá-la para uma nova VM.

  • Agora, a criação de um modelo de instância a partir de uma instância de VM está com disponibilidade geral. Esse recurso pode ser usado, por exemplo, para duplicação, backup e recriação de instâncias.

2 de julho de 2018

  • Agora é possível adicionar 2 e 4 GPUs NVIDIA® Tesla® V100 às instâncias do Compute Engine. Para ver mais informações sobre o uso de GPUs no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

22 de junho de 2018

19 de junho de 2018

  • A política de imagens confiáveis do Compute Engine agora está com disponibilidade geral. Use-a para controlar quais imagens de disco de inicialização os membros do projeto podem acessar. Leia Como restringir o acesso às imagens para ver mais informações.

11 de junho de 2018

  • Adição da nova região europe-north1. A região europe-north1 contém zonas da Skylake que estão agora disponíveis para todos os projetos e usuários. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

  • Se você tentar criar uma nova instância nesta zona para um projeto que existia antes desta data de lançamento, receberá a mensagem de erro a seguir: "Nenhuma sub-rede padrão foi encontrada na região da instância". Esse problema será resolvido dentro de três dias a partir do lançamento. Enquanto isso, a solução alternativa é criar manualmente uma sub-rede e usá-la para uma nova VM.

  • Os preços das GPUs nas instâncias de VM preemptivas foram reduzidos. Para os preços atualizados, consulte a página de preços do Compute Engine.

  • GPUs em instâncias de VM preemptivas estão agora com disponibilidade geral.

    Para mais informações sobre o uso de GPUs no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

7 de junho de 2018

  • É possível criar nodes de locatário individual, que são servidores físicos do Compute Engine dedicados a hospedar apenas instâncias de VM do seu projeto específico. Acesse Nodes de locatário individual para saber como usar esses sistemas para isolar suas cargas de trabalho umas das outras e de outros projetos do Compute Engine.

5 de junho de 2018

28 de maio de 2018

Agora, as GPUs NVIDIA® Tesla® V100 estão disponíveis nas seguintes regiões:

  • us-west1-a
  • us-central1-a
  • asia-east1-c

Para mais informações sobre o uso de GPUs V100 no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

23 de maio de 2018

  • Adicionado o suporte para discos permanentes regionais na versão Beta. Esse recurso fornece replicação síncrona no nível de bloco em duas zonas em uma região para cada disco permanente regional.

16 de maio de 2018

  • Instâncias com GPUs NVIDIA® Tesla® V100 agora podem usar dispositivos SSD locais. Para ver mais informações sobre o uso de GPUs V100 no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

8 de maio de 2018

7 de maio de 2018

  • Adicionado suporte SSD local à zona europe-west4-a. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

1º de maio de 2018

  • Uma terceira zona foi adicionada à região asia-southeast1. Ela é compatível com tipos de máquina com até 96 vCPUs ao usar a plataforma Skylake. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

30 de abril de 2018

  • GPUs NVIDIA® Tesla® V100 agora estão disponíveis na versão Beta. Para ver mais informações sobre zonas em que as GPUs V100 estão disponíveis, consulte GPUs no Compute Engine.

20 de abril de 2018

  • Agora, as GPUs NVIDIA® Tesla® P100 estão com disponibilidade geral. Para saber mais sobre as zonas em que as GPUs P100 estão disponíveis, leia GPUs no Compute Engine.

  • A criação de vários discos secundários não inicializáveis, ao criar sua instância de VM, já está com disponibilidade geral.

19 de abril de 2018

17 de abril de 2018

Agora, as GPUs NVIDIA® Tesla® P100 estão disponíveis nas seguintes zonas:

  • asia-east1-c
  • europe-west4-a

Para saber mais sobre o uso de GPUs no Compute Engine, consulte GPUs no Compute Engine.

11 de abril de 2018

  • Agora é possível executar eventos de manutenção simulados para testar os efeitos da migração em tempo real, do encerramento e da preempção nas suas instâncias. Eventos de manutenção simulados estão disponíveis na versão Beta. Leia Como testar suas políticas de disponibilidade para aprender como testar eventos de manutenção em suas instâncias.

  • Agora, a virtualização aninhada está com disponibilidade geral.

28 de março de 2018

  • É possível importar discos virtuais existentes (VMDKs, VHDs etc.) no Compute Engine como imagens personalizadas. Agora, a importação de discos virtuais está com disponibilidade geral.

23 de março de 2018

  • É possível importar um servidor Windows Server 2003 para o Compute Engine usando o serviço de migração CloudEndure. Para ver as etapas, consulte Como migrar VMs para o Compute Engine.

14 de março de 2018

13 de março de 2018

  • Uma terceira zona foi adicionada à região europe-west4. Essa zona é compatível com máquinas de alta memória/alta CPU com 96 vCPUs, mas não é compatível com SSDs locais no momento. Consulte mais informações em Regiões e zonas. Para usuários do grupo de instâncias gerenciadas regionais, a adição de uma terceira zona em europe-west4 oferece mais flexibilidade para especificar zonas nesta região. Observe que, se você não especificar as zonas para suas instâncias, o Compute Engine selecionará todas as três zonas por padrão. Consulte Como distribuir instâncias usando grupos de instâncias gerenciadas regionais para saber mais.

8 de março de 2018

7 de março de 2018

  • É possível importar discos virtuais existentes (VMDKs, VHDs etc.) no Compute Engine como imagens em funcionamento. A importação de discos virtuais está disponível em Beta.

2 de março de 2018

22 de fevereiro de 2018

9 de fevereiro de 2018

1º de fevereiro de 2018

31 de janeiro de 2018

24 de janeiro de 2018

  • Agora, a API OS Login e o recurso de gerenciamento de chaves estão com disponibilidade geral. Suas chaves SSH públicas podem ser associadas à sua Conta do Google ou a contas de membros individuais em uma organização que use o G Suite ou o Cloud Identity. Leia Como gerenciar o acesso a instâncias para ver mais informações.

22 de janeiro de 2018

  • Para GPUs NVIDIA® Tesla® K80 nas zonas asia-east1-a e us-east1-d, é possível criar instâncias de GPU com até 416 GB de memória.

Para saber mais sobre as zonas em que as GPUs estão disponíveis, leia GPUs no Compute Engine.

11 de janeiro de 2018

10 de janeiro de 2018

  • Adição da nova região europe-west4. Ela europe-west4 contém zonas da Skylake que estão agora disponíveis para todos os projetos e usuários. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

  • Adição da nova região de Montreal northamerica-northeast1. Ela northamerica-northeast1 contém zonas da Skylake que estão agora disponíveis para todos os projetos e usuários. Consulte mais informações em Regiões e zonas.

8 de janeiro de 2018

  • Os nomes de DNS por zona estão disponíveis na versão Beta. Eles são exclusivos de cada zona em suas redes VPC internas. Os nomes de DNS globais continuam a resolver, mas é possível ativar os nomes de DNS por zona para melhorar a tolerância a falhas dos aplicativos quando eles fazem referência a instâncias na rede VPC interna. Leia DNS por zona para saber mais.

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…

Documentação do Compute Engine