Como ver os registros do autoescalador

Nesta página, você aprende a visualizar e interpretar os registros relacionados ao escalonamento automático. Ao ativar o escalonamento automático, o autoescalador toma decisões sobre o escalonamento com base nas opções que você especificou. Cada uma dessas decisões é registrada pelo Stackdriver Logging. Veja esses registros no Visualizador de registros.

No Visualizador de registros, você pode ver eventos relacionados a:

  • redimensionamento de um grupo de instâncias. Se o autoescalador redimensionar um grupo de instâncias, essa ação será descrita nos registros;
  • mudanças no status do autoescalador. Por exemplo, se o autoescalador estava funcionando corretamente, mas encontrou um problema, a mudança no status é descrita nos registros. Algumas dessas mensagens comuns sobre o status estão descritas na seção de Mensagens de status normalmente retornadas.

Antes de começar

Como ver os registros do autoescalador

Para ver os registros do autoescalador, use o Console do Google Cloud Platform, a ferramenta gcloud ou a API do Stackdriver Logging.

Console

  1. Acesse a página "Visualizador de registros".

    Acessar a página "Visualizador de registros"

  2. Selecione Autoescalador do GCE no menu suspenso do recurso.
  3. Em seguida, expanda o menu suspenso Todos os registros. Escolha autoescalador para ver os registros de escalonamento automático.

gcloud

Na ferramenta gcloud, execute o comando logging read na versão Beta para pesquisar todos os registros relacionados ao escalonamento automático, incluindo registros de atividade e auditoria. Por exemplo:

gcloud beta logging read "resource.type=gce_autoscaler" --limit 10 \
    --format json

Se você quiser restringir as entradas apenas aos registros relacionados às ações de redimensionamento do autoescalador, especifique o parâmetro logName e filtre pelo campo jsonPayload.newSize. Defina logName como:

`projects/[PROJECT_ID]/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler`

Por exemplo:

gcloud beta logging read 'logName="projects/[PROJECT_ID]/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler" AND jsonPayload.newSize:*' \
    --limit 10 --format json

Para ver as mudanças de status do autoescalador, use o parâmetro logName e filtre pelo campo jsonPayload.new_status. Defina logName como:

`projects/[PROJECT_ID]/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler`

Por exemplo:

gcloud beta logging read 'logName="projects/[PROJECT_ID]/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler" AND jsonPayload.new_status:*' \
    --limit 10 --format json

API

Faça uma solicitação à API do Logging v2. É preciso que o corpo da solicitação contenha o parâmetro filter a ser usado na pesquisa de registros e o project com os registros que você quer ver. Por exemplo, para fazer uma solicitação para receber uma lista de ações de redimensionamento:

POST https://logging.googleapis.com/v2/entries:list

{ "filter": "logName=\"projects\/[PROJECT_ID]\/logs\/compute.googleapis.com%2Fautoscaler\" AND jsonPayload.new_size:*", "pageSize": 10, "resourceNames": [ "projects\/[PROJECT_ID]" ] }

Para fazer uma solicitação para receber uma lista de mudanças de status:

POST https://logging.googleapis.com/v2/entries:list

{ "filter": "logName=\"projects\/[PROJECT_ID]\/logs\/compute.googleapis.com%2Fautoscaler\" AND jsonPayload.new_status:*", "pageSize": 10, "resourceNames": [ "projects\/[PROJECT_ID]" ] }

Registros de redimensionamento

Os registros relacionados às ações de redimensionamento descrevem informações sobre o tamanho anterior e o novo tamanho do grupo de instâncias. Você pode identificar essas entradas de registro pela existência dos seguintes campos no payload JSON:

jsonPayload.new_size
jsonPayload.old_size

Por exemplo, na entrada a seguir, o registro descreve as mudanças de um grupo de instâncias antigo de tamanho 8 para um novo grupo de instâncias de tamanho 10.

{
"insertId": "1l68z7sg4jw7kzo",
"jsonPayload": {
  "autoscaler_name": "example-autoscaler",
  "instance_group_name": "example-igm",
  "new_size": 10,
  "old_size": 8,
  "project_id": "myproject",
  "zone_name": "europe-west1-b"
},
"logName": "projects/myproject/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler",
"receiveTimestamp": "2017-10-24T16:12:08.294439822Z",
"resource": {
  "labels": {
    "autoscaler_id": "1234567890123456789",
    "location": "europe-west1-b",
    "project_id": "myproject"
  },
  "type": "gce_autoscaler"
},
"severity": "INFO",
"timestamp": "2017-10-24T16:12:07.715125478Z"

}

Veja abaixo a explicação de cada campo no registro:

Propriedade Valor
insertId Um identificador exclusivo da entrada de registro.
jsonPayload O payload da entrada de registro, representado como uma estrutura expressa como um objeto JSON.
new_size O novo tamanho do grupo após o escalonamento automático. Se o grupo foi ampliado, o novo tamanho será maior do que o antigo. Caso contrário, o novo tamanho será menor do que o tamanho antigo.
old_size O tamanho antigo do grupo antes de ser alterado.
instance_group_name O nome do grupo de instâncias gerenciadas a que a entrada de registro se aplica.
project_id O código do projeto do grupo de instâncias. É necessário que sempre seja o código do projeto atual.
autoscaler_name O nome do autoescalador responsável pela ação.
zone_name A zona do autoescalador e do grupo de instâncias.
resource Detalhes sobre o autoescalador.
type O tipo de recurso. No caso dos autoescaladores, este campo sempre será gce_autoscaler.
labels Metadados sobre o autoescalador.
location A zona do autoescalador.
autoscaler_id Um código numérico do autoescalador gerado pelo servidor.
project_id O código do projeto a que o autoescalador pertence.
timestamp A hora em que o evento descrito pela entrada de registro ocorreu. Um carimbo de data/hora no formato UTC "Zulu" RFC 3339, medido com precisão de nanossegundos.
severity A gravidade do registro. No caso dos registros de autoescalador, este valor sempre será "INFO".
logName O nome do recurso do registro a que a entrada pertence. No caso dos registros de redimensionamento do autoescalador, este valor sempre será projects/[PROJECT_ID]/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler.
receiveTimestamp A hora em que a entrada de registro foi recebida pelo Stackdriver Logging. Um carimbo de data/hora no formato UTC "Zulu" RFC 3339, medido com precisão de nanossegundos.

Registros de mudança de status

Quando o status do autoescalador muda, o Compute Engine cria uma entrada de registro que captura essa alteração. Você pode identificar essas entradas de registro pela existência dos seguintes campos no payload JSON:

jsonPayload.old_status
jsonPayload.new_status

Por exemplo, na entrada a seguir, veja uma mudança de status de OK para um novo status:

The autoscaler is configured to scale based on a load balancing signal but
the instance group has not received any utilization data from the load
balancer or the utilization is constantly 0. Check that the load balancing
configuration is working

Você pode usar essas mensagens de status para descobrir por que seu autoescalador não está se comportando corretamente ou depurar problemas encontrados anteriormente. Nesse caso, veja a nova mensagem de status e verifique se a configuração de balanceamento de carga está correta.

{
"insertId": "ivho6kg4icqfio",
"jsonPayload": {
  "autoscaler_name": "example-autoscaler",
  "instance_group_name": "example-igm",
  "new_status": {
    "details": "The autoscaler is configured to scale based on a load
        balancing signal but the instance group has not received any
        utilization data from the load balancer or the utilization is
        constantly 0. Check that the load balancing configuration is working."
  },
  "old_status": {
    "details": "OK"
  },
  "project_id": "myproject",
  "zone_name": "us-east1-b"
},
"logName": "projects/myproject/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler",
"receiveTimestamp": "2017-10-24T15:11:58.076196762Z",
"resource": {
  "labels": {
    "autoscaler_id": "1234567890123456789",
    "location": "us-east1-b",
    "project_id": "myproject"
  },
  "type": "gce_autoscaler"
},
"severity": "INFO",
"timestamp": "2017-10-24T15:11:57.619997893Z"

}

Veja abaixo a explicação de cada campo no registro:

Propriedade Valor
insertId Um identificador exclusivo da entrada de registro.
jsonPayload O payload da entrada de registro, representado como uma estrutura expressa como um objeto JSON.
new_status O novo status do autoescalador. Veja algumas mensagens de status normalmente retornadas.
old_status O antigo status do autoescalador antes da mudança.
instance_group_name O nome do grupo de instâncias gerenciadas a que a entrada de registro se aplica.
project_id O código do projeto do grupo de instâncias.
autoscaler_name O nome do autoescalador responsável pela ação.
zone_name A zona do autoescalador e do grupo de instâncias.
resource Detalhes sobre o autoescalador.
type O tipo de recurso. No caso dos autoescaladores, este campo sempre será gce_autoscaler.
labels Metadados sobre o autoescalador.
location A zona do autoescalador.
autoscaler_id Um código numérico do autoescalador gerado pelo servidor.
project_id O código do projeto a que o autoescalador pertence. Deve sempre ser o projeto atual.
timestamp A hora em que o evento descrito pela entrada de registro ocorreu. Um carimbo de data/hora no formato UTC "Zulu" RFC 3339, medido com precisão de nanossegundos.
severity A gravidade do registro. No caso dos registros de autoescalador, este valor sempre será "INFO".
logName O nome do recurso do registro a que a entrada pertence. No caso dos registros de mudança de status, este valor sempre será projects/[PROJECT_ID]/logs/compute.googleapis.com%2Fautoscaler.
receiveTimestamp A hora em que a entrada de registro foi recebida pelo Stackdriver Logging. Um carimbo de data/hora no formato UTC "Zulu" RFC3339, medido com precisão em nanossegundos.

Próximas etapas

Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…

Documentação do Compute Engine