Migrar a carga de trabalho de uma VM existente para uma nova VM


Em determinadas situações, é necessário mover sua carga de trabalho de uma instância de máquina virtual (VM) existente para uma nova VM. Exemplos disso incluem a necessidade de fazer upgrade do sistema operacional para uma nova versão ou de querer mudar da arquitetura x86 para a arquitetura Arm. Nesses casos, é preciso criar uma nova VM e mover a carga de trabalho para ela.

Como se preparar para migrar para uma VM Arm

Se você quiser migrar a VM para usar a plataforma de CPU Arm, por exemplo, de n2d-standard-32 para t2a-standard-32, conclua as etapas a seguir.

  1. Verifique se a versão do sistema operacional da sua VM atual é compatível com as VMs T2A. Consulte a documentação dos detalhes do sistema operacional para obter mais informações.
    • Se a instância do Arm exigir uma versão mais recente do sistema operacional, verifique se os aplicativos são compatíveis com essa versão mais recente.
    • Se uma imagem do Arm não estiver disponível para seu sistema operacional atual, escolha um novo sistema operacional para executar os aplicativos e verifique se eles são compatíveis com ele.
  2. Analise a visão geral da série de máquinas Tau T2A para ver quais recursos estão disponíveis. A série de máquinas T2A talvez não seja compatível com os mesmos recursos de rede ou armazenamento que você usa com sua VM atual.
  3. A série de máquinas T2A talvez não seja compatível com as mesmas interfaces que o seu tipo de máquina atual. Consulte as interfaces compatíveis do sistema operacional para ver quais interfaces de rede e armazenamento são compatíveis. Verifique se os aplicativos são compatíveis com as interfaces compatíveis.
  4. Consulte as regiões e zonas disponíveis para a série de máquinas T2A. A série de máquinas T2A talvez não esteja disponível em todas as regiões em que sua VM atual está. Ajuste os planos de implantação, disponibilidade e recuperação de desastres conforme necessário.
  5. Determine se os aplicativos ou programas serão executados no Arm ou se precisarão de modificações. Os binários x86 compilados não serão executados no Arm e os binários compilados do Arm não serão executados em x86. Você precisará recompilar seus binários para o Arm, normalmente sem modificações no código-fonte. Talvez também seja necessário fazer um upgrade dos pacotes e bibliotecas para incluir os equivalentes do Arm nas versões usadas em VMs x86. Se o aplicativo foi criado usando as versões mais recentes de uma linguagem de programação, ele provavelmente será compatível com o Arm sem exigir modificações adicionais. Para executar linguagens interpretadas como Python, Ruby e JavaScript, instale um ambiente de execução compatível com Arm na VM Arm.

Migrar a carga de trabalho de uma VM existente para uma nova VM

Para mover a carga de trabalho para uma nova VM, crie uma nova VM e mova a carga de trabalho para ela. É possível fazer isso quando precisar fazer um upgrade para a versão mais recente do sistema operacional ou mudar para uma VM sendo executada na plataforma Arm.

  1. Se necessário, atualize seus aplicativos e programas para que sejam compatíveis com a interface de rede gVNIC, a interface de armazenamento NVMe ou a nova versão do sistema operacional.
  2. Se a VM atual usar discos SSD locais que contêm dados que você quer manter, mova o conteúdo desses discos para um disco permanente.
  3. Criar uma nova VM de acordo com as especificações.

  4. Configure os usuários, os drivers, os pacotes e os diretórios de arquivos na nova VM necessários para oferecer suporte à carga de trabalho.
  5. Atualize seus aplicativos e programas para usar a interface de rede gVNIC ou a interface de armazenamento NVMe, se necessário.
  6. Mova os discos permanentes da VM antiga para a nova. Para fazer isso, remova o disco permanente da VM antiga e adicione-o à nova VM. Também é possível transferir arquivos de uma VM para outra.
  7. Instale os aplicativos e programas modificados na nova VM. Recompile os programas no novo SO, se necessário.
  8. Reatribua todos os endereços IP estáticos associados à VM original à nova VM Arm.
  9. Se preferir, mova os dados salvos dos discos permanentes de volta para um SSD local.

Se encontrar problemas ao mover a carga de trabalho de uma VM x86 para uma VM Arm, entre em contato com o gerente técnico de contas (TAM) ou o Professional Services Organization do Google (PSO) para obter assistência.

A seguir