Controle de versão do Cloud Composer

Nesta página, você verá como o controle de versão do Cloud Composer funciona. Com ele, é possível selecionar uma versão de imagem do Cloud Composer ao criar um ambiente.

Para executar o Apache Airflow com perfeição, o Cloud Composer cria imagens do Docker que combinam versões baunilha do Airflow com outros binários comuns e bibliotecas Python. As imagens incluem modificações do Airflow que são específicas para o Cloud Composer e inadequadas para uso no codebase upstream do Airflow. Os pacotes pré-instalados com essas alterações são chamados de composer-addon. Periodicamente, o Cloud Composer libera imagens que incluem novas versões do Airflow e melhorias no composer-addon.

Suporte das versões do Airflow

O Airflow segue o esquema semântico do controle de versão de softwares. O Cloud Composer é compatível com as duas últimas versões secundárias estáveis do Airflow e as duas versões de patch mais recentes delas. Por exemplo, se a versão mais recente do Airflow for X.Y.Z, o Cloud Composer será compatível com estas:

  • X.Y.Z e X.Y.Z-1: as duas versões de patch mais recentes da secundária X.Y.
  • X.Y-1 e X.Y-2: as duas últimas versões secundárias estáveis. Ignoramos o número do patch e supomos que o patch é o último número daquela versão secundária específica.

Esquema de versões

Além das versões baunilha do Airflow, a imagem do Cloud Composer inclui algumas bibliotecas e binários comuns como open-jdk, mysql e google-cloud-storage. O esquema de controle de versão de imagens do Cloud Composer a seguir coleta as versões do Airflow e do composer-addon:

composer-a.b.c-airflow-x.y.z

Em que

  • composer-a.b.c é a versão das personalizações gerenciadas do Cloud Composer;
  • airflow-x.y.z é a versão baunilha do Airflow.

Aliases e sinalizações de versão

No momento, o Cloud Composer é compatível com versões de imagem que são fixadas no composer-addon mais recente. Ao criar um ambiente do Cloud Composer, é possível usar a sinalização --image-version para especificar a versão do ambiente no formato composer-a.b.c-airflow-x.y.z. Outra opção é usar a sinalização --airflow-version para especificar a versão do Airflow no formato airflow-x.y.z. Isso cria o ambiente utilizando a versão especificada do Airflow e a mais recente do composer-addon.

O Cloud Composer também é compatível com o uso dos aliases de versão a seguir:

  • composer-latest-airflow-x.y.z especifica a versão de imagem do Cloud Composer com a mais recente compatível do composer-addon.
  • composer-a.b.c-airflow-x.y especifica uma versão de imagem do Cloud Composer que se expande automaticamente para composer-a.b.c-airflow-x.y.z, em que z é o número do patch mais recente.
  • composer-latest-airflow-x.y especifica uma versão de imagem do Cloud Composer com a mais recente do composer-addon. Ela é expandida automaticamente para airflow-x.y.z, em que z é o número do patch mais recente.

Quando você cria uma versão do ambiente do Cloud Composer com composer-latest-airflow-x.y.z, ela não fornece upgrades automáticos. Na verdade, o Cloud Composer resolve o alias composer-latest-airflow-x.y.z como composer-a.b.c-airflow-x.y.z no momento da criação.

Seleção da versão

Ao criar um novo ambiente, é possível selecionar as versões do Cloud Composer e do Python que serão usadas no ambiente. Se você não selecionar uma, será utilizada a versão padrão do Cloud Composer.

Também é possível fazer upgrade do ambiente para selecionar as versões do Cloud Composer e do Airflow que serão usadas.

Para conhecer as versões disponíveis e a padrão, consulte a Lista de versões.

Compatibilidade e suspensão de uso das versões

As versões do Cloud Composer são compatíveis por um período específico após o lançamento. Durante esse tempo, os ambientes do Cloud Composer que usam essas versões são compatíveis. Depois que o tempo de compatibilidade é encerrado, o uso do Cloud Composer é suspenso. Além disso, os ambientes que executam versões obsoletas não serão mais aceitos. A compatibilidade das versões do Cloud Composer é definida assim:

  • 0 a 12 meses a partir da data da versão: os ambientes do Cloud Composer que executam a versão são totalmente compatíveis.
  • 12 a 18 meses a partir da data da versão: os ambientes do Cloud Composer que executam a versão não são compatíveis, exceto para notificar os clientes sobre problemas de segurança.
  • Mais de 18 meses a partir da data da versão: os ambientes do Cloud Composer que executam a versão se tornam incompatíveis e são totalmente gerenciados pelo usuário.
Esta página foi útil? Conte sua opinião sobre:

Enviar comentários sobre…