Como configurar o Google Cloud Storage

É possível usar um bucket do Cloud Storage para armazenar e exibir arquivos, como filmes, imagens ou outros conteúdos estáticos. Neste documento, descrevemos como configurar seu ambiente para usar a biblioteca de cliente do App Engine para Cloud Storage.

Configurar o projeto

Siga as instruções em Como criar um aplicativo de livro de visitas para configurar seu ambiente, criar um projeto do Cloud e entender como aplicativos Go 1.11 são estruturados no App Engine. Anote e guarde o ID do projeto para uso com seu aplicativo.

Como ativar um bucket do Cloud Storage

Para usar o Cloud Storage, é preciso ativar pelo menos um bucket. Você pode usar o bucket padrão que fornece gratuitamente os primeiros 5 GB de armazenamento. Se quiser, sempre será possível ativar e usar outro bucket do Cloud Storage. No entanto, apenas o bucket padrão inclui os primeiros 5 GB de armazenamento gratuitos. O bucket padrão também inclui uma cota gratuita para operações de E/S do Cloud Storage. Consulte Preços, cotas e limites para mais detalhes.

Para ativar o bucket padrão do Cloud Storage para seu aplicativo:

  1. Clique em Criar na seção bucket padrão do Cloud Storage da página Configurações do App Engine no projeto. Observe o nome desse bucket: ele está no formato <project-id>.appspot.com.

  2. Se você precisar de mais armazenamento, além do limite de 5 GB, é possível aumentá-lo ativando o faturamento do seu projeto. Assim, ele se tornará um bucket pago e você será cobrado pelo armazenamento que exceder o limite dos 5 GB.

Se quiser ativar um ou mais buckets pagos, siga as instruções em Como criar um bucket.

Como configurar permissões de bucket e de objeto

Encontre informações sobre como permitir que a conta de serviço do aplicativo ou outros usuários acessem o bucket de armazenamento e o conteúdo dele em Como definir permissões de buckets e Como definir permissões de objetos.

Como fazer o download da biblioteca de cliente

A biblioteca de cliente do App Engine para Cloud Storage está disponível por meio da ferramenta go. Para fazer o download da biblioteca:

  1. Defina o GOPATH, se necessário. Se você estiver usando Linux e macOS, será possível definir o GOPATH da seguinte maneira:

    mkdir -p $HOME/go
    export GOPATH=$HOME/go
  2. Faça o download dos pacotes oauth2, storage e appengine:

    go get -u golang.org/x/oauth2
    go get -u cloud.google.com/go/storage
    go get -u google.golang.org/appengine/...
Para detalhes sobre como instalar a biblioteca de cliente, consulte a página Bibliotecas de cliente do Cloud Storage.

Como usar a biblioteca de cliente com o servidor do aplicativo de desenvolvimento

É possível usar a biblioteca de cliente com o servidor de desenvolvimento. No entanto, como não há emulação local do Cloud Storage, todas as solicitações de leitura e gravação de arquivos precisam ser enviadas pela Internet para um bucket real do Cloud Storage.

Para usar a biblioteca de cliente com o servidor do aplicativo de desenvolvimento:

  1. Ative um bucket do Cloud Storage.

  2. Execute dev_appserver.py com a sinalização --default_gcs_bucket_name [BUCKET_NAME], substituindo [BUCKET_NAME] pelo nome do bucket do Cloud Storage que você está usando.

    Essa sinalização controla o bucket que será retornado quando o aplicativo chamar file.DefaultBucketName(ctx).

Preços, cotas e limites

Não há cobranças de largura de banda associadas à realização de chamadas ao Cloud Storage a partir da biblioteca de cliente do App Engine. No entanto, há cobranças de operações. Além disso, as chamadas são contabilizadas na cota de busca de URL, uma vez que a biblioteca usa o serviço de busca de URL para interagir com o Cloud Storage.

O Google Cloud Storage é um serviço pago de acordo com o uso. Por isso, você será cobrado de acordo com a planilha de preços do Cloud Storage.

Alternativas de acesso ao Cloud Storage

Em vez de usar a biblioteca de cliente, você pode usar as seguintes opções:

A seguir